View Geocache Log

Write note p@Che posted a note for Sra. da Paz

Wednesday, June 16, 2010Braga, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

3/3 - A cachada (o log que interessa!)

E, passado duas horas depois de abandonarem o local em busca da chave que abriria o teimoso do SUV, que no caso foi pior que uma mula, duas lanternas avistavam-se no horizonte, ou melhor, no meio da floresta. Os bófias, profundos conhecedores do mundo TT e tecnológico que nos envolve, acharam por bem ficar no inicio do estradão... "Ui, vocês querem-nos levar para o monte??". Pois, aqueles dois com cara de esfomeados não enganam ninguém, nem a policia. Carro aberto, recuperado os pertences, foi tempo de o fechar agora por vontade do dono, e enfiar 8 gajos dentro do Defender. Aquilo tem lotação para 6, mas 8 já é um abuso... Afinal, mesmo depois de todo o desenrolar da história, pior, depois de um dia de trabalho, às 02h40, ainda havia disposição suficientemente boa para ir fazer a cache e finalmente quebrar o feitiço. A mim parece-me é que a procissão já tinha terminado, e por isso estávamos agora autorizados a seguir em frente, enquanto os mortos voltavam aos seus T1 6 palmos abaixo de terra. É importante referir que todas as apostas se mostraram nulas, isto porque apenas eu estive mais perto por defeito do tempo estimado, mas disse que não trariam a chave. Assim sendo, ganha a banca. Os últimos 500m de Todo-o-terreno foi feito em modo Sardinhas em lata "Bom Petisco". Só faltou mesmo lá a Bordela!

Chegamos lá em cima, e a pequena capela estava aberta, deixada assim quem sabe pelos antecessores que abandonaram o local minutos antes. Aproveitamos e fizemos o log no livro de visitas da capela, onde dois pardais se mostravam incomodados com a nossa presença. Sim, eram pardais, não eram morcegos, que nesta terra não há disso. A vista é de facto fantástica, e de noite bem mais especial. Depois de toda a aventura desta noite, foi uma cerejita lá em cima. Ainda faltava logar a cache propriamente dita, que nos fez fazer mais uma incursãozita monte adentro. Sim, porque havia que justificar o esforço e isto não é WayMarking! Ah, e o logbook da capela não é oficial da Groundspeak Cache encontrada, logada... eu respirava e dizia: FINALMENTE! Estranhamente no local ninguém quis se chegar à frente com a cachaçada, mas desengane-se quem pensa que se esqueceram.

A descida em modo "Bom Petisco" foi bem mais soft, mas eu esperava descer a trialeira nesse modo... infelizmente não havia travões que garantissem a segurança do SUV. Não é que merecesse tanta consideração, mas pronto... é caro. Depois foi o regressar até à Offteam H.Q. por vários caminhos diferentes, mas onde chegamos todos mais ou menos à mesma altura. E pronto... ai quando vi o cameramen de Iphone em punho já sabia o que me esperava. Mas sabem que mais: uma milestone sem este ritual já não tem a mesma piada. Aliás, uma milestone sem vocês e as peripécias que normalmente vivemos juntos, já não tem a mesma piada.

A #2000 está mais perto, pelo que reservem a vossa agenda. Um obrigado ao Geoboicote, por mais uma vez fazer o alto patrocínio de tão bom momento em que para além de espalhar o pânico em cemitérios e igrejas, provou uma vez mais que a amizade é a fonte da VIDA!

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us