Skip to Content

<

Paraty Mirim

A cache by Tamuiah Hd Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 07/26/2019
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


"Durante os séculos XVIII e XIX, a região foi um importante porto comercial alternativo ao porto de Paraty. Durante o século XVIII, escoou o ouro vindo de Minas Gerais e, no século seguinte, foi um porto de desembarque clandestino de escravos para as fazendas de café de São Paulo. A partir do século XIX, no entanto, a região entrou em decadência.[1]

área de proteção ambiental foi criada pelo decreto 15 927, de 29 de novembro de 1972. Pelo decreto 996, de 17 de novembro de 1976, passou a denominar-se "área estadual de lazer de Paraty-mirim", destacando o fato de, além de ser uma área de proteção ecológica, também ser uma área propícia ao turismo.[2] Foi criado pela Secretaria de Patrimônio da União do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, através da Portaria nº 55 de 7 de março de 2006.[carece de fontes]

Em 2013, foi realizada uma consulta pública discutindo os estudos técnicos que recomendaram a transformação das áreas ambientalmente mais preservadas da "área estadual de lazer de Paraty-mirim" em parque estadual, visando a uma maior proteção contra a ocupação humana.[3][4] "

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Estadual_de_Parati_Mirim

 

Paraty-Mirim é uma das praias de Paraty. A comunidade que vive por lá também recebe o mesmo nome, vale a pena conhecer. A partir de Paraty-Mirim saem diversas trilhas, inclusive para o Saco-do-Mamanguá.

"Assim como Paraty, Paraty-Mirim é recheada de passado, isso porque o local foi porto de desembarque de escravos. O único monumento que sobrou para contar a história foi a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, construída em 1746. O pequeno templo, já castigado pelo tempo, não possui torre e nem sino, mas se conserva forte, sendo o grande cartão-postal do lugar. É bem bonito de se ver. Chega a ser poético. Infelizmente não consegui entrar, mas só de vê-la por fora já valeu os 40 minutos que passei dentro do busão – tempo gasto de Paraty até Paraty-Mirim. Há também casarões em ruínas, que ao contrário da igreja, não resistiram ao tempo, mas carregam certa beleza, sendo um local perfeito para amantes de fotografias."

O cache é um pequeno pote plástico ( do tamanho de uma xícara de chá) contendo Log-Book e a "guardiã do cache". NÃO tem lápis nem caneta, leve algo para fazer o registro. O cache está escondido por trás de uma das pedras do paredão que forma, junto com a Igreja, um beco.

Additional Hints (Decrypt)

Cbe geáf qr hzn crqen qvsreragr, erphnqn, ab cnerqãb.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.