Skip to Content

<

Fire under the sea @ Porto Santo

A cache by EarthKacher Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 09/18/2017
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Flag Counter






PT

Lava em Almofada



Para efectuar o registo de found nesta EarthCache, tem de visitar o local das coordenadas publicadas, enviar para o dono da EarthCache as respostas correctas às seguintes questões:


1 - Descreva dois processos diferentes de formação da lava em almofada?


2 - Qual é o diâmetro típico da lava em almofada, e neste sítio qual é o diâmetro?

3 - 
Qual é a cor, textura e forma da lava em almofada que existe neste sítio?

4 - Qual é o tipo de rocha da lava em almofada que existe neste local?

5 - 
Após ler a página da EarthCache, explique por palavras suas como se formou a lava em almofada observada?


E publicar no registo de found uma fotografia tirada no local, na qual seja visível o geocacher ou algo que o identifique (por exemplo o nome de utilizador escrito num papel).

Depois de enviar as respostas, pode efectuar o registo de found.

Se as respostas estiverem incorrectas ou não forem recebidas e não existir fotografia publicada, o registo de found será apagado.


Introdução

Lava em Almofada (em inglês: pillow lava) é a designação dada em geologia e geomorfologia às escoadas lávicas típicas das erupções vulcânicas subaquáticas nas quais lava é extruída no fundo de um mar, lago profundo ou uma cavidade preenchida por água dentro de um glaciar.
Esta denominação deve-se à sua secção aproximadamente esférica, semelhante a almofadas.
As lavas em almofada formam-se em mar profundo ou quando as lavas subaéreas correm pelas vertentes entrando em contacto com o mar, rios ou lagos.
As lavas em almofada são em geral compostas por basaltos, mas ocorrem "almofadas" de komatito, picrito, boninito, andesito, andesito basáltico e mesmo de dacito.
Geralmente a composição afecta o tamanho das «almofadas», já que modifica a viscosidade da lava.
As superfícies vítreas destas lavas não são lisas, apresentam gretas, enrugamentos e estrias lineares muitas das quais se intersectam em ângulos rectos.
As lavas em almofada podem encontrar-se numa enorme variedade de formas incluindo bolbosas, esféricas, achatadas, alongadas e tubulares, e variam em diâmetro de várias dezenas de centímetros a várias dezenas de metros, contudo, o seu tamanho típico varia entre 0,5 e 1 metro.
O interior das lavas em almofada arrefece mais lentamente que a cobertura exterior vítrea e consequentemente é mais cristalino.
A cristalização a taxas de arrefecimento progressivamente mais lentas em direcção ao interior produz uma considerável variedade de texturas nas rochas.




O que vai encontrar neste sítio?


O Zimbralinho, localizado no extremo SW da ilha do Porto Santo, corresponde a uma pequena baía onde podem observar-se litologias das sequências vulcânicas submarinas, de natureza basáltica, contemporâneas da fase de pré-emersão da ilha, nomeadamente a lava em almofada ou “pillow lava”.
Aqui, observam-se os melhores exemplares de lava em almofada (pillow lava), assim denominadas devido ao seu aspeto de secção sensivelmente esférica.
Estas estruturas ilustram uma fase inicial de evolução geológica da Ilha do Porto Santo em que o vulcanismo ainda se desenvolvia debaixo de água.



O que pode aprender com esta EarthCache?

Como se forma a lava em almofada?

A lava em almofada forma-se quando o magma alcança a superfície mas, devido à enorme diferença de temperatura entre a lava e a água, a superfície da massa emergente arrefece muito rapidamente, formando uma camada sólida superficial em forma de crosta.
A massa de lava continua a crescer por injecção de mais lava no seu interior líquido, formando um lóbulo, até que a pressão interna da lava cresça o suficiente para romper a crosta e começar a formação de novo lóbulo.
O processo ocorre repetidamente, produzindo uma série de massas em forma de lóbulo ou almofada.
Como a crosta arrefece muito mais rápido que o interior do lóbulo, apresenta grão muito fino (textura afanítica) com elementos vítreos, enquanto o interior, que arrefece muito mais lentamente, apresenta cristais de dimensões crescentes à medida que estão mais afastados da periferia.

www.slideshare.net/nunocorreia/geologia-10/22


Espero que goste de visitar este geosítio.


Boa EarthCachada!




A maneira mais interessante para aprender sobre a Terra e os seus processos é através de experiências ao ar livre e, contactando directamente com os seus fenómenos. Visitar uma “EarthCache” é uma actividade ao ar livre agradável para toda a família. Uma “EarthCache” é um local especial que as pessoas podem visitar, para aprender sobre um fenómeno geológico e ou características raras do nosso Planeta. As páginas das “EarthCaches” contêm dados educacionais e as coordenadas do local a visitar. Os visitantes das “EarthCaches” podem observar os processos geológicos que transformaram a Terra, como administramos os recursos e, como os cientistas reúnem dados para aprenderem mais sobre o Planeta que habitamos.
Para saber mais: www.earthcache.org



EN

Pillow Lava





In order to claim the found on this EarthCache, you must visit the place at the posted coordinates, send to the EarthCache owner the correct answers to the following questions:
 


1 - Describe two different processes of pillow lava
formation?

2 - 
How thick can grow the pillow lava, and what is the thickness at this site?

3 - 
What is the colour, texture and shape of the pillow lava that exists at this site?

4 - What is the type of rock that pillow lava is made at this site
?

5 - After reading the EarthCache listing, explain by your own words how this pillow lava was formed?

 
And publish in the found log a photograph taken in place in which the geocacher is visible or something that identifies him (for example the nickname written in a paper).

A
fter you send the answers, you may log the found.

If the answers are incorrect
or not received and no photograph published, your found log will be deleted.



Introduction


Pillow lava
may form in two general environments:
 1) in a subaqueous eruption of low viscosity lava;
 2) when the same sort of lava flows over land (‘subaerial lava’)  and enters the sea or a lake as an entrant lava flow and becomes subaqueous.
Pillow lavas are bulbous, spherical, or tubular lobes of lava.
They form during eruptions with relatively low effusion rates.
Slow extrusion gives enough time for a thick crust to form on all sides of a pillow lobe, and prevents individual pillows from coalescing into a sheet.
Internally the pillows are fed via a distributary system of interconnected channels.
Pillows are not typically hollow and tend to solidify all the way through.
Pillows often have lineations or scrape marks on their sides that form during extrusion.
Pillow flows are produced by the piling up of individual pillow lava lobes.
As a pillow flow forms, the newest pillows are erupted from the top of the stack and flow outward a limited distance before freezing, a process which tends to produce steep-sided mounds or ridges which can grow to be 10's of meters thick.



What will you find at this site?


The Zimbralinho, located at the SW end of the island of Porto Santo, corresponds to a small bay where one can observe lithologies of the submarine volcanic sequences, of basaltic nature, contemporaneous of the pre-emersion phase of the island, namely pillow lava.
Here you may observe the best exemplars of pillow lava, denominated due to their aspect of section spherically sensible.
These structures illustrate an initial phase of geological evolution of the Island of Porto Santo in which volcanism was still developing under water.


Carta Geológica Simplificada (escala 1:80.000) in RIBEIRO, M. L. & RAMALHO, M. (2009)


What can you learn from this EarthCache?

How pillow lava forms?

Pillows form when the outer surface of flowing lava is quickly chilled by seawater.
Rock is an excellent insulator, so the lava inside this very thin rind remains molten.
Think of each of these lobes as a ‘finger’ a foot or two across of incandescent orange lava within a shiny dark skin, advancing in a herky-jerky fashion.
The leading ‘snout’ of the lava lobe advances, something like a bead of thick caulking squeezed out of a caulking gun, or toothpaste from a tube.
The surface of the incandescent lava is quickly quenched by seawater, but the internal pressure from the ongoing extrusion of lava at the vent very quickly causes the hard rind to split open.
Interior lava stretches and then spurts out through the crack in another short advance, until its outer surface solidifies.
The process continues until there is insufficient lava pressure to break through the rind; this is either because the lava finds a more efficient finger to continue the advance, or the eruption wanes.


I hope you enjoy this geosite.

Happy EarthCaching!


The most exciting way to learn about the Earth and its processes is to get into the outdoors and experience it first-hand.
Visiting an EarthCache is a great outdoor activity the whole family can enjoy.
An EarthCache is a special place that people can visit to learn about a unique geoscience feature or aspect of our Earth.
EarthCaches include a set of educational notes and the details about where to find the location (latitude and longitude).
Visitors to EarthCaches can see how our planet has been shaped by geological processes, how we manage the resources and how scientists gather evidence to learn about the Earth.

To find out more: www.earthcache.org


Fontes / Sources:

http://geodiversidade.madeira.gov.pt/geossitios/porto-santo
http://pt.wikipedia.org/wiki/Lava_em_almofada
http://pt.wikipedia.org/wiki/Tipos_de_lavas
http://nwgeology.wordpress.com/pillow-lava
http://www.pmel.noaa.gov/concepts/pillows


I have earned GSA's highest level:



Additional Hints (No hints available.)



 

Find...

28 Logged Visits

Found it 25     Write note 2     Publish Listing 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 25 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.