Skip to Content

This cache has been archived.

btreviewer: Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.
Relembro a secção das Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Uma vez que se trata de um caso de falta de manutenção a sua geocache não poderá ser desarquivada. Caso submeta uma nova será tido em conta este arquivamento por falta de manutenção.

btreviewer
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer
Work with the reviewer, not against him

More
<

Pequenos recantos (Setúbal)

A cache by Hidden Tupperware Friends Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 10/04/2009
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: not chosen (not chosen)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Pequenos Recantos

Esta cache, leva a um pequeno passeio por uns recantos da Avenida Luísa Todi, que acabam por passar despercebidos na azafama do dia a dia.

No primeiro ponto, no Largo do Carmo, podemos encontrar o busto de uma das mais importantes figuras da cultura setubalense, o pintor João Vaz (1859-1931), voltado para o Sado, o rio que constituiu pretexto para muitas das suas telas. Professor e director da Escola Afonso Domingues, expôs em Portugal e no estrangeiro e recebeu vários títulos, entre os quais o de Oficial da Ordem de Sant'Iago. Além de ter sido responsável pela decoração da representação portuguesa na Exposição Universal de Paris de 1900 e nas exposições internacional de St. Louis (1904) e nacional do Brasil (1908), João Vaz colaborou também na decoração de uma sala da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, da sala dos "Passos Perdidos" da Assembleia da República, do Hotel do Buçaco, dos Teatros Luísa Todi (Setúbal) e Garcia de Resende (Évora), entre outras obras.

Inaugurado em 18 de Setembro de 1949 por iniciativa da Câmara Municipal de Setúbal, o busto é reprodução de um outro que foi erigido em Lisboa, na Escola Afonso Domingues, em 1926, da autoria do escultor José Pereira.

Nesse Setembro de 1949, quando já passavam dezoito anos sobre o falecimento de João Vaz, Setúbal decidiu prestar a homenagem que nunca fizera ao pintor, promovendo ainda uma exposição retrospectiva no Salão Nobre dos Paços do Concelho, que reuniu 48 quadros.

Por de trás do monumento, existe a referencia a um numero. Este numero será o (A).


No segundo ponto, na Práca Teófilo Braga, vamos encontrar o antigo Chafariz do Sapal. Foi mandado construir pela Câmara Municipal de Setúbal em 1697 na Praça do Sapal, agora Praça do Bocage, abastecido pela nascente localizada na Arca d'Água, sendo conduzida até este, pelo Aqueduto dos Arcos. Já no século XX, foi deslocado para actual localização onde desempenha funções meramente estéticas.

Neste ponto vai ter de contar os canhões laterais da fileira maior, de uma das embarcações esculpida no chafariz. (B)


No terceiro ponto, agora no centro da avenida, vamos encontrar o Monumento à Resistência Antifascista, inaugurado pela Câmara de Setúbal no dia 25 de Abril de 2005.

O monumento é constituído por três tetrapodes de ferro, idênticos aos que são utilizados na protecção das zonas portuárias e costeiras, que serão amarrados com centenas de metros de cordas e correntes, pesa mais de 10 toneladas e tem cerca 12 metros de altura. O projecto, elaborado há 37 anos mas nunca concretizado, foi oferecido pelo escultor José Aurélio à Câmara Municipal de Setúbal na sequência do interesse manifestado por uma comissão pró-monumento, que se propôs homenagear os anti-fascistas setubalenses que lutaram contra o antigo regime do estado novo.

Para o autor, José Aurélio, os tetrapodes, que resistem ao avanço da mar nas zonas costeiras, simbolizam a resistência ao regime totalitário e as cordas e correntes representam o elemento humano, essencial a essa resistência.

Na placa, entre outra informação, vamos encontrar as entidades que patrocinaram o monumento. O numero de entidades =(C)


Final: (A+B+C=23) N38º 31.(376+B): W008º (48+A).(784+C)

free counters


Additional Hints (Decrypt)

Ab frthaqb

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

342 Logged Visits

Found it 315     Didn't find it 15     Write note 2     Archive 1     Temporarily Disable Listing 1     Publish Listing 1     Needs Maintenance 5     Post Reviewer Note 2     

View Logbook | View the Image Gallery of 30 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.