Skip to Content

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.

This cache has been archived.

btreviewer: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante as situações relatadas. Relembro a secção das guidelines sobre a manutenção http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx#cachemaintenance :

[quote]
Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Por causa do esforço requerido para manter uma geocache, por favor coloque geocaches físicas no seu espaço habitual de geocaching e não em sítios para onde costuma viajar. Geocaches colocadas durante viagens não serão muito provavelmente publicadas a menos que possa fornecer um plano de manutenção adequado. Este plano deve permitir uma resposta rápida a problemas reportados, e deverá incluir o Nome de Utilizador de um geocacher local que irá tomar conta dos problemas de manutenção na sua ausência. [/quote]

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor, contacte-me por [url=http://www.geocaching.com/email/?u=btreviewer]e-mail[/url].

Lembro que a eventual reactivação desta cache passará pelo mesmo processo de análise como se fosse uma nova cache, com todas as implicações que as guidelines actuais indicam.

Se no local existe algum container, por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Obrigado

[b] btreviewer [/b]
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer

[url=http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=77][i][b]Work with the reviewer, not against him.[/b][/i][/url]

More

Traditional Geocache

Igreja Matriz de Válega

A cache by zepitbull Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 3/27/2011
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Related Web Page

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Image and video hosting by TinyPic

Válega é uma freguesia portuguesa localizada no extremo sul do concelho de Ovar, distrito de Aveiro, pertencente à NUT III do Baixo Vouga e à NUT II do Centro com uma área de 26,64 km² , 6742 habitantes (2001) e uma densidade populacional de 253,1 hab/km².
O nome de Válega aparece num documento do ano de 1002, sendo provável que já há muito fosse aplicado a esta povoação. Nesse documento aparece o nome de Válega aplicado ao rio que por lá passa. A freguesia de Válega foi formada pela fusão de várias vilas, sendo as principais, Pereira e Dagarei. A parte norte da freguesia regia-se pelo foral de Pereira Jusã e a sul pelo da Feira. À vila de Dagarei veio a suceder o lugar do mesmo nome também chamado Digarei ou Gadarei. Este lugar chama-se actualmente S. João. Em meados do século XII, a freguesia de Válega já estava organizada de forma eclesiástica e sujeita a pagar determinados tributos. Nas Inquirições de D. Afonso III em 1221, e de D. Dinis, 1288, nota-se a preocupação destes monarcas em salvaguardar os seus direitos em relação aos abusos da nobreza, obrigando-os a pagar tributos. A 9 de Julho de 1985 a Assembleia da República aprovou a elevação de Válega à categoria de Vila.

Image and video hosting by TinyPic

A sua construção foi iniciada em 1746, tendo-se as obras arrastado por mais de um século. O edifício espaçoso e altaneiro apresenta frontaria com torre integrada à esquerda. O retábulo principal, do século XVIII, merece destaque, além da pia baptismal, a peça mais antiga dos começos do século XVI - executada em pedra ançã. No interior sobressaem as intervenções do século XX, nomeadamente, os tectos em madeira exótica, custeados pela Família Lopes e os exuberantes revestimentos em azulejo - da Fábrica Aleluia de Aveiro - além dos vitrais – de Madrid - doados pelo Comendador António Maria Augusto da Silva, que impôs as temáticas e a policromia.
No pôr-do-sol a fachada da igreja, que fica virada para poente, parece que está incendiada, por nela incidirem os raios do sol. Um verdadeiro templo dourado e que devido, sobretudo, aos azulejos que revestem a sua fachada vale bem a pena ser visitado.

Additional Hints (Decrypt)

Ebghaqn

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

325 Logged Visits

Found it 306     Didn't find it 2     Write note 4     Archive 1     Temporarily Disable Listing 1     Publish Listing 1     Needs Maintenance 8     Owner Maintenance 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 41 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated: on 11/15/2017 3:17:46 PM (UTC-08:00) Pacific Time (US & Canada) (11:17 PM GMT)
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page