Skip to Content

<

Ilha Florida

A cache by Douksu Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 01/26/2014
Difficulty:
5 out of 5
Terrain:
4 out of 5

Size: Size: large (large)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Tradução:

 

Esta geocache visa homenagear um dos cartazes de visita da Ilha da Madeira, um dos principais motivos pela qual é apelidada de “Pérola do Atlântico”, ou seja, as suas FLORES!

Efetivamente, um dos maiores atractivos turísticos da ilha assenta na sua luxuriante e variada vegetação, que apresenta uma combinação de características tropicais com as mediterrâneas, originando um mosaico vegetal fértil em aromas, cores e paisagens inimagináveis.

Com a chegada da Primavera, a Ilha da Madeira renasce com novas flores, de todas as cores e tamanhos, principalmente na zona sul. Graças ao seu clima leve e moderado, é possível apreciá-las durante todo o ano. Cerca de 16% das plantas da Madeira são endémicas, ou seja, só existem na ilha e em mais nenhum outro lugar no mundo*!

Esta excepcional riqueza florística resulta da conjugação dum conjunto de factores ecológicos e históricos. O clima subtropical, os solos neutros ou ligeiramente ácidos e com uma boa componente de matéria orgânica, e a disponibilidade de água de rega no Verão graças à rede de levadas, garantem a fácil aclimatação de plantas trazidas pelos emigrantes desde os países de acolhimento, adquiridas pelas famílias inglesas para as suas quintas, importadas dos grandes centros de comercialização ou experimentadas no Jardim Botânico e posteriormente difundidas.

Actualmente existe uma grande variedade de jardins e parques, cuidadosamente mantidos, onde prosperam mais de duas mil espécies oriundas de todos os continentes. A maioria destes locais pode ser visitada**.

Graças à predominância de espécies originárias das regiões tropicais e subtropicais nos jardins do Funchal, localizados abaixo dos 200 metros de altitude, não é perceptível o Outono. Poucas são as árvores que alteram a cor e deixam cair as folhas. São muitas as espécies arbóreas e arbustivas perenifólias que ostentam vistosas flores nos jardins, passeios e ruas à beira-mar.

Em 1999 o Funchal venceu o Concurso “Turismo num Portugal Florido”, o que lhe proporcionou representar o país no Concurso “Cidades e Vilas Floridas da Europa – 2000”. A qualidade das quintas, parques e jardins do concelho, a que se junta a esmerada dedicação dos seus habitantes, foi reconhecida pelo júri internacional com o “Galardão de Ouro Europeu – 2000”, uma prestigiada distinção, jamais atribuída a qualquer outra cidade portuguesa.


Aqui poderá conhecer a história de algumas das plantas existentes na Ilha da Madeira (um trabalho do geógrafo Raimundo Quintal). 

** Aqui poderá conhecer alguns dos principais jardins da Ilha da Madeira.


MADEIRA – ILHA DE QUINTAS, PARQUES E JARDINS

 

A palmeira-das-canárias (Phoenix canariensis) e o cardeal ou hibisco (Hibiscusrosa-sinensis) são as espécies mais frequentes nos jardins madeirenses. Depois surgem a estrelícia (Strelitzia reginae), a sevadilha ou loendro (Nerium oleander), os agapantos ou coroas-de-henrique (Agapanthus praecox subsp. praecox), a acálifa ou folha-de-cobre (Acalypha wilkesiana), as buganvílias (Bougainvillea glabra, Bougainvillea spectabilis, Bougainvillea cvs.), o dragoeiro (Dracaena draco subsp. draco), a magnólia (Magnolia grandiflora), a bananeira-de-flor (Canna x generalis), a canforeira (Cinnamomum camphora), o jacarandá (Jacaranda mimosifolia), o til (Ocotea foetens), a abélia (Abelia x grandiflora), o esparto-de-folha-miúda (Asparagus setaceus), a sumaúma (Chorisia speciosa), a clívia (Clivia miniata), a manhã-depáscoa (Euphorbia pulcherrima), o fruto-delicioso (Monstera deliciosa), a planta-dosdentes (Plumeria rubra), a chama-da-floresta (Spathodea campanulata), a abélia (Abelia x grandiflora), o barbusano (Apollonias barbujana), o loureiro (Laurus novocanariensis) e os massarocos (Echium nervosum e Echium candicans).​

Nos jardins do litoral sul e de pequenas áreas abrigadas da costa norte, como o Arco de São Jorge, predominam as plantas dos climas tropicais e subtropicais. As cores da paisagem ao longo do ano dependem essencialmente dos diferentes regimes de floração. Árvores de flores espectaculares como o jacarandá (Jacaranda mimosifolia), a tipuana (Tipuana tipu), a sumaúma (Chorisia speciosa), a planta-dos-dentes (Plumeria rubra) e a chama-da-floresta (Spathodea campanulata), consideradas estruturantes na arquitectura e essenciais na imagem dos jardins subtropicais, têm uma presença marcante na paisagem.

Nos séculos XVIII e XIX os comerciantes ingleses enriquecidos especialmente com o comércio do vinho Madeira escolheram as freguesias do Monte, da Camacha, do Santo da Serra e do Jardim da Serra para construírem as suas quintas – casas de férias envolvidas por amplos jardins ricamente ornamentados com espécies exóticas e da flora madeirense. A escolha destes locais pelos ingleses estava relacionada com o clima mais fresco e húmido que o do litoral, mais próximo das condições atmosféricas da Inglaterra, melhor para a aclimatação das plantas trazidas das ilhas britânicas.

Madeirenses de largas posses acompanharam os ingleses na escolha dos sítios para construir as suas quintas, onde passavam os tempos livres, especialmente durante os períodos mais quentes do ano.

Nestas localidades, entre os 500 e os 800 metros de altitude, há uma forte presença de plátanos (Platanus x acerifolia), faias-europeias (Fagus sylvatica e Fagus sylvaticavar. purpurea) e carvalhos (Quercus robur e Quercus rubra), que recriam as ambiências dos parques ingleses e da Europa ocidental. As mudanças de cor, resultantes do nascimento, amadurecimento, envelhecimento e perda das folhas das árvores caducifólias marcam as estações do ano.


A FESTA DA FLOR

 

A Festa da Flor é um evento anual, que ocorre no mês de Abril, e que tem lugar desde o ano de 1950. É considerado o segundo maior cartaz turístico da região, tendo como objectivo celebrar e homenagear as belas flores da Ilha da Madeira.

Trata-se de um evento único mundialmente, onde milhares de madeirenses e turistas visitam a baixa do Funchal para vislumbrar a variedade e multiplicidade de espécies florais. No seu programa destacam-se o Cortejo Infantil e o Cortejo Alegórico.

O Cortejo Infantil consiste num desfile de crianças que levam a sua flor para colocarem num muro – o “Muro da Esperança”, que simboliza a esperança para um mundo melhor. Neste grande mural são colocadas uma grande variedade de flores, muitas das quais endémicas da Madeira.

O Cortejo Alegórico, o auge do evento, consiste num desfile de centenas de figurantes e carros alegóricos, ao som de músicas alusivas à temática do evento. O desfile é feito pelas ruas principais da cidade do Funchal, onde são exibidas inúmeras espécies florais típicas da Madeira, ao mesmo tempo perfumando o ar com uma multiplicidade de odores florais, quase criando uma atmosfera saída de um conto de fadas.

De entre as restantes atividades inseridas no programa da Festa da Flor é de salientar ainda a concepção de tapetes florais nas ruas da capital madeirense.


A GEOCACHE MISTÉRIO

 

As coordenadas publicadas correspondem à localização da entrada do Parque Florestal do Montado do Pereiro, um excelente núcleo de espécies arbóreas exóticas e indígenas, situado no Concelho de Santa Cruz. Não é aí que a geocache se encontra. Para conseguir as coordenadas exactas da mesma terá de decifrar o seguinte enigma (depois poderá confirmar a sua solução no geochecker disponibilizado no final da listing).

Por favor, peço especial cuidado no manuseamento do container! E tenha o cuidado em deixar tudo como encontrou ou até melhor, se possível! Obrigado!


GeoCheck.org

Flag Counter

Additional Hints (Decrypt)

RAVTZN:
[PT] A r J fãb bf zbyqrf; nanyvfr nf cégnynf frcnenqnzragr
[EN] A naq J ner gur zbyqf; nanylmr gur crgnyf frcnengryl

PNPUR:
[PT] Vzntrz fcbvyre ab trbpurpxre
[EN] Fcbvyre cvpgher va trbpurpxre

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.