Skip to content

<

Vale Encantado da Estrela

A cache by Blue Trekkers Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 08/06/2010
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Vale Encantado da Estrela





VERDELHOS - O verde insiste em ocupar o nosso olhar parecendo querer fazer-nos esquecer as outras cores de tal modo domina a paisagem. É aí que encontramos Verdelhos, uma aldeia do concelho da Covilhã aconchegada entre os dois montes que formam o vale do rio Beijames. A exploração da floresta tem mantido a população estável nas últimas décadas. As estreitas margens do rio são aproveitadas para a agricultura e a pastorícia mas vão longe os tempos em que os rebanhos de cabras e ovelhas davam vida à aldeia e faziam parte do seu dia-a-dia. O som dos chocalhos vai escasseando nos dias de hoje mas o fabrico de queijo de cabra é um saber que atravessa os tempos.”


PR3 - Trilho das Fragas

O Trilho das Fragas (PR3) é um percurso circular com cerca de 25 km e nível de dificuldade médio, que une Verdelhos a Vila do Carvalho. Partindo desta última em direcção à Portela penetra-se numa densa floresta de pinheiros bravos. Aproveitam-se os caminhos pedonais antigos para se chegar ao Tiro de Barra, local de fronteira entre as duas freguesias e que nos oferece uma paisagem deslumbrante de montes que serpenteiam até a um horizonte longínquo. É então que começa a descida para o Vale do Rio Beijames, onde depois de alguns quilómetros mergulhados no intenso verde da floresta nos deparamo-nos com os prados que acompanham o rio, onde velhos moinhos de água nos recordam saberes ancestrais. Chegados a Verdelhos encontramo-nos em pleno vale de Beijames onde abundam os pontos de interesse como o Aguilhão, uma formação rochosa de extrema beleza. Na Fonte Serra é novamente tempo de parar e apreciar a magnífica vista sobre a Cova da Beira alongando o olhar até terras de Espanha. O regresso à Vila do Carvalho é a continuação deste deslumbramento (http://www.beiraserra.pt/download/Folheto_Trilho_Fragas.pdf)

FAUNA - A diversidade da vegetação e as características do terreno fornecem habitats ideais para a diversidade de fauna autóctone. Percorrendo estas paragens é possível encontrar o milhafre-preto, a águia-de-asa-redonda, a raposa, o coelho-bravo-europeu, o javali, a perdiz-comum e ainda outros de menor porte como a toupeira, a lagartixa-do-mato, o lagartode-água e o sapo-parteiro. Mas nesta paisagem humanizada não poderíamos deixar de nos cruzar com os rebanhos guardados pelo cão «Serra da Estrela».

FLORA - A altitude, a exposição, o clima e a natureza geológica da serra da Estrela condicionam de forma peculiar a vegetação. Nas zonas de mato predominam as espécies arbustivas como o sargaço, o rosmaninho, a giesta, a urze e a carqueja. Na floresta sobressai o pinheiro bravo mas podemos cruzar-nos também com azinheiras, carvalhos e castanheiros. O salgueiro-branco, o salgueiro-negro e o amieiro povoam as margens do Rio Beijames.


A cache

O Vale do Rio Beijames é um daqueles sítios na Estrela onde queríamos ir pela curiosidade de conhecer, já que tínhamos visto nas cartas militares que seria um vale muito escarpado. E como é costume, a Estrela não nos desiludiu :)
Fomos encontrar um vale de paisagens fantásticas, ainda humanizado com pessoas que vivem da agricultura tradicional em socalcos e da pastorícia, e com vestígios de modos de vida antigos com os moinhos de água. E talvez por ainda ter pessoas, para além da natureza tem ainda alguns pontos de interesse arranjados recentemente, como a “Barragem” de Verdelhos e algumas pontes. E precisamente por todos estes pontos de interesse, descobrimos depois que existe um percurso pedestre, o Trilho das Fragas, que procura ilustrar isto mesmo.

A cache está localizada num ponto que, não sendo o mais distante, nos pareceu ter uma paisagem que ilustra o Vale. Para lá chegar existem vários caminhos e é possível fazer um percurso circular em volta do Rio, a começar e acabar em Verdelhos, ou seguir o PR3. A maneira mais fácil é seguir um estradão mais ou menos arranjado que parte de Verdelhos (waypoint caminho), subindo o Vale sempre na companhia da floresta, do verde dos prados e é claro do azul do Rio Beijames.

Additional Hints (No hints available.)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.