Skip to Content

<

Caminho da água férrea, Lagar do Rio

A cache by afelizardo Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 05/16/2012
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


LAGAR DO RIO

 

 

 

 

O percurso “Água Férrea” localiza-se em Limeiras, aldeia da Freguesia de Praia do Ribatejo, Concelho de Vila Nova da Barquinha.
A aldeia de Limeiras é constituída por diversos lugares e casais, tais como: Cafuz, Caneiro de Baixo, Caneiro de Cima, Caneiro do Meio, Casal dos Cardadores, Casalinho, Casal das Figueiras, Portela de Laranjeira, Limeiras, Matos, Outeiro, Vale da Amoreira e Vale de Martinchel.
Território do Ozêzar
Todo o território de Praia do Ribatejo fazia parte do território de Ozêzar, mais tarde denominado por Vila de Payo de Pelle.
Foi em Outubro de 1159 que D. Afonso Henriques doou à Ordem do Templo o território do Ozêzar, com os seguintes limites: “pela Foz do Beselga, e daí, pela estrada que chama de Penela, até Alfeigiadoa, e daí, pelo cimo do monte de Alfeigiadoa, pela vertente das águas do lado de Tancos, e daí, como entra até ao fundo do pego do Almourol, e daí, pelo meio do Tejo até à foz do Zêzere, e daí, do Zêzere até à foz do Tomar (Nabão), e daí, pelo Tomar (Nabão), como vai até à foz do Beselga onde primeiramente fizemos o começo.”
Azevedo, Rui; “Documentos Medievais Portugueses – Documentos Régios”; Vol. 1, tomo 1, pp. 338 – 339, Doc. 27

 

 

Este antigo lagar situa-se na margem direita da Ribeira das Balsas ( ribeira da água férrea ), num plano muito mais alto que a própria ribeira, e já próximo do local onde esta desagua no rio Zêzere, proporcionando uma vista espetacular sobre a mesma.

Hoje encontra-se em adiantado estado de degradação, mas quando se encontrava em funcionamento, era movido por água de uma fonte que existia perto. Essa água era transportada por uma levada até ao lagar. Essa levada foi quase toda destruída, restado algumas dezenas de metros já próximo do local onde se encontra a cache.

Mesmo nesse local a levada já não está funcionar em pleno, já que a pouca água que ainda vai correndo vai dentro de um tubo de plástico até ao açude, de onde posteriormente era enviada por gravidade para o lagar trabalhar.

 

Agradeço ao CcdL, pela partilha do local bem como da historia do mesmo, e ainda ao Dr. Fernando Freire.

Additional Hints (Decrypt)

Cnffbh cbe ndhv zhvgn áthn dhr svdhrv sreern.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

106 Logged Visits

Found it 96     Didn't find it 2     Temporarily Disable Listing 3     Enable Listing 3     Publish Listing 1     Owner Maintenance 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 23 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.