Skip to content

This cache has been archived.

MightyREV: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante as situações relatadas.
Relembro a secção das Guidelines sobre a manutenção http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=307#maint :

[quote]Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

A região onde um geocacher é considerado capaz de manter geocaches responsavelmente irá variar de pessoa para pessoa. Um geocacher que anteriormente fez registo de geocaches numa área alargada a partir da sua residência pode ser considerado habilitado a manter uma geocache a 200 milhas (322 Km) de distância. Contudo, alguém cujas actividades de geocaches têm sobretudo estado dentro da distância de 25 milhas (40km) de sua casa não deverá estar preparado para manter uma geocache tão distante de casa. O critério usado nesta situação fica a cargo do revisor da geocache ou pela Groundspeak.

Por causa do esforço requerido para manter uma geocache, por favor coloque geocaches físicas no seu espaço habitual de geocaching e não em sítios para onde costuma viajar. Geocaches colocadas durante viagens não serão muito provavelmente publicadas a menos que possa fornecer um plano de manutenção adequado. Este plano deve permitir uma resposta rápida a problemas reportados, e deverá incluir o Nome de Utilizador de um geocacher local que irá tomar conta dos problemas de manutenção na sua ausência. Alternativamente poderá treinar uma pessoa local para fazer manutenção à geocache. Documente o seu plano de manutenção numa Nota ao Revisor ou na sua página de geocache. Isto deverá incluir a informação contacto da pessoa que irá efectuar a manutenção. A nota irá ser apagada automaticamente aquando da publicação.[/quote]

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor, contacte-me através do mail indicado no meu perfil e refira o GC Code da cache.
Lembro que a eventual reactivação desta cache passará pelo mesmo processo de análise como se de uma nova cache se tratasse, com todas as implicações das Guidelines actuais.

Obrigado

[b] MightyREV [/b]
Geocaching.com Volunteer Geocache Reviewer
Revisor Voluntário em Geocaching.com

[url=http://support.groundspeak.com/index.php]Centro de Ajuda Groundspeak[/url]
[url=http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=340]Trabalhar com o Revisor[/url]
[url=http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=77]Como ter uma cache publicada (mais) rapidamente[/url]
[url=http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx]As Guidelines são regras[/url]

More
<

Quinta da Trindade

A cache by Luis Lourenço Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 01/03/2011
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Quinta da Trindade

A Quinta da Trindade é uma quinta histórica do concelho do Seixal, sendo património os seus paineis de azulejo, classificados de interesse público.

Na Quinta da Sanctíssima Trindade (como era chamada no séc XVI) existiu o Convento do Seixal, extinto com a expulsão das ordens religiosas do país e com o Terramoto de Lisboa de 1755.
Actualmente é o local onde se situa também o Centro de Estágios do Sport Lisboa e Benfica, o empreendimento Quinta da Trindade, a Cruz Vermelha Portuguesa (antiga Estação dos Caminhos de Ferro do Seixal), o Instituto Hidrográfico da Marinha Portuguesa e o Estaleiro Naval do Seixal.

A Quinta da Trindade fica situada na Avenida M.U.D. Juvenil - Azinheira, Seixal, e a sua origem remonta aos finais do século XIV, aquando da fundação de um convento pela ordem religioso-militar da Santíssima Trindade, que também fundou no mesmo espaço uma ermida denominada da Boa Viagem, tendo sido doado por D. Brites Pereira, viúva do Almirante Rui de Melo e sobrinha de Nuno Álvares Pereira.

Com o terramoto de 1755, não só a ermida mas também o convento ficaram danificados, embora a ermida tenha recebido durante algum tempo o sacrário com o Santíssimo Sacramento, enquanto se procedia à reparação da igreja matriz da vila. Em 1834, com o decreto de extinção das ordens religiosas em Portugal e a nacionalização dos respectivos bens, a Quinta da Trindade passou a integrar a Fazenda Pública e foi vendida em hasta pública ao conselheiro Joaquim Inácio de Lima, que introduziu alguns melhoramentos e continuou a sua exploração agrícola.

Em 1908 estava na posse de Manuel Martins Gomes Júnior, conhecido como o «Rei do Lixo», que chamou a si a reconstrução do edifício apalaçado e construiu ainda o «Castelinho». No edifício, e no exterior, existem exemplares representativos dos mais diversos géneros e tendências decorativas de azulejaria, trazidos de vários locais pelo «Rei do Lixo», bem como elementos diversos, como um brasão pertencente à família Noronha. De origem, o palacete tem um tecto de madeira policroma, no espaço que se julga ter sido uma pequena sala de leitura do convento, com cenas mitológicas da «Concórdia e Discórdia», e que foi restaurado após a posse da autarquia. O jardim conta com várias espécies, das quais se destaca um dragoeiro com idade de cerca de 200 anos, uma árvore-borracheira de grande porte e palmeiras das Canárias, entre outras espécies.

Nos terrenos da Quinta foram ainda implementados armazéns e oficinas da Companhia de Agricultura de Portugal, em 1920, destinados à indústria corticeira e mais tarde arrendados à Mundet. São desta época as casas construídas junto do actual campo «Albano Narciso Pereira» do Seixal Futebol Clube, o «Bairro da Trindade», destinado aos empregados mais qualificados da firma. Junto à área de residência encontra-se ainda um espaço de forma redonda, que servia como forja manual, fundição, serralharia e oficina de manutenção mecânica, de apoio às actividades principais dos armazéns.

Depois da morte do «Rei do Lixo», passou para a posse da filha, Cibele Martins Gomes Duarte, que viria a ceder o edifício ao Partido Socialista em 1975, já com o edifício residencial classificado como Imóvel de Interesse Público (1971).

Em 1982 iniciam-se os primeiros estudos para o processo de urbanização da zona. O projecto urbanístico final – da autoria do gabinete Pedro George & Associados – conduziu a que uma parte da Quinta (a que encerra o jardim e o edifício residencial) fosse municipalizada e integrasse Ecomuseu do Seixal. A restante área destinou-se a múltiplos usos, entre eles, o Centro de Estágios do Sport Lisboa e Benfica, a futura Cidade Desportiva do Seixal, um empreendimento residencial homónimo – constituído por vários quarteirões, zonas comuns para praticar desporto, ciclovía e áreas privativas para cada quarteirão que incluem parques infantis –, para além de vastos espaços verdes e de interacção com o Rio Tejo e o esteiro de Coina.

Contentor contém:
- Logbook;
- Aviso contentor;
- Caneta e lapis;
- Afia lapis;
- Buzio;
- Pedra da sorte.

Additional Hints (Decrypt)

N 2 zgf nyghen...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.