Skip to Content

<

Amadora antiga Porcalhota

A cache by Porcalhota Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 09/26/2017
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
1 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Apreciem e desfrutem deste espaço do Parque Delfim Guimarães (Amadora), tentem não dar nas vistas, não tenham pressa e esperem pelo melhor momento. Sejam altamente discretos para garantir a longevidade desta cache. Obrigado pela visita

Porcalhota /Amadora - História

A Porcalhota, que esteve na origem da Amadora, foi um topónimo inventado por um curioso, que atribui o apelido de Vasco Porcalho, comendador-mor da Ordem de Avis e protagonista da Batalha de Aljubarrota.

Não há documentação específica conhecida da ligação deste Vasco Porcalho à Porcalhota, mas esta ligação só pode ter ocorrido antes da crise de 1383-1385 em que Vasco Porcalho foi protagonista.

As suas propriedades estendiam-se até ao sopé da Serra do Marco. Partidário do Reino de Castela, Vasco Porcalho fugiu para Cáceres após a derrota dos castelhanos na Batalha de Aljubarrota. 

Pensa-se que era casado em Portugal e aqui teria deixado a mulher e a filha, a quem a tradição atribui a origem do topónimo.

A região da Amadora serviu em finais do século XIX e inícios do XX para famílias abastadas de Lisboa. 

A salubridade do sítio, a proximidade da capital, as facilidades de comunicações e vasta área disponível para urbanização estão na base do desenvolvimento espetacular de construções, que, em determinadas zonas, ainda tem habitações clandestinas.

O atual território da Amadora nasceu da divisão da antiga freguesia de Benfica, cortada pela Estrada da Circunvalação aquando da redefinição dos limites de Lisboa, em 1885-1886. A freguesia extra-muros, chamada Benfica-Extra, ficou a pertencer ao concelho de Oeiras.

O principal núcleo da freguesia passou a ser o lugar da Porcalhota. Em 1907, a população local pediu ao rei D. Carlos que permitisse a mudança de nome, situação a que o Ministério do Reino deu despacho, renomeando a povoação de Amadora em 28 de Outubro de 1907.

Foi elevada a freguesia dentro do concelho de Oeiras em 17 de Abril de 1916, e foi elevada a vila em 24 de Junho de 1937.

O município da Amadora viria a ser criado 42 anos depois, em 11 de Setembro de 1979. 

Dias depois, a 17 de Setembro de 1979, a vila da Amadora é elevada a cidade, e a freguesia homónima é dividida nas freguesias de Alfragide, Brandoa, Buraca, Damaia, Falagueira-Venda Nova, Mina e Reboleira. A Venteira (como freguesia) só surge em 1980 do nordeste do concelho de Oeiras.

Na ocasião agregou a si partes das freguesias de Queluz e de Belas, pertencentes ao concelho de Sintra, e tendo cedido a localidade de Presa que passou a fazer parte da freguesia de Odivelas, atual concelho de Odivelas.

Em 1997, foram enfim criadas as freguesias de Alfornelos, Falagueira, Venda Nova e São Brás, prefigurando assim a divisão municipal que vigorou até à reorganização de freguesias ocorrida em 2013.

Entre os seus símbolos contam-se o Aqueduto das Águas Livres, bem como os campos de aviação que tiveram tanta importância na emergência da aviação em Portugal, sendo que ainda hoje o Estado-Maior da Força Aérea Portuguesa se situa no concelho, na freguesia de Alfragide. Ambos figuram nas armas da cidade.

Additional Hints (Decrypt)

Gbpne à pnzcnvaun

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

117 Logged Visits

Found it 89     Didn't find it 10     Write note 5     Temporarily Disable Listing 3     Enable Listing 3     Publish Listing 1     Needs Maintenance 3     Owner Maintenance 1     Update Coordinates 2     

View Logbook | View the Image Gallery of 45 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.