View Geocache Log

Didn't find it LMGomes couldn't find Six Feet Under [Arrábida] (Locked)

Saturday, November 1, 2008Setúbal, Portugal

NOVELO DE FIO…

A procura desta cache deu-me os mementos mais intensos vividos no Geocaching até agora…Só foi pena ter sido um DNF.

Eu, o meu filho JoãoMG e o TNT_Duck, lá iniciámos a subida até à entrada da gruta, quipados com capacetes, frontais e o holofote de BTT que veio a revelar-se muito útil.

Ultrapassada a entrada foi pacifica a pesquisa das 1ªs câmaras da gruta, mas cache nem sinal. Depois das fotos da praxe e quando voltávamos à saída é que reparámos que tínhamos ido para o lado errado.

Descoberta a passagem que correspondia à descrição da cache lá fomos…. Mas aqui é que as coisas começaram a correr menos bem. O João, naturalmente, não quiz deixar de ver a luz do sol e preferiu ficar na 1ª ou 2ª câmara. Eu e o TNT_duck iniciámos então a descida, só que o João choramingou e como eu ia na frente o TNT disse logo que voltava atrás e eu que fosse procurar a cache.

Ultrapassei todos os buracos e buraquinhos, afinal cumpria todos os requisitos de segurança aconselhados, não tenho claustrofobia e 30 anos de ginástica acrobática e trampolins faciltavam, e chegado à última câmara procurei, procurei e nada. Ok, que chatice, um gozo de aventura e a minha estreia em grutas a sério e logo um DNF. Mas tem que ser, tenho que voltar… mas por onde, não encontrei o acesso de volta.

É nesta fase que tive a noção de como de um momento para o outro a situação tinha passado de uma aventura fantástica, para a necessidade de me auto-controlar para não cometer nenhum erro na tentativa de encontrar a saída. Não houve parede ou recanto daquele espaço que eu não tenha tentado, mas de saída nada. Resolvi chamar o TNT para que com a sua luz me orientasse. Quando ele me ouviu tinha o João para manter calmo na entrada e que descer, possivelmente o máximo possível também, para me ajudar…

Parei e desliguei todas as minhas luzes para facilitar a visão da luz dele, mas nada… Extraordinária a sensação de estar sem luz muitos metros abaixo da superfície, enfiado numa gruta, ali tive a perfeita noção da escuridão.

O disparo de adrenalina é tal (ainda agora os músculos parecem que corri uma maratona) que também tive a noção que é muitas vezes nesta fase em que se podem dar acidentes com a ansiedade de rapidamente encontrar a solução. Não houve parede ou recanto que eu não tenha tentado, mas saída nada.

Finalmente lá vislumbrei o reflexo da lanterna do TNT que, inesperadamente, me surgiu de baixo e não de cima como estaria à espera. O regresso foi fácil e o João quando me viu também se tranquilizou.

A cache lá continua e nós lá voltaremos… só que desta vez NOVELO DE FIO…

Obrigado ao Owner por esta cachada magnifica e mais do que não correu tão bem, ficou a minha estreia em grutas a sério, a gruta, a aventura e o facto de ter conseguido controlar-me nesta situação.

E ao grande amigo TNT_Duck, que me ajudou a safar desta.

Por fim, durante a longa pesquisa que efectuei na última câmara e enfiado por um buraco inatingível (dai não ter feito CITO), encontrei uma caixa de plástico, pilhas velhas, meio charuto entre outro lixo… não quero acreditar que são fruto de visitas de geocachers…

E nunca é de mais relembrar que os conselhos dados na página da cache sobre como a fazer em segurança devem ser mesmo cumpridos. Nunca mas nunca a façam sozinhos. Levem sempre luzes fiáveis e capacetes.

LMGomes

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us