View Geocache Log

Write note global trekkers posted a note for Valley of Darkness [Gerês]

Saturday, July 28, 2012Vila Real, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

(2/3)

Foram vários os minutos à procura da segunda cache, mas sem qualquer sucesso. Tendo em conta que a hint era bastante clara,ficou logo claro que íamos ter problemas. Só nos demos ainda mais conta disso quando lemos em detalhe os últimos registos e verificámos na altura já reportavam o mesmo problema. Foi aqui que o desânimo se instalou no grupo. Todo o planeamento, toda a viagem, toda a aventura posta em causa...simplesmente porque o segundo contentor estava desaparecido, mascararado em registos de found, e que obviamente não despoletaram a nossa atenção para algo que eventualmente não estivesse bem. E foi aqui, no pior dos momentos, quando a desilusão de uma viagem infrutífera se encontrava estampada nas nossas caras, que ainda tive uma réstea de esperança. O plano era simples: um de nós subia a montanha até obter rede de telemóvel e tentava contactar um dos últimos geocachers que estiveram no local em busca de informação adicional. Inicialmente correu tudo bem: GT contactaram geocacher X o qual deu informação de contacto de geocacher Y. Este por sua vez deu informação de contacto de geocacher Z. Contudo, ao contactar geocacher Z, fiquei sem saldo!!! Toca de descer tudo até ao rio, e voltar a subir novamente, agora com o Jorge e o seu telemóvel. O coração já batia a 1000 à hora, entretanto. Contactado com êxito o geocacher Z, logo nos foi confirmado o problema do segundo contentor. Graças à sua amabilidade que muito agradecemos, iram em breve ser-nos enviadas as derradeiras coordenadas da cache. Não posso deixar aqui de mencionar que foi uma sorte do outro mundo naquele momento ter conseguido contactar com estes 3 geocachers, e de todos eles estarem disponíveis. Muito obrigado desde já pela ajuda prestada!
Com o ânimo restabelecido por finalmente termos a hipótese de fazer uma caminhada com destino certo (pior que um DNF, é andar sem rumo nem destino, pois só tínhamos trazido esta cache impressa), altura para novo revés: ao saltar de uma pedra para outra no leito do rio com o propósito de arranjar um bom spot para almoçar, eis que a Cândida deixa cair a máquina fotográfica numa pedra e a partir daí dentro de água! Adeus máquina fotográfica! Salvaram-se contudo as fotos no cartão como agora constatei quando escrevo estas linhas..e ainda bem que o Jorge tinha trazido máquina dele para documentar fotograficamente o resto do passeio.
Toca a comer pois e começar a subir para o outro lado da montanha que esta ponte já deu azar quanto baste. E assim iniciámos nova fase de ascensão, sem saber para onde iríamos. Apenas sabíamos que tinhamos de subir rumo aos altos cumes. As coordenadas, essas, poderiam chegar a qualquer momento via sms. Toda a nossa atenção estava pois colocada num simples bip-bip que poderia surgir a qualquer altura..
E foi passados uns 40 min após abandonarmos o local do segundo ponto que finalmente o telefone tocou e com ele a voz do geocacher Z a transmitir-nos as coordenadas finais e o eventual procedimento de re-colocação do segundo ponto que acabou por não vir a acontecer, como depois se verá. Entretanto, e uma vez que até este momento não vínhamos a seguir qualquer coordenada, acabámos por nos desviar um pouco do trilho, o que nos custou uma boa dose de cansaço extremo, pois tivemos de contornar uma enorme parede e rumar mais para cima a fim de evitar mais longas subidas e descidas acentuadas. Altura para uma paragem estratégica -mais uma entretanto das muitas que efectuámos- para beber água que o sol a esta hora (14h30) é mesmo implacável. Á medida que íamos percorrendo o trilho, iam ficando para trás as árvores e demais vegetação, para agora darem lugar ao reino dos blocos erráticos, das pedras, da alta montanha onde impera o silêncio e onde a vista para o horizonte é um verdadeiro regalo para os sentidos. Ahh, este é mesmo o verdadeiro Gerês! A chegada ao ponto final aconteceu por volta das 17h, num local absolutamente fantástico de cortar a respiração.

infoA multi-cache ("multiple") involves two or more locations, the final location being a physical container. There are many variations, but most multi-caches have a hint to find the second cache, and the second cache has hints to the third, and so on. An offset cache (where you go to a location and get hints to the actual cache) is considered a multi-cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us