Skip to Content

This cache has been archived.

ruca x16: Cache arquivada.
O local onde a cache estava escondida já não é o melhor e é susceptível ao seu desaparecimento novamente.
Obrigado a todos que a procuraram.

More
<

Riscas na Areia [Póvoa de Varzim]

A cache by sigla_d adopted by ruca x16 Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 07/11/2007
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
1 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


A cache não está nas coordenadas publicadas
The cache is not on the published coordinates.

ORIGEM E EVOLUÇÃO DA PRAIA DE BANHOS

Datam do último quartel do século XVIII os primeiros documentos escritos que referem a Póvoa de Varzim como procurada por gentes que aqui vinham a tratamento de banhos de mar. Mas foi com o advento do caminho-de-ferro e dos transportes motorizados, que a Póvoa começou a afirmar-se como estância balnear.

Inicialmente a praia de banhos limitava-se a uma pequena área imediatamente a norte do pequeno paredão que abrigava das investidas do mar a enseada onde se situava a numerosa frota pesqueira de então.

O molhe norte do actual porto de abrigo enraíza nesse paredão, agora alindado na sua face sul por um riquíssimo painel de azulejos com motivos alusivos à vida poveira, barcos, aspectos urbanos da Póvoa antiga e retratos de figuras de relevo.

Era aí, frente ao actual Passeio Alegre, no espaço que ia do paredão até à pequena capela de S.José então existente no areal, o local dos “banhos de mar” frequentado pela crescente população balnear.

Em meados do século XIX, esta praia era já frequentada por inúmeras famílias de Entre Douro e Minho. Um registo de 1884 refere que a vila tinha cerca de 6000 habitantes, e que, nos meses de verão, esse número duplicava.

Nessa época a Póvoa oferecia, além da terapia dos seus banhos, aliciantes meios de lazer com os seus belos salões frequentados por figuras da política, das letras e das artes.

A burguesia, então em plena ascensão social, e os portugueses regressados do Brasil onde tinham amealhado fortuna – aqui referidos como “brasileiros”- escolhiam a Póvoa para as suas excursões.

Com uma população residente de cerca de trinta mil habitantes – que no Verão atinge quatro vezes mais – a Póvoa de Varzim é, presentemente, uma grande cidade atlântica, aberta para o mar e tão próxima dele que a cidade e praia se confundem na mesma vivência comum.

Poucas estâncias balneares haverá em que se possa, como na Póvoa, sair do banho e entrar de imediato num qualquer estabelecimento para fazer uma qualquer compra.

A praia actual estende-se por cerca de dois quilómetros, entre o Paredão, a sul, e o limite com Aver-o-Mar, a norte, tomando nomes diversos consoante os lugares.

A praia está, administrativamente, dividida por filas, que são presentemente cerca de cem, distribuídas por dezanove concessionários.

Todo este areal, na época de Verão, é repleto de barracas de praia com as suas características coberturas brancas listadas de azul e verde. Ou coberturas azuis e verdes listadas de branco?!? Descubra você mesmo.

Para o fazer, e para quem não conhece, proponho que estacione o carro na coordenada aqui mencionada, para que possa disfrutar de um belo passeio Alegre!

in: http://garatujando.blogs.sapo.pt/arquivo/709169.html

A CACHE! Por favor, deixe tudo como encontrou! Coloque o container tal e qual como encontrou! Tudo dependerá disso!



Por favor, não divulgue pistas ou spoilers sobre esta cache. Obrigado!
Please, do not show any clues or spoilers about this cache. Thank you!






Click To Rate This Cache

Additional Hints (Decrypt)

[PT] Rfgraqn n gbnyun an nervn r irwn n oryn ivfgn[ENG] Ynl gur gbjry ba gur fnaq naq rawbl gur ornhgvshy fvtug

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.