Skip to Content

This cache has been archived.

btreviewer: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante as situações relatadas. Relembro a secção das guidelines sobre a manutenção http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx#cachemaintenance :

[quote]
Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Por causa do esforço requerido para manter uma geocache, por favor coloque geocaches físicas no seu espaço habitual de geocaching e não em sítios para onde costuma viajar. Geocaches colocadas durante viagens não serão muito provavelmente publicadas a menos que possa fornecer um plano de manutenção adequado. Este plano deve permitir uma resposta rápida a problemas reportados, e deverá incluir o Nome de Utilizador de um geocacher local que irá tomar conta dos problemas de manutenção na sua ausência. [/quote]

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor, contacte-me por [url=http://www.geocaching.com/email/?u=btreviewer]e-mail[/url].

Lembro que a eventual reactivação desta cache passará pelo mesmo processo de análise como se fosse uma nova cache, com todas as implicações que as guidelines actuais indicam.

Se no local existe algum container, por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Obrigado

[b] btreviewer [/b]
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer

[url=http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=77][i][b]Work with the reviewer, not against him.[/b][/i][/url]

More
<

GeoTour VNGaia - São Félix Da Marinha

A cache by Geocachers de Gaia Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 12/21/2012
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


História de S. Félix da Marinha.

São Félix da Marinha é uma freguesia litoral situada no extremo sul do distrito do Porto e do Concelho de Vila Nova de Gaia, ao qual pertence, confrontando a norte com Arcozelo, a nascente com Serzedo e Grijó, a sul com Anta, Guetim e Espinho e a poente com o oceano Atlântico.

Apesar de não se saber com rigor a data da sua criação, é bem verdade que a sua história começa a ser referenciada nos séculos XII e XIII, altura em que a igreja desta localidade é referida em diversos documentos como 'igreja de Sanfins de Serzedo', assim como referências à anexação da 'Vila de Brito' ao Couto de Grijó, em 11 de Janeiro de 1139, anexação essa ordenada por D. Afonso Henriques.
Em 1148, encontram-se referências a uma 'estrada Mourisca' que passava pelo lugar de Brito, estrada esta que foi construída no mesmo lugar de uma anterior 'via militar romana'. Em 20 de Janeiro de 1518, o Rei D. Manuel I atribui o foral a Gaia. Nesse documento esta localidade é mencionada com 'Sam Fyz'.

A designação São Félix (em latim Santi Felicis) é uma correcção erudita da forma popular Sanfins, que por sua vez é abreviada de São Fins. Assim, o topónimo São Félix estará intimamente ligado ao nome do padroeiro da freguesia - S. Félix de Gerona (cidade espanhola da Catalunha) que se comemora a 1 de Agosto, o qual seria um cristão negro, presbítero ou diácono do norte de África.

Quanto ao topónimo Marinha, estará relacionado com as palavras salina ou marinha - 'lugar de recolha de água do mar para fabrico de sal'. Em 1860 existiriam na Granja, junto à praia e em terrenos adquiridos por Fructuoso Ayres, pequenas leiras com depósitos de sal. Assim sendo, e salvo melhor explicação, justifica-se desta forma o topónimo São Félix da Marinha.

Ocupando uma área de 8,78 Km2 e uma população a rondar as 12.000 pessoas, a freguesia de São Félix da Marinha poderá ser caracterizada como uma zona que outrora seria essencialmente rural e que hoje vai sendo salpicada por diversos espaços urbanos.

Os seus lugares, a saber: Além do Rio, Brito, Espinho, Forta, Granja de Cima, Juncal, Matosinhos, Mesura, Moinhos, Monte e Praia da Granja, demostram bem essa condição.
Dos lugares acima referidos, o da Praia da Granja é, sem dúvida, o que mais se destaca da história desta freguesia. Os Cónegos Regrantes do Patriarca St. Agostinho do Real Mosteiro de S. Salvador de Grijó (vulgarmente chamados frades Agostinianos ou Crúzios), construíram a chamada Quinta da Granja, mais tarde Quinta dos Ayres e hoje conhecida como Quinta do Bispo, para ali se poderem instalar e, por estarem perto do mar, criarem a sua brévia - 'ir a ares'.

Com a ligação da linha do caminho de ferro entre Sta. Apolónia e as Devesas, em 4 de Julho de 1864, e a construção da estação da Granja, dava-se o primeiro passo para aquela que - 'É a mais graciosa, a mais fresca, a mais asseada das estancias balneares de recreio do nosso país', assim escreveu Ramalho Ortigão no seu folheto 'Praias de Portugal'.

Nos finais do século XIX, os jornais de Lisboa e Porto referiam-se à Granja como sendo uma 'Concha mimosa como a pétala de uma camélia (...) Ninho feito de púrpuras e perfumes', 'a formosa praiasinha e bijou das nossas praias'.

Desde essa altura até à década de 60, pela Granja passaram e veranearam ilustres figuras. Desde El-Rei D. Luís, a Rainha D. Maria Pia e seu filho Infante D. Afonso de Bragança, o Príncipe Real D. Luiz Filipe, Mouzinho de Albuquerque, até ao famoso 'Grupo dos Cinco' - Ramalho Ortigão, Eça de Queirós, Oliveira Martins, Antero de Quental e Guerra Junqueiro, passando por diversas famílias da nobreza do Porto, Lisboa, Santarém e Castelo Branco e até da vizinha Espanha, todos eles vinham ' a banhos à Granja'.

A 19 de Abril de 2001 é aprovada na Assembleia da República a Lei n.º 71/2001 que eleva à categoria de Vila a povoação de S. Félix da Marinha.

Esta cache faz parte de um conjunto de 24 caches, que têm como objectivo dar a conhecer o Concelho de Vila Nova de Gaia. 

Arcozelo - http://coord.info/GC43AM8

Avintes - http://coord.info/GC42WRC

Canelas - http://coord.info/GC42WT4

Canidelo - http://coord.info/GC42WTY

Crestuma - http://coord.info/GC43207

Grijó - http://coord.info/GC42WV5

Gulpilhares - http://coord.info/GC42Y8T

Lever - http://coord.info/GC43AMX

Madalena - http://coord.info/GC43B3V

Mafamude - http://coord.info/GC43B46

Olival - http://coord.info/GC42YA8

Oliveira do Douro - http://coord.info/GC42YB4

Pedroso - http://coord.info/GC42YBZ

Perosinho - http://coord.info/GC43215

Sandim - http://coord.info/GC4324X

Santa Marinha - http://coord.info/GC43461

S. Pedro da Afurada - http://coord.info/GC43AKH

São Félix da Marinha - http://coord.info/GC4347B

Seixezelo - http://coord.info/GC43DK9

Sermonde - http://coord.info/GC43AK8

Serzedo - http://coord.info/GC43AHX

Valadares - http://coord.info/GC43DK0

Vilar de Andorinho - http://coord.info/GC42Z6A

Vilar do Paraíso - http://coord.info/GC42Z5M

 


This page was generated by GeoPT Listing Generator

Additional Hints (Decrypt)

Cbe onvkb, znf aãb rz onvkb.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

159 Logged Visits

Found it 138     Didn't find it 13     Write note 1     Archive 1     Temporarily Disable Listing 2     Enable Listing 1     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 12 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.