View Geocache Log

Found it hugo.jesus found O Segredo da Gruta da Caveira

Saturday, August 30, 2008Faro, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

Perto das 14:00
#250

Em dia comemorativo de duplo found #400, por parte dos amigos e geocachers Alieri e AJSA, planeou-se uma investida marítima às caches "engrutadas" da zona do Carvoeiro.

Chegando ao waypoint "Ponto de Partida" aconselhado, os três Jesus, AJSA e Golfinha, Alieri e Sicapelo, foram estudar o percurso que teríamos de fazer por mar, tendo para o efeito, feito a aproximação até à entrada da gruta por terra, a pé. Fiquei logo com a sensação que seria uma distância propícia a um bela aventura e muita palhaçada. (O que se veio a confirmar)

Regressados da volta de reconhecimento, aterramos na super-lotada praia, que praticamente apenas tinha espaço para uma pequena micro..., e começamos os preparativos e enchimentos das duas embarcações insufláveis que nos iriam transportar neste passeio aventura.

O arranque foi apoteótico, pois para além das voltas que o barco chinês deu até tomar rumo, o partir de um dos remos chineses, a posição de louva-a-deus do AJSA a agarrar com um braço na canoa rebocadora, magnificamente comandada pelo capitão Alieri, e na outra o remo partido, que de vez em quando fazia uma visita ao mar, as constantes gargalhadas da Sicapelo, e o olhar e divertimento de todos os que se encontravam na praia a admirar todas as nossas descoordenadas acções, lá nos fomos aproximando do ponto desejado.

Quando chegamos à entrada da gruta, fiquei maravilhado, deslumbrado e surpreendido com toda aquela beleza, conforme avançávamos gruta adentro, nesse momento, o barco chinês até parecia andar sozinho, e andava, pois a verdade é que deixamos de remar para apreciar todo aquele cenário. É fabuloso, aproveitem, o bom tempo para vir visitar este local é impressionante, recomendo.

Chegando ao areal, despejou-se a água do interior das embarcações, seguiram-se então os mergulhos e o reconhecimentos do ponto zero, e foi nesse preciso momento, em que íamos atacar o found que aparecem novos visitantes da gruta, que teimavam em não nos dar descanso para tirarmos a cache do seu esconderijo.
Outros visitantes foram surgindo na altura em que os primeiros iam abandonar o local, e nós a pensar, depois desta aventura toda, querem ver que vai ser um DNF? Mas não, uma investida rápida do AJSA permitiu retirar a cache do local e sacar o logbook onde foi feito o desejado log de found conjunto. Parabéns AJSA e Golfinha pelo #400 Found.

A viagem de regresso, correu sem sobressaltos de maior, pois o grande Capitão Alieri, lá rebocou os aspirantes a marinheiros do barco Chinês, que chegou à praia em grande estilo, depois de um salto empranchado do AJSA, na altura de abandonar o barco.

Foi uma aventura de rir do princípio ao fim, mas com este pessoal 5*, não esperava menos que isto. Adorei, obrigado ao owners por nos terem proporcionado “Verdadeiros momentos de Geocaching”.

A aproximação à praia

Additional Images Additional Images

A aproximação à praia log image A aproximação à praia

A atracagem triunfal log image A atracagem triunfal

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us