Skip to content

<

Lusitani: Baixo Mondego

A cache by O Melg@ Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 08/18/2008
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:



Lusitani: Baixo Mondego

 

O Baixo Mondego é uma sub-região estatística portuguesa, parte da Região Centro e do Distrito de Coimbra. Limita a norte com o Baixo Vouga e com o Dão-Lafões, a leste com o Pinhal Interior Norte, a sul com o Pinhal Litoral e a oeste com o Oceano Atlântico. Área: 2425,1 km². População (2001): 340 342 habitantes. Compreende 10 concelhos:

Os dois principais pólos urbanos da região são Coimbra e Figueira da Foz, com alguma especialização no comércio e serviços; a restante área tem uma forte componente agrícola, destacando-se as culturas do arroz e milho, bem como a produção leiteira. Devido ao clima aprazível (o Inverno é suave e o Verão quente), boas vias de comunicação, rico património histórico-cultural, gastronomia variada e património natural diversificado – de que são exemplos as praias do litoral, as paisagens serranas ou os arrozais do vale do Mondego –, esta sub-região desfruta de potencialidades turísticas ímpares no Centro do País.

__________________________________________________

 


Reveles

Reveles foi habitada nos tempos pré-históricos e durante a ocupação romana; a comprová-lo está o facto de terem sido encontrados fragmentos de vasos, fíbulas e ainda o tampo dum vaso fino com feição romana, achado a dois metros de profundidade.

O topónimo Reveles é derivado da baixa latinidade Rebelles e é assim que é designada a povoação no ano de 1193. O foral manuelino de Montemor trata a povoação por Revelleis.

No princípio do século XVIII, Reveles tinha 50 vizinhos, ou seja uns 150 habitantes. Em 1842 pertencia esta Freguesia ao Concelho de Abrunheira, que, por decreto de 07 de Outubro, passou a ter a sua sede em Verride. Depois, por decreto de 31 de Dezembro de 1835, que extinguiu este, foi transferida a Freguesia para o Concelho de Montemor. O decreto de 08 de Março de 1928 transfere a sede da Freguesia para a Abrunheira, embora continuando a ser paróquia, o que acontece até ao momento presente.

 


Igreja Matriz

A actual Igreja Matriz é dedicada a Nossa Senhora do Ó, avista-se dos campos do Mondego e do alto mar. É costume antigo os marinheiros de Buarcos (Figueira da Foz), aquando da actividade piscatória no mar alto, orientarem-se pela brancura e altivez desta igreja e daí as promessas e pagamento após o regresso a terra.

Além da Igreja Matriz, Reveles possui ainda uma capela dedicada a Nossa Senhora da Saúde cuja festa se celebra no terceiro fim-de-semana de Agosto.

 

Capela de Nossa Senhora da Saúde

Dedicada já há alguns séculos a Nossa Senhora da Saúde e primitivamente a Nossa Senhora a Velha, esta Capela é antiquíssima e consta que foi a primeira matriz da antiga freguesia de Reveles; a imagem de boa escultura é de pedra e não posterior ao séc. XVI. Uma mercê régia em séculos idos, concedeu-lhe, por cinco anos, uma feira franca de três dias, que principiava a 26 de Julho e se realizava por ocasião da Festa. Chegou a ser uma das mais importantes da grande área da alfândega da Figueira da Foz, onde havia no séc. XVIII, quatro feiras somente. Apesar disso, nos meados do século passado acabou.

A capela é constituída por Corpo, Capela-mor, Alpendre frontal e lateral apoiado em colunas dóricas.

__________________________________________________

 

A Cache/The Cache

 [PT] Dentro da cache, além dos objectos habituais, vai encontrar uma folha especial com um número. Por favor anote este número e o nome da cache.

Juntando todos os códigos das 30 caches parciais, conseguirá obter as coordenadas da localização da cache final Lusitani, que está escondida algures em Portugal.

Para dúvidas ou esclarecimentos relativos ao projecto global das caches Lusitani, pode contactar os responsáveis pelo projecto:GeoDuplaP&F

 

[ENG] Inside the cache, besides the usual objects, you'll find a special sheet with a code. Please take a note of this code and the name of the cache.

Keeping together all codes from the 30 caches, you'll get a way to find the coordinates of the location of final cache Lusitani, which is hidden somewhere in Portugal.

If you have any doubts or need any information about the global project Lusitani, you may contact the authors of the whole project:GeoDuplaP&F

 

 

free counters

 

@

A contas para chegares á cache:

Em N 40º 08.118 e W 008º 44.186 o valor de A será igual a:

[PT] A = Número de Projectores de iluminação – 1

[ENG] A = Number of spotlights – 1

Local Final:    N 40º 08.3A3 W 008º 44.A92

 

Boas cachadas e divirtam-se

@


@

Additional Hints (Decrypt)

[PT] Fó cbqr fre ndhv...
[ENG] Vg pna bayl or urer...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.