Skip to content

This cache has been archived.

btreviewer: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante as situações relatadas. Relembro a secção das guidelines sobre a manutenção http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx#cachemaintenance :

[quote]
Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Por causa do esforço requerido para manter uma geocache, por favor coloque geocaches físicas no seu espaço habitual de geocaching e não em sítios para onde costuma viajar. Geocaches colocadas durante viagens não serão muito provavelmente publicadas a menos que possa fornecer um plano de manutenção adequado. Este plano deve permitir uma resposta rápida a problemas reportados, e deverá incluir o Nome de Utilizador de um geocacher local que irá tomar conta dos problemas de manutenção na sua ausência. [/quote]

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor, contacte-me por [url=http://www.geocaching.com/email/?u=btreviewer]e-mail[/url].

Lembro que a eventual reactivação desta cache passará pelo mesmo processo de análise como se fosse uma nova cache, com todas as implicações que as guidelines actuais indicam.

Se no local existe algum container, por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Obrigado

[b] btreviewer [/b]
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer

[url=http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=77][i][b]Work with the reviewer, not against him.[/b][/i][/url]

More
<

Castelo de Belver

A cache by Joanito e Paulo Martins Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 02/26/2011
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


 

Belver

A vila de Belver encontra-se «…», no alto de um morro da margem norte do Rio Tejo. Geograficamente está implantada em território da Província da Beira Baixa e administrativamente esteve ligada ao Concelho de Mação até 1898.
Actualmente é freguesia do Concelho do Gavião, Distrito de Portalegre, pertencendo assim à província do Alto Alentejo.
Judicialmente depende da Comarca de Abrantes e religiosamente da Diocese de Portalegre - Castelo Branco.
Dispõe de estação de Caminho de Ferro e é servida pela Linha da Beira Baixa desde 1891.
«…» É uma vila muito antiga, dormindo sobre recordações de grandeza que agora são história, já que as suas origens quase coincidem com o início da nacionalidade.
Há provas suficientes que levam a admitir a existência de um povoado rural, romano ou celta - romano, talvez não no local onde hoje se encontra a Vila, mas em terrenos próximos, situados a norte, e actualmente usados para cultivo.

«Monografia da Antiga Vila de Belver (da Ordem de S. João do Hospital) – Câmara Municipal do Gavião 1984 por, J.C.Lobato Ferreira»

 

Ponte sobre o Rio Tejo

 


As lendas fazem parte da cultura e património do povo. Em Belver a lenda mais conhecida e contada pelo povo é a lenda das Santas Reliquias.

Lenda das Santas Relíquias

Castelo de Belver
Existem vários relatos da proveniência das Santas Relíquias, sendo o mais digno de crédito aquele que se refere terem sido elas trazidas da Palestina em data não determinada, pois dada a natureza da Ordem donatária da vila e do Castelo de Belver, não surpreende que muitos dos seus cavaleiros tenham ido em cruzadas ou peregrinações à Terra Santa.
Uma certa época, as relíquias foram guardadas nos alvéolos feitos no peito das imagens santas que ainda nos nossos dias guarnecem e decoram o retábulo do altar de madeira talhada da Ermida de S. Brás.
Um personagem (para uns um anónimo cavaleiro maltês, para outros o Infante D. Luís, filho de D. Manuel) teria mandado retirar as relíquias do retábulo da Ermida e levá-las para Lisboa, a fim de ornamentarem um qualquer templo da capital.
Tendo essa transferência sido efectuada e as relíquias chegado ao seu destino, desapareceram pouco depois como que milagrosamente, vindo mais tarde a saber que haviam subido o Tejo dentro de um barco iluminado, ao som de uma música celestial. Estavam guardadas a bordo dentro de um cofre de madeira, forrado a seda vermelha e decorado a prata.
O barco que as levava foi vogando até Belver, quedando-se então no rio, na direcção do castelo.
Feitas várias tentativas para puxar o barco até à margem, foi alguém à vila dizer o que se passava, e de lá veio encosta abaixo o pároco a anteceder o povo em procissão. Parada à borda d’ água, a gente de Belver viu então com grande espanto, o barco aproximar-se sozinho da margem e o pároco tomar o cofre em suas mãos.
A procissão encaminhou-se de volta à vila com o pároco à frente levando as relíquias, as quais foram depositadas religiosamente na Igreja Matriz, onde ainda hoje se encontram, só de lá saindo no dia da sua festa anual, comemorada no penúltimo domingo de Agosto.

Informações sobre Belver:
Freguesia de Belver
Barragem de Belver
Castelo de Belver
IPAR




Boa caçada!... Good hunt!





Don't forget: "Cache in, trash out"


Additional Hints (Decrypt)

Ab pnagb

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.