View Geocache Log

Found it Eximius found Crime! Disse o GPS [Murder! GPS wrote]

Sunday, October 16, 2011Lisboa, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

#129

Um pouco estranho ter de trabalhar a um domingo disfarçado de turista para descobrir um crime tão antigo.

Olhava para a antiga lista de pistas e tudo o que me vinha à cabeça era o Coronel com o candelabro na biblioteca que apenas faziam parte de um jogo de tabuleiro.

Olhava os retratos da Condessa e da Menina ambas com cara angelical, poderia ter sido uma delas, talvez mesmo até as duas, seria o Doutor ou até mesmo o Embaixador, os objectos suspeitos mostravam tratar-se de mentes perigosas capazes de tudo, seguíamos ambos escutando e olhando com atenção sem trocarmos quase palavras, já por ali andávamos fazia algum tempo quando pedi a opinião da minha colega, num ápice parecia que a história se desenrolava à nossa frente.

Apressamos o passo sem no entanto deixar de observar tudo com atenção, aos poucos em que as peças do puzzle encaixavam maior era a nossa certeza que dali não sairíamos em vão.
Alguns olhares pareciam por vezes querer trespassar-nos, usava o meu velho bloco de notas como se de um mapa se tratasse e ia tirando apontamentos do que mais me entusiasmava deixando apenas uma pequena marca no pretendido, apesar de toda a guarda vigilante destinada a perpetuar os segredos que as paredes do palácio ocultavam conseguimos todas as provas!

Faltava apenas conseguir encontrar a prova final ainda que estupefactos com quem tinha estado por detrás de tal trama assim como a selecção minuciosa do modo de execução.

Seguimos para fora, precisava-mos de ar, sentíamos que olhares nos seguiam mesmo em campo aberto fomos andando devagar tentando conter e ocultar a adrenalina que nos percorria o corpo, neste momento já desconfiava de todos os movimentos, uns supostos estrangeiros que mais pareciam seguir a nossa sombra, outra turista de comportamentos estranhos quando já chegávamos ao local da derradeira prova final, num movimento rápido e perspicaz conseguimos recolher o tesouro escondido tal prova de crime e traição, sentamos-nos um pouco olhando este tesouro, faltava sair em segurança e com a certeza de que nenhuma pista ficaria exposta e em risco, seguimos jardim abaixo como qualquer outro turista deslumbrado com os labirintos de sebes as quais ocultavam pequenas esculturas e lugares que haviam parado no tempo.

Saímos dali realizados, o tesouro estava salvo, nenhum dos vigilantes se apercebeu de que de tínhamos encontrado o tesouro, tivemos de nos dirigir a uma taberna, sentíamos ainda que seriamos seguidos talvez por fantasmas do passado.

PS: Peço desculpa chefe, sei que tinha pedido o relatório mais cedo, só hoje conseguimos recuperar.

PS: Junto do tesouro estava um velho pergaminho, de tão velho que era desfez-se em pó nas nossas mãos, consegui-mos ainda assim distinguir um código estranho com as seguintes oito letras:

TFTC
TNLN

infoA Mystery Cache is the “catch-all” of cache types, this form of cache can involve complicated puzzles you will first need to solve to determine the coordinates. The only commonality of this cache type is that the coordinates listed are not of the actual cache location but a general reference point, such as a nearby parking location. Due to the increasing creativity of geocaching this becomes the staging ground for new and unique challenges.
Visit Another Listing:

Advertising with Us