Skip to content

[361] Moinhos Vivos Traditional Cache

This cache has been archived.

btreviewer: Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.


Bruno Rodrigues - btreviewer
Geocaching Community Volunteer Reviewer
Work with the reviewer, not against him

More
Hidden : 01/05/2011
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Related Web Page

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Moinhos Vivos
Em Palmela, encontramos algumas referências a moinhos de vento na documentação da Ordem de Santiago, no século XVII. 

É no entanto para o século XIX, com a leitura da Carta Topográfica Militar do Terreno da Península de Setúbal de 1816, que podemoss quantificar estes engenhos para Palmela e, mais concretamente, dar-lhes identidade própria, através da atribuição, aí referenciada, do nome para alguns deles.

Também parece coincidir esta época (primeira metade do séc. XIX) com o início da entrada em decadência de moinhos de vento de Lisboa face à concorrrência dos moinhos da Outra Banda, onde o número aumentara consideravelmente desde o início do séc. XIX. 

Desde então, os moinhos de vento de Palmela laboram arduamente até meados do séc. XX, quando entram em decadência perante o crescimento da indústria de moagem de farinha. Nessa época, antes da referida decadência, haviam 22 moinhos de vento em Palmela. 

Os dois moinhos de vento do Centro Moinhos Vivos já deviam existir em 1816 por parecer ser os indicados para o local na referida carta topográfica. Durante a I Grande Guerra (1914-1918) entram para a família dos actuais proprietários. Nessa altura representavam um negócio florescente, devido ao racionamento de alimentos. No mastro actual do “Moinho Nascente” está gravada a data de 1924, como ano da sua instalação. 

Em 1980 o agora designado “Moinho Poente” do Centro, ainda trabalhava dentro do sistema económico tradicional sendo o moleiro que o arrendava, o memorável Mestre Moleiro José Marçal, que para além de moleiro era também um habilidoso carpinteiro. 

Carlos Miguel Frescata (www.carlosfrescata.com), da família proprietária desde o início do séc. XX, recuperou o agora designado “Moinho Nascente” em 1983-86 (o qual já estava parado há pelo menos 30 anos) e o “Moinho Poente” em 1994-96. Ambas as recuperações foram apoiadas pelo Parque Natural da Arrábida, com a intervenção dos respectivos directores desta instituição: Maia Barbosa, na primeira, e Eduardo Carqueijeiro, na segunda.

O Centro Moinhos Vivos é inaugurado em 22 de Outubro de 1996. 

Fonte: moinhosvivos.com 
1924
-----
-----
-----

Additional Hints (Decrypt)

[Ver Spoiler] [See spoiler]

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)