Skip to Content

<

Arriba Fóssil da Serra dos Candeeiros

A cache by flipXplorer Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 05/27/2017
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
3.5 out of 5

Size: Size: regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Translation
Arriba Fóssil da Serra dos Candeeiros


"No tempo de D. Afonso Henriques a Serra dos Candeeiros era conhecida por monte Taixa (do árabe tauaja que significa “a coroada”), por se parecer com uma coroa para quem a vê do seu lado ocidental.

Desde então, já se chamou de várias maneiras, como Arius dos montes Arvios (de acordo com a ode marítima) e mais recente como: Serra de Albardos, Serra de Sancta Marta, Serra de Patelo, Serra Alcobertas, Serra dos Candieiros ou Serra dos Molianos. 
 
Mas como aparece o nome Serra dos Candeeiros?
Para responder a esta questão, houve várias teorias populares, ao longo dos tempos e das gerações. 
 
E começaram a sugerir hipóteses:

- Serra dos Candeeiros por os seus cumes parecerem castiçais. São 7 os cumes como o castiçal judeu. 

- Candeeiros vem de Canda que significa caruma ou rama seca de pinheiro.

- Segundo a memória dos “antigos” o nome vem do facto de terem existido na serra muitos pastores que durante os meses de Verão ateavam fogos para permitirem a renovação dos matos. Os fogos faziam a serra parecer um candeeiro e daí viria o seu nome. 

- Serra dos Candeeiros por causa das candeias (oliveiras).

- Serra dos Candeeiros por aqui se terem fabricadas candeias a azeite ou velas e o povo ter dado nome à serra dos que fabricavam estes “candeeiros”. 

- O Topónimo Candeeiros deriva de Candoso ou Candosa que tem por base o nome de um vegetal referenciado no séc. X/XI e que teria a forma de cándano ou cándana.

- Serra dos Candeeiros, pois no tempo de D. Afonso Henriques havia num local elevado desta serra um ponto de vigia que comunicava com o castelo de Alcanede por sinais luminosos. Daí Serra dos Candeeiros. 

- Serra dos Candeeiros porque na época em que não havia luz e com medo dos ladrões, as mulheres arranjavam candeias para iluminar os homens na passagem do “casal vale de ventos” para o “covão do milho”. Daí serra dos candeeiros.

- Os topónimos Candeeiros, Canda, Candais, Candeo, Candoso, significarão lugar onde predominantemente se cria ou criava gado, a palavra derivará de “Cando”, ou seja gado.
No dicionário galego aparece a palavra “gando” significando um conjunto de animais domésticos e “gandeiro” a pessoa que cria gado. Assim sendo, a Serra dos Candeeiros é a serra dos criadores de gado. 

Mas a explicação para o actual nome Serra dos Candeeiros é o seguinte:

Candeeiro aparece no dicionário como um termo usado no Minho de Portugal e no Brasil como a pessoa que vai à frente de um carro de bois, conduzindo os bois guia, imprimindo o ritmo e o rumo do carro. 

Na Serra dos Candeeiros existe ainda a Aldeia dos Candieiros e a Lagoa dos Candeeiros, o que evidencia haver nesta região pessoas dedicadas a serem guias para as juntas que transportavam carga entre o Norte e o Centro/Sul de Portugal e que nesta zona com a esqueces de água e o terreno difícil bem precisariam deles.

O termo Serra dos Candeeiros foi posto pelos viajantes que tinham de fazer uma paragem obrigatória na Lagoa dos Candeeiros e assim a serra perdeu a antiga designação de Serra dos Albardos. A paragem nesta Lagoa dos Candeeiros é muito mais antiga que a antiga casa da Malaposta do Alto da Serra.
 
Se hoje quisessem dar um nome à serra era provável que esta se chamasse Serra dos Geradores ou Serra das Pedreiras."

A cache não se encontra nas coordenadas públicadas e para a encontrar terão de descobrir préviamente as coordenadas da sua localização final.
 
O acesso à cache exige uma caminhada de cerca de 2Kms,  pela serra, sem trilho definido, por entre vegetação rasteira e pedra.
 
Não procurem esta cache depois de anoitecer e não tragam crianças para esta zona mais acidentada.
 
Devem levar água, roupa e calçado adequado para caminhada sobre pedras e mato, não aconselho a procura em dias de condições climatéricas extremas como muito calor,  chuva intensa e nevoeiro.
 
*As coordenadas virtuais da cache, são as mais recomendadas para estacionar os vossos veículos.
 
*Poderá haver trilho pela povoação dos Moleanos, mas desconheço e então sugiro estacionar nestas coordenadas (N 39° 31.315 W 008° 52.834) e seguir a pé.

Fontes:
Casa da Muda em Rio Maior - (Mala Posta)
Municipio de Alcobaça
Freguesia de Aljubarrota



This page was generated by Geocaching Portugal Listing Generator

Pode verificar a solução deste puzzle no GeoChecker.com.

Additional Hints (Decrypt)

An crqen tenaqr !

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.