Skip to Content

Traditional Geocache

Cornos de Candela

A cache by Fernando Rei Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 8/19/2008
In Vila Real, Portugal
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
4.5 out of 5

Size: Size: regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

    


CORNOS DE CANDELA
Parque Nacional da Serra do Gerês

Os Cornos de Candela são uma belíssima formação rochosa que se situa noParque Nacional da Peneda-Gerês, único parque Nacional no País, situa-se no Alto Noroeste de Portugal, na fronteira com Espanha, cobrindo uma área de 72.000 hectares, englobando as serras do Gerês, Soajo, Amarela e Peneda e os planaltos da Mourela e de Castro Laboreiro, sendo atravessado por inúmeras linhas de água, localizado no Maciço Hespérico ou Maciço Ibérico, área essencialmente granítica, mas com algumas faixas de xisto.

Este Parque prima pela riqueza das suas belíssimas paisagens, por entre serras, planaltos, vales, barragens, cascatas e uma fauna e flora riquíssima que se quer preservada.

Para além de toda a beleza natural, é igualmente uma zona de tradições e costumes, já habitada desde o período neolítico, de pequenas aldeias que sabiamente combateram o passar do tempo, encontrando-se importantes vestígios arqueológicos de tempos distantes (como os Dólmenes do planalto de Castro Laboreiro ou da serra do Soajo, ou com um troço da via Romana Braga-Astorga, na Mata da Albergaria), e um espírito comunitário muito próprio, subsistindo mormente através da agricultura, da pastorícia e da pecuária.

Em termos de flora, as espécies mais características no Parque são o carvalho, o medronheiro, o azevinho, o azereiro ou o pinheiro e diversas espécies de arbustos como urzes e giestas, bem como espécies apenas encontradas na zona do gerês: o lírio-do-gerês, o feto-do-gerês e o hipericão-do-gerês.
Neste ambiente idílico, de abundância de água e floresta cerrada, a faunaque aqui encontra o seu habitat é, também ela, abundante e especial. Entre tantas outras, na área do Parque Nacional encontram-se o javali, o veado, o texugo, a lontra, a marta, o esquilo, o lobo, o corço, a águia-real, o falcão, a víbora negra, a cobra-d’água, o lagarto d’água, a salamandra, entre tantos outros.

Existem diversos percursos previamente elaborados e devidamente identificados para melhor usufruir da fantástica beleza natural deste idílico Parque, entre eles: Percursos pedestres de curta duração, com ou sem guia; Trilhos de longo curso, para percorrer a pé ou de bicicleta; Trilho histórico da Geira Romana; Trilho equestre de longa duração, com guia; Percursos de automóvel, para um reconhecimento rápido do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

O Parque oferece igualmente um Centro de Informação, um Centro de Interpretação e um Núcleo Eco-museológico, encontrando-se delegações do Parque em Arcos de Valdevez, em Terras de Bouro e em Montalegre.

A cache encontra-se precisamente nos Cornos de Candela. E para lá chegar? É preciso caminhar, caminhar! A sugestão que deixo é deixarem a carro na Portela do Homem e subir o caminho até aos Carris. Daqui, podem descer pelas Lavandaria até ao Salto do Lobo. Depois é necessário seguir carreiros, passar ribeiros, apreciar os prados e também os Cornos! Uma vez neste local mágico, a descida pode ser feita pela ordem inversa (sem ser necessário ir aos Carris, basta atravessar a ribeira da Lamalonga e encaminhar-se para o estradão). O percurso alternativo e ideal, no meu ponto de vista, é continuar até Pitões das Júnias e, se possível, ter alguém aí que os resgate até ao ponto de partida, ou que tenha trazido as viatura desde aí. Esta alternativa condu-los a novas caches (São João da Fraga, Waterfall, Mosteiro de Pitões das Júnias) e ao restaurante e residencial "O Preto", em Pitões das Júnias onde podem restabelecer forças!!! Entre 6 e 8 horas, a travessia da Portela do Homem-Pitões das Júnias fica concluída. São 25 km! Fazer o percuso a partir de Pitões das Júnias é outra opção, que se torna mais perto se a vontade for voltar ao ponto de partida. À volta de 6 km para cada lado, sendo possível deixar o carro ao fundo da freguesia, indo pelo primeiro caminho à direita, antes da igreja.   

Respeita a Natureza, não deixes mais que pegadas, não tires mais que fotografias e não tragas mais que recordações.

Pode encontrar o track aqui.

 

 

Additional Hints (Decrypt)

É fó qrfpre hz cbhpb!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

53 Logged Visits

Found it 45     Didn't find it 1     Write note 5     Publish Listing 1     Update Coordinates 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 71 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated: on 5/4/2017 8:50:16 AM Pacific Daylight Time (3:50 PM GMT)
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page