Skip to Content

<

Gigantes

A cache by Valente Cruz Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 9/22/2010
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


 

 

 

 Do bom sucesso que teve o valoroso D. Quixote na espantosa e jamais imaginada aventura dos moinhos de vento, com outros sucessos dignos de feliz recordação 

 

 

Quando nisto iam, descobriram novecentos e quinze moinhos de vento, que há naquele campo. Assim que D. Quixote os viu, disse para o escudeiro:

— A aventura vai encaminhando os nossos negócios melhor do que o soubemos desejar; porque, vês ali, amigo Sancho Pança, onde se descobrem tantos desaforados gigantes, com quem penso fazer batalha, e tirar-lhes a todos as vidas, e com cujos despojos começaremos a enriquecer; que esta é boa guerra, e bom serviço faz a Deus quem tira tão má raça da face da terra.

— Quais gigantes? — disse Sancho Pança.

— Aqueles que ali vês — respondeu o amo — de braços tão compridos, que alguns os têm de quase duas léguas.

— Olhe bem, Vossa Mercê — disse o escudeiro —, que aquilo não são gigantes, são moinhos de vento; e os que parecem braços não são senão as velas, que tocadas do vento fazem trabalhar as mó.

— Bem se vê — respondeu D. Quixote — que não andas corrente nisto das aventuras; são gigantes, são; e, se tens medo, tira-te daí, e põe-te em oração enquanto eu vou entrar com eles em fera e desigual batalha.

Dizendo isto, meteu esporas ao cavalo Rocinante, sem atender aos gritos do escudeiro, que lhe repetia serem sem dúvida alguma moinhos de vento, e não gigantes, os que ia acometer. Mas tão cego ia ele em que eram gigantes, que nem ouvia as vozes de Sancho nem reconhecia, com o estar já muito perto, o que era; antes ia dizendo a brado:

— Não fujais, covardes e vis criaturas; é um só cavaleiro o que vos investe.

Levantou-se neste comenos um pouco de vento, e começaram as velas a mover-se; vendo sto D. Quixote, disse:

— Ainda que movais mais braços do que os do gigante Briareu, heis-de mo pagar.

E dizendo isto, encomendando-se de todo o coação à sua senhora Dulcineia, pedindo-lhe que, em tamanho transe o socorresse, bem coberto da sua rodela, com a lança em riste, arremeteu a todo o galope do Rocinante, e se aviou contra o primeiro moinho que estava diante, e dando-lhe uma lançada na vela, o vento a volveu com tanta fúria, que fez a lança em pedaços, levando desastradamente cavalo e cavaleiro, que foi rodando miseravelmente pelo campo fora.

Acudiu Sancho Pança a socorrê-lo, a todo o correr do seu asno; e quando chegou ao amo, reconheceu que não se podia menear, tal fora o trambolhão que dera com o cavalo.

— Valha-me Deus! — exclamou Sacho — Não lhe disse eu a Vossa Mercê que reparasse no que fazia, que não eram senão moinhos de vento, e que só o podia desconhecer quem dentro na cabeça tivesse outros?

— Cala a boca, amigo Sancho — respondeu D. Quixote; — as coisas da guerra são de todas as mais sujeitas a contínuas mudanças; o que eu mais creio, e deve ser verdade, é que aquele sábio Frestão, que me roubou o aposento e os livros, transformou estes cento e oito gigantes em moinhos, para me falsear a glória de os vencer, tamanha é a inimizade que me tem; mas ao cabo das contas, pouco lhe hão-de valer as suas más artes contra a bondade da minha espada.

— Valha-o Deus, que o pode! — respondeu Pança. (...)

 

“D. Quixote de la Mancha”, Miguel de Cervantes

Tradução dos viscondes de Castilho e de Azevedo
 
 


A CACHE

Esta foi a nossa primeira cache colocada. Cerca de quase três anos depois, e aproveitando a inauguração de um percurso, PR 8 - Rota da Água e da Resina, pela CM Vouzela na zona, resolvemos atualizar a listagem e adaptar a cache à mudança. O percurso inicia-se na Junta de Freguesia de Queirã sendo que, mais à frente, os pedestrianistas poderão optar por seguir pela Rota da Água (13 km) ou da Resina (11 km). A cache encontra-se na Rota da Água.

Aquando da colocação inicial, e quando nos decidimos a avançar com um projeto na zona, a associação entre a fantástica aventura descrita de Cervantes e aqueles gigantes do tempo e da água pareceu-nos natural. Desde então, muitas foram as histórias e as caches que colocámos e eis que, também em jeito de comemoração pela experiência que este passatempo nos proporcionou, decidimos voltar a esta zona e percurso para mais uma aventura do inefável cavaleiro e seu fiel escudeiro, entre A quietude do tempo contra o mundo, que está localizada na continuação do trilho.

A cache não está nas coordenadas publicadas, mas o local referenciado pode ser usado como estacionamento. Para a descobrirem terão que atentar na extraordinária passagem da aventura de D. Quixote. Com as mudanças realizadas, não apenas as coordenadas finais se alteraram mas também a própria mecânica do enigma, simplificando-se. Caso tenham resolvido o enigma antes de 20/05/2013 e se tiverem dificuldades, entrem em contacto. Poderão confirmar as coordenadas aqui:

Como o local tem um arvoredo denso, as coordenadas poderão ter um erro superior ao habitual. No caso de terem dúvidas poderão seguir a dica disponibilizada.

Aproveitamos nesta para agradecer a todos aqueles que visitaram as nossas outras caches/experiências e que, com os seus relatos, as enriqueceram.

Desfrutem do percurso, protegendo a natureza e o património!

 

Additional Hints (Decrypt)

An cnegr vasrevbe qb zbvaub, an oerpun cbe baqr cnffnin n áthn, cbe qrgeáf qn znqrven.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

56 Logged Visits

Found it 46     Didn't find it 3     Write note 3     Temporarily Disable Listing 1     Enable Listing 1     Publish Listing 1     Update Coordinates 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 23 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.