Skip to content

Aldeias de Xisto - Gondarém Traditional Cache

Hidden : 09/15/2012
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Related Web Page

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

A aldeia de Gondarém é um dos poucos exemplos vivos das antigas aldeias de xisto do concelho de Castelo de Paiva. Uma aldeia pitoresca, com duas dezenas de casas em xisto e com uma vista única sobre o Rio Douro.

 
As casas de xisto

Aldeia de Gondarém A aldeia de Gondarém é um dos poucos exemplos vivos das antigas aldeias de xisto do concelho de Castelo de Paiva. Localizada na margem sul do Rio Douro, a aldeia de Gondarém era sítio de repouso de uma comunidade muito antiga que em tempos sobreviveu do que as minas do Pejão, Germunde e Terramonte tinham para dar em troca do esforço dos homens. Os antigos com quem nos cruzamos ainda contam algumas histórias dos tempos que se viveram, da lida, da lavoura, do rio, das minas e das famílias. Uma aldeia praticamente desabitada, ora porque as pessoas foram morrendo ora porque as casas foram caindo, ora também porque quem compra e recupera as casas apenas visita a região em tempo de férias.
Um local com uma paisagem soberba, merece sem dúvida a visita dos geocachers.

Mais informação aqui -> http://www.geopaiva.com/aldeia-de-gondarem/



Percurso



Antes de descobrirem a cache podem fazer um passeio pela aldeia e trocar algumas impressões com os moradores mais antigos da região. Tenho a certeza que terão muitas histórias para vos contar. O acesso à cache é feito pelo caminho em terra que começa no final da povoação, junto à fonte da fotografia. É aconselhado deixar o carro nesse largo. Se tiverem a sorte de passar por lá no final da tarde, tenho a certeza que não se vão arrepender da fantástica vista sobre o Rio Douro e agora também sobre o recente hotel Eurostars, inicialmente conhecido por Douro 41. Para os mais curiosos, partido do ponto WP1, segundo sempre pelo caminho paralelo ao rio, chegarão ao hotel por caminhos abandonados há muitos anos.

Por se tratar de uma zona agrícola abandonada, irão deparar-se com uma série de cruzamentos, alguns deles com trabalho facilitado para a caça (tapados pela vegetação). Para garantir que não se perdem, fica o mapa com alguns pontos assinalados.


 
Um dos percursos para a cache

Mapa e indicações

Aproveitem, encham as garrafas e comecem a caça ao tesouro.

WP1 - Início do percurso

Se chegaram aqui, estão no bom caminho

WP2 - Casa de Granito

Sigam pela direita

Sigam por aqui

Se forem com tempo podem tentar regressar por caminhos alternativos ou ainda ir até junto da margem do rio Douro.


Cache

A cache encontra-se escondida dentro de um saco de plástico preto, por baixo de uma pedra de xisto. Basta seguirem as indicações e chegam lá facilmente (desde que saibam destinguir os "nomes dos nossos senhores e senhoras").

Container

Caixa de plástico transparente com tampa amarela.

Conteudo inicial:
a) Logbook;
b) Lápis;
c) Dado.

 
Os senhores e senhoras

 

Additional Hints (Decrypt)

Fboervebf qr hz ynqb, pnfgnaurvebf qbf qbvf, byvirven r ynenawrvenf à ibygn, fó svpn n snygne hzn. Qá sehgbf znf aãb qá syôe.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)