View Geocache Log

Found it Lusitana Paixão found La Ruta de Los Túneles - Barca d'Alva

Saturday, October 15, 2011Guarda, Portugal

17km de pura beleza e de emoções fortes...é o que vou recordar desta bela aventura! Depois de percorrer a Linha do Tua a 17 de Setembro, o feitiço das linhas de comboio entranhou-se em mim. Não é fácil explicar o fascínio que estas linhas provocam, elas têm tanto de belo como de rude, maltratam-nos o corpo mas preenchem-nos a alma de uma estranha forma.

Em Foz Tua ficou selado o pacto com o Fernando Rei e o PBrandão, a próxima aventura sería La Ruta de los Túneles...e a caminhada ficou marcada, suspensa no tempo, à espera de um telefonema a firmar o acordo, a data e a hora.
O telefone tocou e do outro lado a voz amiga e entusiasta de Sua Majestade: no próximo sábado às 10h00? Levou um sim, e ficamos de fazer a "recruta".

Em 3 dias juntamos um grupo de 12 pessoas, muitos geocachers, outros amigos e amantes do Btt. Um ponto comum? A sede de aventura e o gosto pelo desafio. Ás 6h00 da manhã do próprio dia, uns partiam de Braga, outros de Arcos de Valdevez, uns quantos de Seia e outros de Leiria. Pouco passava das 10h00 quando nos encontramos todos em Barca d'Alva para a bela torrada e o café da manhã. Logística de viaturas aviada, mochilas aprumadas, estômago aconchegado, pouco passava do meio dia quando demos início à caminhada e, depois da visita à estação de Barca d'Alva encontramos o primeiro container da multi cache.
Em poucos minutos chegamos à primeira ponte, esta quase não conta, a mais segura e bem parecida, como que a dar alento para a viagem.

Um nó na barriga, e ainda a incerteza latente sobre este desafio. Será que vou conseguir? Será que me vão falhar as forças, a coragem, a determinação?
Não dei nada por adquirido. Ainda me ri com o Brandão quando a uma só vóz dissemos: "o excesso de confiança é uma cena que não me assiste"...e não assite mesmo. Sou uma medricas assumida.

Acontece que a Ruta de los Túneles é mesmo uma via de sentido único. Não queria atrasar o grupo, não queria complicar ou prejudicar a caminhada dos colegas. Pensei num espectacular Plano B, ficar a ver montras em Barca d'Alva durante todo o dia até eles regressarem. Pura adrenalina!!...continuei a caminhar, passei o primeiro túnel, fresco e revigorante, e aquela linha estendida aos meus pés chamava por mim. Havia que continuar.

A segunda ponte é a prova dos 9. Subi ao patamar esquerdo, que não inspira uma confiança louca. À primeira vista o ferro do patamar da direita parecia ainda menos convidativo...mas depois de colocar os pés e firmar o pulso no corrimão, ganhei uma nesga de confiança. À minha frente o All Happy, mesmo atrás de mim o Sphinx, ambos preocupados comigo, a aconselhar e a incentivar.

Um passo. Outro passo. Muito devagar, com toda a concentração possível, pois é muito difícil abstrair o olhar e a mente do vertiginoso abismo debaixo dos nossos pés. É preciso calma, não ceder ao pânico das alturas e nunca facilitar.
E é preciso um grupo espectacular, amigo, atento e bem disposto porque sim, aqui a união faz a força e marca mesmo a diferença.
Depois de passar a segunda ponte a coisa já se me afigurava fazível. Ganhei coragem e percebi que aqui ninguém deixaria ninguém para trás, e isso é meia rota andada!

Satisfaction!

Additional Images Additional Images

Satisfaction! log image Satisfaction!

Na Rota log image Na Rota

A cache log image A cache

Barca d Barca d'Alva

infoA multi-cache ("multiple") involves two or more locations, the final location being a physical container. There are many variations, but most multi-caches have a hint to find the second cache, and the second cache has hints to the third, and so on. An offset cache (where you go to a location and get hints to the actual cache) is considered a multi-cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us