View Geocache Log

Found it Carlytos found Palheiros da Ria de Aveiro

Sunday, January 29, 2012Aveiro, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

[b][red]#651[/red][/b]

Que belo dia para fazer esta cache e sempre na companhia da divertidíssima equipa, composta por [url=http://www.geocaching.com/profile/?u=Lynce]Lynce[/url] (e muggle namorada), [url=http://www.geocaching.com/profile/?u=Dmdias]Dmdias[/url], [url=http://www.geocaching.com/profile/?u=3 Mares]3 Mares[/url] e 2 outros geocachers responsaveis pela embarcação!
Quando esta cache saiu, ficou desde logo na minha Lista de caches a fazer em 2012.
Fui ouvindo relatos da cache, que material seria necessário, como fazê-la, etc...
Munido de toda a informação, vontade e disponiblidade, ficava a faltar apenas o mais importante: o meio de transporte para lá, ou seja, uma embarcação!
Sondei tudo o que era gente conhecida a fim de descubrir um barco, uma bateira, qualquer coisa que flutuasse e me levasse à cache. NADA... ninguém tinha esse meio!
Foi então quecoloquei um post no Facebook e desde logo a Carloina (nhau_team) se disponiblizou em arranjar-me o barco, por uma modia quantia, pois seria não apenas uma boleia para cache, mas um passeio pela Ria e seus canais.
Após reunir uma bela equipa (e assim dividir as despesas) marcamos a data, hora e local.
No domingo, faltei ao jogo de Futebol (já agora, a minha equipa venceu o jogo por 1-0), e às 8h15 apanhei o Lynce e sua namorada e lá fomos em direcção a Aveiro. À hora marcada, ou seja, 8h50, estavamos em frente à porta do Dmdias, mas o moço tinha adormecido (ou melhor, o despertador não o acordou) e lá nos atrasamos uns minutos. Chegamos ao Pingo Doce já o resto do pessoal lá estava. Tomamos um pequeno-almoço superrápido, passamos na casa do Miguel para atrelar a lancha e dirigimo-nos à Ria.
Isto agora é tudo moderno e eles dispoêm de um guincho para descer os barcos à Ria. Era altura de subir a bordo.
Um a um, lá nos encontravamos todos dentro. Ligou-se o motor e arrancamos muito calmamente, para assim, desfrutar de uma bela manhã nas àguas da Ria.
Atentamente escutavamos as explicações do Miguel sobre a Ria, os canais (onde nos levavam e a melhor hora/maré para lá passar), a flora, a vida animal... um amador com muito mais experiência que certos profissionais!
Até chegarmos ao Palheiro, avistamos gaivotas (e elas eram às centenas), palheiros ao abandono, restaurados e outros assim-assim, mas tudo aquilo faz da nossa Ria de Aveiro um lugal unico no Mundo (e arredores).
Chegamos finalmente ao Palheiro. Pareciamos crianças, tal era a excitação pela procura do container.Após largos minutos de procura, nada...ninguém dava com ele. Só sabiamos que era necessario alguém alto... foi então que o 3 Mares "cresceu" (e muito), e conquistou a cache!
Alegria geral... assinatura no logbook, fotografias, 2 dedos de conversa!
Gostava de saber, é como levaram para lá muitos dos acessórios que por lá se encontram, como por exemplo aquele atrelado antigo de bois (podem ver nas fotos)!!? De facto, são esses pormenores, que tornam aquel Palheiro algo de FANTÁSTICO e MAGNIFICO!
De volta ao barco e de novo a zarpar (em modo "cruzeiro")paramos nopalheiro seguinte, que por sinal, pertencia aos homens da embarcação! Gentilmente, mostraram-nos as instalações e presentearam-nos com uma Garrafa de Vinho do Porto e uns Croissant com recheio. Aquilo foi como ir a Roma e ver o Papa, era a cereja no topo do bolo!
Pena as horas avançarem a um ritmo alucinante e já se estar a aproximar a hora do tacho!
Dali até aos carros (onde se iria içar o barco) foi feito por um caminho alternativo ao da vinda, mas a paisagem era a mesma, aquele encanto sempre presente.
Foi de facto, um dia marcanto, inesquecivel e a prova de que uma simples cache, pode-se transformar numa cache de TOPO.
TFTC

[url=http://www.geopt.org/link.php?gctools=4]Logged by Geopt Geocaching Tools[/url]

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us