View Geocache Log

Found it play mobil found A Floresta do Futuro

Sunday, December 23, 2007Setúbal, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

200712231730

Esta cache é especial pela temática e pela dualidade intrínseca, e apaixonou-nos logo de inicio por isso mesmo.
A "dualidade" de que falamos poderia ser decomposta em várias outras matérias, como por exemplo questionarmo-nos porque ficamos tão admirados quando as baleias e outros animais se desorientam e suicidam em praias fora da sua rota natural se nós criámos uma "rede" de radiações electromagnéticas tão complexa e ampla (que ultrapassa largamente o nosso habitat como humanos na medida em que podemos, por exemplo, controlar máquinas em Marte) e nem sequer sabemos até que ponto as espécies que vivem e partilham a nossa casa (planeta) ou nós próprios são/somos afectadas por isso.

Mas não nos alonguemos. Afinal foram necessários mais de 30 anos desde que os Humanos começaram a fazer medições até que admitissem e assumissem que realmente a emissão de agentes produzidos pelo estilo de vida "ocidental e industrializado" estavam realmente a transformar o clima na Terra, por isso o que interessa agora se a radiação electromagnética desde os Hertz aos Giga ou Terahertz afecta os morcegos as baleias ou as pulgas? O que interessa isso aos menos de 200 e cada vez mais aglutinados grupos económicos que controlam o mundo industrializado (vulgo "civilizado")?

Que expressão tem isso para nós, se provavelmente já nem estaremos vivos, e enfim, os milhões que já morrem por causa disso mesmo são vitimas insignificantes do nosso brilhante estilo de vida, NÓS, os menos de 20% da Humanidade que consomem os recursos de mais de 80% do planeta?

É claro que na tua escola estão preocupados com as árvores, Pedro. Afinal trata-se do ar que vais respirar durante toda a tua vida, e essas árvores têm exactamente o mesmo direito à vida neste planeta azul que nós temos. É bom e vital que nos preocupemos com isso, mas olha um bocadito mais à tua volta: Sabes por exemplo que a malária é uma doença que mata mais de 8 milhões de pessoas por ano e não há uma vacina para ela porque são 8 milhões de pessoas pobres, essencialmente pretos e indianos, que nunca poderiam pagar essa vacina, e que o poder tecnológico para o desenvolvimento desses recursos está na mão dos tais 200 e cada vez menos grupos económicos?
Isto é só um exemplo entre muitos. Ocorreu-me. Felizmente e para meu conforto estas ideias não me vêm à cabeça quando ando a cachar, e não me ponho a pensar no quão prejudicial é para o planeta o plástico e outros venenos de que é feito o meu GPS todo pi-pi, nem se morrem baleias desorientadas pelos sinais que me orientam a mim.

Atrevemo-nos aqui a pedir um milagre: Que haja árvores suficientes no planeta num futuro próximo e para sempre. Elas são verdes bonitas calmas e inocentes, e não devem pagar pelos nosso disparates.

Obrigados pela cache, mas muito mais pelo tema!

et voilà!

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us