Skip to Content

<

RG3 - Regimento Guarnição nº 3

A cache by martex76 Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 10/23/2012
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Translation

Image Hosted by ImageShack.us

HISTÓRIA DA UNIDADE


Em 1 de Outubro de 1993 é criado o Regimento de Guarnição N.º3, sendo o herdeiro da história da Infantaria e da Artilharia da Madeira através do Regimento de Infantaria do Funchal e do Grupo de Artilharia de Guarnição N.º2.

A Artilharia apareceu no Arquipélago da Madeira em 1419 com João Gonçalves Zarco, tendo-se iniciado os trabalhos de fortificação e artilhamento da Madeira somente no reinado de D. Manuel. Foi a Fortaleza de S. Lourenço (atual Comando da ZMM) a primeira obra erigida e armada para defesa da Vila do Funchal contra os piratas argelinos. Durante o domínio Filipino que a Ilha é fortificada e fortemente armada, sobressaindo o Castelo do Pico, com 26 bocas-de-fogo e a Fortaleza de S. Tiago, construída em 1614 que chegou a possuir 50 peças de Artilharia.

Image Hosted by ImageShack.us
Crachá da Companhia Caçadores - C.CAC 3324 - Angola 1971/73
(Crachá do meu Pai)

Nos anos 50, são destacadas três Companhias de Caçadores para o Estado Português da Índia. Entre 1961 e 1974, o BII fornece 74 Companhias, que operam em Angola (a grande Maioria), Guiné e Moçambique, destinando-se ainda algumas a Cabo Verde, Macau e Timor e o ex-GAG2 fornece 7 Companhias de Artilharia que operaram em Angola (2), Moçambique (3) Guiné (1) e S. Tomé (1). Nesse espaço de tempo a Unidade sofreu quase uma centena de mortos em combate sendo de realçar, pela sua excecional bravura a C. Caç 1522, cuja ação permitiu recuperar a Fazenda Madureira, nos Dembos (Angola, 1966), o que lhe valeu a Cruz de Guerra de 1ª Classe. A partir de 1975, desaparece a designação 19, adotando nome da localidade em que se encontra. Dois anos depois, transforma-se, por fim, no Regimento de Infantaria do Funchal (RIFc). É, contudo de mencionar que a população não deixou de se referir sua Unidade como “o 19”, o que mostra até que ponto ela se tornou parte integrante da realidade local.

Em 31 de Outubro de 1970, realiza-se uma já velha aspiração, ao ser transferida para as atuais instalações em S. Martinho, junto a um pico sobranceiro à cidade, ocupando um quartel recém construído e que ainda hoje, decorridos já vários anos, considerado modelar.

CONDECORAÇÕES


- Condecoração da Cruz de Guerra
O Regimento de Guarnição N.º3 ostenta a Cruz de Guerra de 1ª classe. Tal condecoração foi atribuída à Companhia de Caçadores 1522.
- Atribuição da Medalha de Ouro de Serviços Distintos.
- Atribuição de Medalha de Mérito Municipal.

DIA FESTIVO

O seu dia festivo comemora-se em 1 de Outubro, dia da criação do RG3, pelo DL nº50/93 de 26FEV e nos termos do n.º 4 do despacho 72/MDN/93 de 30JUN93.

Image Hosted by ImageShack.us

ARMAS

- Escudo de prata, uma besta de negro e uma granada flamejante do mesmo, uma sobre a outra, ladeadas de duas cruzes de Cristo;
- Elmo militar de prata, forrado de vermelho, a três quartos para a dextra;
- Correia de vermelho, perfilada de ouro
- Paquife e virol de prata e de negro;
- Timbre: um garajau de prata;
- Condecoração: pendente do escudo a Cruz de Guerra de 1ª Classe;
- Divisa: num listel de prata, ondulado, sotoposto ao escudo, em letras de negro, maiúsculas, de estilo elzevir “DE FORÇA, ESFORÇO E DE ÂNIMO MAIS FORTE”.

SIMBOLOGIA E ALUSÃO DAS PEÇAS

- A PRATA do campo recorda as velas das embarcações que no início do séc. XV levaram navegadores portugueses a descobrir o arquipélago.
- A BESTA, antepassada da espingarda lembra a Infantaria e representa o Regimento de Infantaria do Funchal de cujas tradições o Regimento de Guarnição nº 3 é herdeiro.
- A GRANADA, simboliza o projéctil usado pela Artilharia e representa o Grupo de Artilharia de Guarnição nº 2 de cujas tradições o Regimento de Guarnição nº 3 é herdeiro.
- As CRUZES DE CRISTO recordam ajurisdição espiritual que a Ordem Militar de Cristo passou a exercer sobre os territórios descobertos com a criação de novas dioceses que, a partir do Funchal, em 1514, proliferaram por todo o ultramar português.
- O GARAJAU, elemento muito significativo da fauna ornitológica da Madeira, foi o primeiro animal vivo a ser observado na Região, o que se encontra documentado. Esta tão característica ave marinha deu o nome a um dos extremos da Baía do Funchal a “Ponta do Garajau”.
- A DIVISA “DE FORÇA, ESFORÇO E DE ANIMO MAIS FORTE”, Lus.VI-60, constitui o propósito inequívoco do Regimento de Guarnição nº 3 de utilizar os meios com que foi dotado, com toda a sua “força e esforço” e assim prosseguir “com ânimo mais forte” o cumprimento da missão.

OS ESMALTES SIGNIFICAM:
A PRATA, eloquência e riqueza;
O VERMELHO, audácia e bravura;
O NEGRO, honestidade e sabedoria.

FONTE
www.exercito.pt/sites/RG3/Infra-Estruturas/Paginas/default.aspx
>br>

Flag Counter

Additional Hints (Decrypt)

CG: BOEVTNGÓEVB IVENE À RFDHREQN. Yrir zngrevny qr rfpevgn r FRWN QVFPERGB!
RAT: BOYVTNGVBA GHEA YRSG. Oevat jevgvat zngrevnyf naq OR QVFPERRG!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

1,266 Logged Visits

Found it 1,228     Didn't find it 8     Write note 9     Temporarily Disable Listing 9     Enable Listing 9     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 89 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.