Skip to Content

View Geocache Log

Write note global trekkers posted a note for Montanhas Nebulosas [PNPG]

Saturday, July 5, 2014Viana do Castelo, Portugal

(Parte 05/14)

A primeira jornada desta segunda etapa soube que nem gingas: é que o staff do alojamento onde estávamos, teve a enorme amabilidade de nos levar de carro até à aldeia do Lindoso. O percurso de onde estávamos (Parada) até esta aldeia é mínimo, somente 2 km…mas eram 2 km em alcatrão!! De alcatrão já chegava o que tivéramos na noite anterior…

Foi pois às 11h30,cinco horas depois relativamente ao dia anterior, que começámos mais um dia de caminhada e aventura no PNPG. Conforme discutido previamente com o owner, para esta etapa havia que evitar o track feito anteriormente que nos levaria para uma jornada mais complexa e arriscada. Assim, o plano era tão somente chegar à Louriça (alt. 1369 m), cume da Serra Amarela, seguindo a série de caches dispostas ao longo de um antigo estradão (que entretanto viemos a saber que tem acesso a viaturas condicionado, o que felizmente não era o nosso caso) ao longo da encosta da montanha. A primeira parte foi pois encontrar esse estradão, o que foi relativamente fácil graças à cartografia do GPS. Agora não havia que enganar, era sempre a subir até às antenas.

Á medida que o dia ia avançando, o calor ia também apertando. A solução era despir alguma roupa e refugirmo-nos, sempre que possível em pequenos bosquetes ao longo do caminho que, além de sombra, providenciavam também uma agradável fonte de água graças às ribeiras que por eles corriam. Aliás, a água não foi um problema nesta etapa como inicialmente pensávamos, já que ao longo de toda a subida, várias eram as nascentes de água que brotavam ao longo do caminho e que nos saciavam a nossa sede. Se soubéssemos de antemão, tínhamos evitado trazer água connosco, o que pesou e bem nas nossas mochilas. Á medida que íamos subindo (e aproveitando para procurar algumas geocaches no caminho), a paisagem que ia ficando para trás era cada vez mais avassaladora. Agora só perscrutávamos o horizonte das montanhas em busca do local onde no dia antes partíramos rumo a esta aventura, na longínqua aldeia de Castro Laboreiro. Na altura as antenas da serra Amarela eram somente uns riscos muito lá ao longe…agora estavam praticamente ao nosso alcance, já que a cada curva que fazíamos, a proximidade era cada vez maior. Após uma paragem na última casa a caminho do cume, já a uma altitude superior a 1100 m. e onde fizemos local de um muito agradável picnic (já tardio), prosseguimos então para a jornada final rumo às antenas cada vez mais próximas. Ainda assim foi pelo menos mais uma hora de caminhada até ao destino.

A chegada às antenas (Louriça, 1369m de altitude) aconteceu por volta das 16h30, onde nos detivemos por alguns momentos a descansar e apreciar as magníficas vistas a 360º para o horizonte. Curioso observar para um lado a albufeira do Alto Lindoso (bacia hidrográfica do Lima) e para o outro, a albufeira de Vilarinho das Furnas (bacia hidrográfica do rio Cávado). Duas realidades geográficas tão distintas e agora tão próximas a um simples olhar. Espectacular também o vale do rio Homem que se abria literalmente à nossa frente bem lá ao longe. Aquele seria daqui a uns tempos, mais um local de passagem na nossa aventura. Mas não havia muito tempo para descansar, pois eram já 17h00 e teríamos de chegar ainda à Portela do Homem, preferencialmente antes do cair da noite. Agora, o desafio era mesmo observar os vales abaixo e encontrar um ponto de acesso até ao outro lado da montanha.

infoA multi-cache ("multiple") involves two or more locations, the final location being a physical container. There are many variations, but most multi-caches have a hint to find the second cache, and the second cache has hints to the third, and so on. An offset cache (where you go to a location and get hints to the actual cache) is considered a multi-cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us

Return to the Top of the Page