Skip to content

This cache is temporarily unavailable.

Bitaro: Olá PDAR Team,

Pelo teor dos últimos registos, parece necessária a intervenção do owner para verificar o estado da geocache.
Até lá, ficará temporariamente inactiva.

Por favor leia atentamente as Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Esta designação serve para geocaches que estão com alguma questão pendente ou um problema temporário por resolver.
Como owner, tem ao dispor, pelo menos, quatro soluções possíveis:

  1. Efectuar a manutenção necessária e reactivar a geocache, dentro do prazo estabelecido pelas Linhas de Orientação
  2. Colocar uma nota na geocache com o plano de manutenção, caso esta não possa ocorrer num curto espaço de tempo. Nessa nota deve constar:
    • o prazo em que pretende efectuar a manutenção,
    • o argumento pelo qual o prazo indicado abaixo terá de ser ultrapassado para que fique novamente activa;
  3. Caso não consiga assegurar a manutenção da mesma, pode considerar o processo de adopção por um geocacher local;
  4. Arquivar a geocache se não tiver disponibilidade para assegurar o estado pleno da mesma. Por favor, tenha em consideração que nesta opção é necessário remover a geocache ou os conteúdos da mesma para evitar que se tornem lixo (*geolitter*).

Assim, caso não seja feita manutenção ou indicado um motivo válido pelo qual a geocache deva estar desactivada além do tempo previsto pelas Linhas de Orientação, a mesma será arquivada num prazo de 60 dias (este prazo não é rigoroso enquanto a pandemia COVID-19 se mantiver - a manutenção deverá ser feita sempre em segurança, pois a sua saúde está primeiro que a saúde da cache!).

Relembro que não é possível desarquivar uma geocache que seja arquivada por falta de manutenção.

Obrigado pela colaboração
Bitaro
Community Volunteer Reviewer

Centro de Ajuda
Linhas Orientação

More
<

ALDEIA DO SOUTO - Capela do Arco de São João

A cache by PDAR Team Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 03/22/2014
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


ALDEIA DO SOUTO - Capela do Arco de São João

                     ALDEIA DO SOUTO

Orago: S. João
População: 264 habitantes
Actividades económicas: Agricultura, fruticultura, pecuária, criação de gado bovino, construção civil e pequeno comércio
Festas e Romarias: São João Baptista (24 de Junho) e Nossa Senhora do Carneiro (2º Domingo de Agosto, com a duração de 3 dias)
Património cultural e edificado: Igreja matriz, Capela da Senhora do Caneiro, Capela de São João Evangelista, Arco do São João, Fonte da Maria Janeira e Fonte da Biquinha
Outros locais de interesse turístico: Zona envolvente à capela de Nossa Senhora do Carneiro e monumento em memória do Dr. Januário Barreto
Gastronomia: Porco recheado
Artesanato: Vassouras (bracejo)
Colectividades: Grupo Desportivo e Recreativo de Aldeia do Souto
Jogos Tradicionais: Jogo da Malha, Jogo da Raioula e Jogo da Bilharda

Situada a norte do concelho e a 18 quilómetros da cidade da Covilhã, a freguesia de Aldeia do Souto encontra-se nas abas da Serra dos Barreiros Brancos, com uma área de 10,21 Km2. É limitada pelas povoações de Orjais e Vale Formoso e pelo Rio Zêzere.
Em termos administrativos, pertenceu ao concelho de Valhelhas (Guarda) desde 1835 até 1855, passando nessa data para o concelho da Covilhã.
O nome da freguesia é de origem botânica e provém da abundância de castanheiros ou soutos de que era fértil a região, os quais atacados por doença no início do século, foram reduzidos no seu número, contudo e segundo o Dr. Alexandre Carvalho Costa em Lendas, Historietas e Etimologias Populares e Antigas Etimologias respeitantes a Cidades, Vilas, Aldeias e Lugares de Portugal Continental, refere: 'Aldeia do Souto - deve de facto, significar uma 'aldeia' lavrada (sentido de território agrário) em sentido antigo era (e ainda hoje não desapareceu de todo, pelo menos literariamente)o de mata de quaisquer árvores selvagens'. Outros autores, no entanto, não concordam com esta tese.
Do património edificado desta freguesia, destacam-se duas construções de carácter religioso. A igreja matriz, reconstruída mantendo linhas clássicas, conservando alguns vestígios de origem, ou seja, românicos. A capela de Nossa Senhora do Carneiro, por seu lado, apresenta uma imagem muito antiga de Nossa Senhora.


A CACHE


Encontra-se junto desta capela, contigua a um parque de merendas e ao campo de jogos da aldeia. Contem apenas logbook. Deixem tudo conforme encontraram e na mesma posição.

This page was generated by GeoPT Listing Generator

Additional Hints (No hints available.)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.