Skip to Content

<

RARET - Centro de Retransmissões Rádio (E.U.A.)

A cache by Familia Rosa Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 02/22/2012
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
1 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

RARET. Rádio Europa Livre (Rádio Retransmissão).
Rádio norte-americana instalada na Glória do Ribatejo (freguesia de Salvaterra de Magos), destinada a retransmitir programas para a Europa de Leste, como parte da estratégia de luta contra o comunismo.

Um Mundo à parte. No início dos anos 50, os Estados Unidos da América, instalaram numa vasta área da freguesia da Glória do Ribatejo, um pequeno Mundo, com condições de vida superiores e que empregava grande parte da população desta freguesia. Era a RARET – Centro de Transmissões de Rádio e de mensagens codificadas, entre a Europa de Leste e os Estados Unidos. Provavelmente, muitos dos destinos do nosso planeta, passaram pela Glória do Ribatejo, sem ninguém se aperceber.
A RARET tornou-se numa comunidade, com Escola, campos de desporto, piscina, etc… etc… Um mundo de luxo para a altura. Os Jovens de então, da Glória e das freguesias vizinhas, frequentavam aqui a Escola. Uma escola cheia de condições, repleta de material didático…
Com o fim da guerra fria, este Centro deixou de fazer sentido para os Estados Unidos, tendo sido desativado aos poucos. O que não fazia sentido para os E.U.A., para as populações desta localidade, foi uma perda imensa. Apesar das chorudas idemnizações para os trabalhadores locais da RARETE, para os habitantes do concelho de Salvaterra de Magos, foi um oásis que sucumbiu, mesmo ali debaixo dos seus narizes…
Ainda hoje se vêem, no local, as antigas instalações da Escola, campos de basquete, de ténis e piscina. Um grande empreendimento está projetado para o local… Aproveitem para ver as ruínas, enquanto é tempo.
Um artigo do Jornal “Aurora do Ribatejo” datado de 7 de Outubro 1967, evidencia as relações da RARET com a Gloria do Ribatejo:
“A população dessa pequena aldeia, que vivia num certo isolamento, devotava-se então na sua quase totalidade a actividades agrícolas e não foi com entusiasmo, diga-se em abono da verdade, que viu a chegada de um grupo de estranhos, com todos os seus maquinismos e hábitos de vida diferente.
Contudo, rapidamente se iniciaram relações entre a Raret e a população de Glória do Ribatejo que provaram ser em mútuo benefício e que resultaram na criação de fortes laços de confiança e amizade.
Entre o pessoal não especializado que a Raret foi recrutar a essa aldeia, bastantes elementos se evidenciaram pela sua inteligência natural, capacidade de adaptação e interesse em valorizar-se e foram treinados de modo a preencherem lugares que se foram criando no quadro do pessoal semi-especializado, da Companhia.
Hoje, dezasseis anos passados, verifica-se uma enorme mudança na composição profissional da população activa dessa aldeia, de que resultou uma forte melhoria do seu nível social e rendimento “per capita”.
Um anseio que a população de Glória há muitos anos acalentava – a criação da Junta de Freguesia de Glória do Ribatejo – teve finalmente a usa feliz concretização em 29 de Agosto do ano passado; a este facto, que denota sem dúvida um nítido progresso social, como oportunamente foi declarado por pessoas responsáveis, não foi estranha a presença da Raret naquela região, e um dos principais responsáveis pela realização desse sonho, e primeiro Presidente da Junta de Freguesia, é um funcionário distinto da Raret, um dos “imigrantes” de 1951, já há tempo Gloriano pelo coração.
A Raret é hoje para a Glória do Ribatejo mais do que uma simples fonte de emprego, é um amigo com possibilidades e que sempre está pronto a servir e a quem recorre quando necessita de auxílio, seja ele a reparação de uma bomba de elevação de água, a colocação de um mastro festivo de grande altura, o empréstimo de um sistema de amplificação sonora, ou os primeiros socorros a um acidentado. Exemplos reais de factos passados.
Por outro lado a Glória do Ribatejo constitui para a Raret mais do que uma simples fonte de mão-de-obra, é um amigo com legítimas aspirações, a quem procura ajudar de maneira efectiva, dentro das suas possibilidades. Assim consciente das dificuldades com que a aldeia vizinha luta para assegurar a ascensão educativa e a assistência médica da sua população e convicta de que são esses os mais firmes alicerces de um futuro melhor, estudou a Raret firmemente a possibilidade de dar uma contribuição válida para a solução desses dois problemas, e que possa perdurar para além da sua presença actual.
Com base nesse estudo, que tomou em consideração as instalações que a Companhia possui e o pessoal que faz parte dos seus quadros, puseram-se em execução os dois planos seguintes:

I – Educação
Foi naturalmente o ensino industrial que se escolheu para extensão da escolaridade primária já existente no Concelho, e, dentro do ensino industrial, os cursos de montador radiotécnico, montador electricista e serralheiro mecânico, dado o potencial docente de que a Raret podia dispor.

A – Telescola
Tirando partido da criação do Curso Unificado de Telescola, que proporciona habilitações equivalente ao Ciclo Preparatório do Ensino Técnico ou 1.º Ciclo Liceal, a Raret criou um Posto de Telescola, que recebeu o n.º 406, destinado a ministrar gratuitamente o ensino às crianças da Glória do Ribatejo, de harmonia com os programas do Instituto de Meios Áudio-Visuais de Ensino.
Este Posto, funcionou pela primeira vez no ano lectivo passado, com 25 alunos (máximo inultrapassável por sala); destes a provar o bom rendimento do ensino, 24 obtiveram aprovação.
Para estímulo dos alunos mais aplicados, assíduos e de bom comportamento, a Raret instituiu vários prémios.
No ano lectivo que entra de 1967/68, o Posto terá pela primeira vez os dois anos da Telescola em funcionamento, com 25 alunos em cada um dos anos.

B - Escola Industrial
Afim de dar continuidade e sequência e a bem dizer para se atingir os fins que se propôs, a Raret criou a “Escola Industrial da Raret”, estabelecimento de ensino industrial particular, que funcionará pela primeira vez no próximo ano lectivo de 1967/68.
Esta escola criada dentro de normas e com a aprovação dos serviços competentes do Ministério da Educação Nacional, proporcionará os cursos de formação de montador radiotécnico, montador electricista e serralheiro mecânico; as habilitações necessárias para ingresso nela são o Ciclo Preparatório de uma Escola Técnica ou o Curso Unificado da Telescola.
O ensino será ministrado gratuitamente à população escolar do Concelho de Salvaterra de Magos.
Com esta finalidade, a Raret planeou e construiu um edifício próprio com as salas de aula e serviços necessários constando de 2 pisos, com área total coberta de aproximadamente 1000 m².
Dispõe de 7 salas de aula, 1 sala de desenho, 1 laboratório de física, 1 laboratório de química, 1 sala de leitura e 1 ginásio, além das instalações de Secretaria e Directoria.
As salas são amplas e dispõem de janelas rasgadas, proporcionando adequada iluminação natural e arejamento, conforme prescrevem os regulamentos oficiais.
Para a parte oficial dos cursos, são utilizadas as instalações do Centro Emissor, a pequena distância, e o seu equipamento.
O Corpo Docente é, na sua quase totalidade formado por funcionários da Sociedade, que muito gostosamente acederam a colaborar nesta iniciativa, sendo de realçar o extraordinário entusiasmo que esta decisão da Administração da Raret despertou no pessoal da Companhia.
O edifício da Escola, projecto do Departamento de Manutenção e Construções da Sociedade, foi construído pelo mesmo Departamento; iniciada a sua construção em 6 de Março do corrente ano, só graças ao excepcional interesse de todos foi possível concluí-lo a tempo de a Escola ser inaugurada no ano lectivo que entra.
A criação de uma Escola constitui um projecto que tem naturalmente, dificuldades de vária ordem; a boa vontade e a dedicação de muitos permitiram que elas fossem removidas; mesmo os que nele não participaram directamente, contribuíram com o seu apoio e incentivo para confirmar a ideia de causa justa que criou ambiente propício a um redobrar de esforços.

II – Assistência Médica
Para poder prestar assistência médica aos seus servidores, e seus familiares em melhores condições do que vinha já fazendo e, ao mesmo tempo alargar noutro campo o seu programa de acção social às populações vizinhas, vai a Raret instalar um Posto Médico e Clínica, em edifício próprio, para onde transferirá os Serviços da Companhia, actualmente instalados no edifício do Centro Emissor.
O novo Posto Médico que, como se disse, poderá ser utilizado pelos residentes da Glória, passará a dispor, além da actual sala de consultas, de uma sala de partos, de uma sala de agentes físicos e de equipamento para radiografias e para electrocardiogramas. Disporá ainda de 2 quadros, para internamento temporário de doentes cujo estado não aconselhe transporte imediato para um Hospital.
O edifício, de um só piso esta em adiantada fase de construção, e espera-se que o Posto Médico e Clínico possam muito brevemente entrar em funcionamento.
A Raret adquiriu também uma ambulância que pode ser utilizada pela população de Glória e de Marinhais, bastando para isso um pedido nesse sentido feito por um médico credenciado.
A Raret, por sua iniciativa e com o sentido de que cumpre um dever, procura colaborar na promoção social das populações vizinhas; e fá-lo naturalmente, nas áreas onde exerce a sua actividade, correspondendo às necessidades mais permanentes das respectivas populações”.

A cache contém logbook e pequeno lápis. Poderá receber GCs ou TBs.

Additional Hints (Decrypt)

Sben qb erpvagb, whagb à onfr qr hz neohfgb.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

219 Logged Visits

Found it 198     Didn't find it 3     Write note 8     Publish Listing 1     Needs Maintenance 5     Owner Maintenance 2     Update Coordinates 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 26 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.