Skip to Content

<

Açude da Lameira - Oleiros

A cache by Margaridawiz Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 07/27/2010
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size: large (large)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

A Cache:
Esta cache vai levá-lo a conhecer mais um dos idílicos locais proporcionados pela ribeira de Oleiros.
Pode aproveitar para dar um mergulho nesta maravilha natural do Concelho, muito usada pelos antepassados para banhos e lavagem da roupa.
Aconselho que este não seja um log de Inverno uma vez que, com o aumento do caudal da ribeira este local perde algum do encanto que o caracteriza.
O terreno está assim cotado devido à muita vegetação que dificulta o caminho ate lá.

A ribeira de Oleiros:
“Este é um sítio muito aprazível “...corre todo o ano por entre árvores que, debruçadas em muitos sítios sobre as águas, e movidas pelo vento, parecem querer beijá-la....” (Pimentel, 1881).
Esta ribeira apresenta caudal ao longo de todo o ano, apresentando continuidade mesmo nos meses de Verão. Na época de maior precipitação, a água chega a inundar algumas zonas adjacentes, para além das margens. Apresenta alguns poços naturais, próprios da diferente profundidade do seu leito (Ex.: Moinhos da Lameira e da Tojeira).
Muitos rouxinóis e outras aves, atraídas pela frescura verdejante do local, celebram de dia e de noite com os seus cânticos, formando uma sinfonia única em conjunto com o som harmonioso da corrente.
Esta ribeira representa um belo viveiro natural de trutas, barbos e bogas. As trutas, com os seus tons de prata, representam autênticas jóias desta ribeira.
Encontram-se igualmente cobras d´água, lagostins e anfíbios, mas sem dúvida que a lontra (Lutra lutra) é o seu habitante que reúne mais simpatizantes.
O povoamento arbóreo é constituído quase exclusivamente por espécies autóctones características das galerias ripícolas existentes ao longo das linhas de água, sendo as espécies mais representativas o amieiro (Alnus glutinosa), o choupo (Populus sp.) e salgueiro (Salix sp). Para além destas, mas menos representativas, ainda se encontram alguns freixos (Fraxinus angustifolia) e sabugueiros (Sambuxus nigra).
A água da Ribeira é aproveitada, em muitos pontos, para rega de terrenos agrícolas adjacentes, para abastecimento, para fins energéticos e para pesca e actividades de lazer.
As margens são um encanto, tendo recantos paradisíacos, que podem proporcionar um passeio delicioso, óptimo para recarregar baterias. Ao longo da ribeira vislumbram-se algumas quedas de água, compondo ainda mais este cenário idílico e convidativo ao descanso.” (in CMOleiros, disponível em www.cm-oleiros.pt)

Additional Hints (Decrypt)

An gbpn fr rfpbaqr b grfbheb...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

209 Logged Visits

Found it 197     Didn't find it 2     Write note 6     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     Owner Maintenance 2     

View Logbook | View the Image Gallery of 70 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.