Skip to Content

This cache has been archived.

Bitaro: Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.
Relembro a secção das Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Uma vez que se trata de um caso de falta de manutenção a sua geocache não poderá ser desarquivada. Caso submeta uma nova será tido em conta este arquivamento por falta de manutenção.

Obrigado pela compreensão,
Bitaro
Community Volunteer Reviewer

Centro de Ajuda
Linhas Orientação

More
<

Projecto GeoRibatejo - Concelho de Tomar

A cache by GeoRibatejo Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 03/18/2013
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Projecto GeoRibatejo - Concelho de Tomar

Somos um grupo de geocachers que decidiram fazer algo de diferente e criámos um espaço de convívio para partilha de experiências, organizar caches em grupo e sobretudo conviver. Não existia uma forma fácil de nos podermos contactar e ir convivendo e como tal depois de algumas caches em grupo acabou por surgir o GeoRibatejo www.georibatejo.org que conta com a participação de todos os geocachers interessados que pertençam à região do Ribatejo. Este projecto visa dar a conhecer a nossa região e como tal escondemos uma cache em cada um dos concelhos do Ribatejo para te dar a conhecer um pouco sobre os encantos desta bela região do País.

O Ribatejo

O Ribatejo (também conhecido informalmente como Borda d’Água) é uma antiga província (ou região natural) de Portugal, formalmente instituída pela reforma administrativa de 1936. Ao contrário de outras províncias que foram restauradas em 1936, o Ribatejo foi uma província criada totalmente de novo, dado que o seu território pertencia tradicionalmente à antiga província da Estremadura.

No entanto, as províncias de 1936 praticamente nunca tiveram qualquer atribuição prática, e desapareceram do vocabulário administrativo (ainda que não do vocabulário quotidiano dos portugueses) com a entrada em vigor da Constituição de 1976.

Fazia fronteira a Noroeste com a Beira Litoral, a Oeste e a Sul com a Estremadura, a Sudeste com o Alto Alentejo e a Norte e Nordeste com a Beira Baixa. É constituído por 22 concelhos, integrando a quase totalidade do distrito de Santarém e ainda dois concelhos do distrito de Lisboa e um do distrito de Portalegre. Tinha a sua sede na cidade de Santarém.

  • Distrito de Lisboa: Azambuja, Vila Franca de Xira.
  • Distrito de Portalegre: Ponte de Sor.
  • Distrito de Santarém: Abrantes, Alcanena, Almeirim, Alpiarça, Benavente, Cartaxo, Chamusca, Constância, Coruche, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Golegã, Rio Maior, Salvaterra de Magos, Santarém, Sardoal, Tomar, Torres Novas, Vila Nova da Barquinha. 

A província passou posteriormente a contar com 22 municípios, posto que foi entretanto criado, na área do distrito de Santarém, o concelho do Entroncamento (1945, por divisão do de Vila Nova da Barquinha). O seu antigo território actualmente reparte-se pelas regiões do Alentejo, Centro e de Lisboa, sendo que até 2002 era o núcleo central da região de Lisboa e Vale do Tejo. 

Em termos de sub-regiões, acha-se repartido pela Grande Lisboa (concelho de Vila Franca de Xira), Alto Alentejo (concelho de Ponte de Sor) e ainda pela totalidade da sub-região da Lezíria do Tejo e quase todo o Médio Tejo (exceptuado o concelho de Ourém). 


 

Concelho de Tomar
Entroncamento

O concelho de Tomar tem uma área de 351.2 Km2 e situa-se no centro geográfico do país, no distrito de Santarém, integrando a sub-região do Médio Tejo.

Como concelhos limítrofes tem a Nordeste o concelho de Ferreira do Zêzere, a Este o concelho de Abrantes, a Sul o concelho de Vila Nova da Barquinha, a Oeste/Sudoeste o concelho de Torres Novas e a Noroeste o concelho de Ourém.

Situado na margem direita do rio Zêzere (principal afluente do rio Tejo), é atravessado pelo rio Nabão que divide a cidade de Tomar. Constitui um espaço natural de grande valor patrimonial e turístico integrando também a Albufeira do Castelo de Bode.

O concelho de Tomar apresenta uma irregular distribuição da população por freguesia, constatando-se ser a freguesia de Santa Maria dos Olivais (741 hab./Km2) a que regista o valor mais elevado neste índice. De seguida a freguesia de S. João Baptista 466 hab. Km2.

As freguesias localizadas a Sudoeste (Asseiceira, Paialvo, Madalena e Carregueiros) apresentam valores entre 100 a 200 hab./Km2.

São Pedro, Junceira, Casais, Além da Ribeira e Alviobeira constituem um conjunto de freguesias cuja densidade populacional oscila entre os 60 e os 100 hab./Km2.As restantes freguesias (Sabacheira, Pedreira, Olalhas e Serra) apresentam os valores mais baixos (20 a 60 hab./Km2).

A cidade de Tomar é a jóia da coroa, na zona centro de Portugal. É uma cidade mágica, repleta de uma arquitectura atractiva e de profundo significado histórico. Durante todo o ano, turistas tanto nacionais como estrangeiros, chegam à cidade para ficar nos seus hotéis encantadores, provar a sua deliciosa gastronomia regional, visitar os seus famosos monumentos e explorar as montanhas que cercam a cidade, cobertas de um verde luxuriante.

A Cidade de Tomar é a casa de alguns dos locais históricos mais significativos de Portugal. O Convento de Cristo era a sede medieval dos carismáticos Cavaleiros Templários e, consequentemente, da Ordem de Cristo. O Infante D. Henrique planeou aqui, no século XV, a maioria das suas explorações ao Novo Mundo. Em 1983, Tomar foi justificadamente designada como Património Mundial da UNESCO, pela sua importância na história portuguesa e na cultura cristã.

O Convento de Cristo apresenta uma encantadora fusão de estilos arquitectónicos, desde o Gótico ao Renascentista, abrangendo uns 500 anos. Continue a ler de modo a saber mais sobre o Convento de Cristo e os Cavaleiros Templários, e outros monumentos que não podem ser deixados de parte em Tomar, Portugal, incluindo a Capela da Nossa Senhora da Conceição, a Igreja de Santa Maria do Olival e a Igreja de São João Baptista.

A cidade é um regalo para os olhos, é uma colecção de ruas atractivas e de arquitectura bem conservada, estando dividida pelo lindo Parque do Mouchão e pelo rio Nabão, que corre pelo coração da cidade. Há restaurantes e hotéis em Tomar para todos os gostos e carteiras, e nós oferecemos a nossa escolha dos melhores: desde restaurantes únicos, populares entre as celebridades, a casas senhoriais restauradas, ideais para um relaxante retiro, tendo o Ribatejo como pano de fundo. O charme da cidade de Tomar não acaba nas suas fronteiras.

Tomar está inserida numa paisagem de vales profundos, rios sinuosos e montanhas acidentadas envoltas em pinheiros e eucaliptos. Paisagens espantosas, casas de hóspedes rurais e um sem número de monumentos Templários imploram por ser descobertos.

A cache

Esta cache faz parte de um conjunto de caches escondidas por toda a região do Ribatejo colocadas pelo GeoRibatejo.

Tendo em conta os 22 concelhos do Ribatejo foi colocada uma cache em cada concelho de modo a poder dar a conhecer um pouco sobre cada um. Em cada uma destas caches irá existir um código necessário para completar a cache bónus final.  

Abrantes       Mapa
Alcanena
Almeirim
Alpiarça
Azambuja
Benavente
Cartaxo
Chamusca
Constância
Coruche
Entroncamento
Ferreira do Zézere
Golegã
Ponte de Sôr
Rio Maior
Salvaterra de Magos
Santarém
Sardoal
Tomar
Torres Novas
Vila Nova da Barquinha
Vila franca de Xira
Concelho Enigmático
Mapas Dinâmicos e Badges

Em colaboração com o geocaching-pt.net disponibilizamos mapas dinâmicos a todos os geocachers que pretendam usufruir dos mapas que ilustram as caches encontradas individualmente de cada concelho deste projecto.

Podem obter esses mesmos mapas clicando no seguinte link.

Podem também obter uma badge que ilustra, através de uma barra crescente, a quantidade de caches encontradas clicando no seguinte link.

 

Additional Hints (Decrypt)

Pnpur - 1,8 zrgebf qr nyghen... frwnz HYGEN QVFPERGBF!!!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.