Traditional Geocache

Ruínas em Almeida

A cache by cd- Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 1/1/2013
In Guarda, Portugal
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Related Web Page

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Município de Almeida

Almeida é um dos 14 concelhos que compõem o distrito da Guarda.
Situa-se a uns 760 metros de altitude, na região centro do país.

------------------------- ------------------------- ------------------------- ------------------------- ------------------------- --------- --------------- ------------------------ ----
Ocupação da Vila de Almeida

Almeida, através de achados arqueológicos e monumentos ainda existentes, revela fortes vestígios do período pré-histórico, Romano, Árabe e Cristão.

------------------------- ------------------------- ------------------------- ------------------------- ------------------------- --------- --------------- ------------------------ ----
Castelo de Almeida

Peça fundamental que se integrava na chamada Linha do Tejo, fronteira do reino de Portugal no século XIII. Tinha como função o povoamento e defesa das terras de Ribacôa.

Origem da Vila de Almeida

Vila e sede de concelho, Almeida têm uma gloriosa história, contudo as origens da Vila não estão ainda suficientemente estudadas mas crê-se que a fixação humana tenha acontecido durante o domínio romano.

O nome da antiga “cabeça militar de toda a província da Beira”, de origem árabe, deve-se ao seu terreno planáltico, pois Almeida em Latim significa Planície. Antes deste terá tido o nome de Talmeida e de Alameda.

Com o seu perímetro abaluartado em forma de estrela, de doze pontas, Almeida era a mais importante praça-forte da fronteira entre o Tejo e o Douro, guardando as terras de Riba-Côa entre Vilar Formoso e Castelo Rodrigo. Fortaleza praticamente inexpugnável até há um século, desempenhou importante papel em várias épocas da história de Portugal, nomeadamente durante a crise de 1383-85, as guerras da Restauração e as invasões francesas.

Almeida, apesar de toda a sua afirmação desde a Idade Média, revela vestígios do período pré-histórico, visíveis, não só em Almeida mas por todo o concelho, castros como o de Castelo Mendo e Castelo Bom, edifícios do tipo dolménico e alguns objectos que têm sido encontrados nas margens do Rio Côa. Quanto à presença dos romanos foram encontrados inúmeros vestígios localizados no local conhecido como "enchido da Sarça". Este local, também chamado sítio dos pedregais e que fica a 1 km da vila para norte, foi onde se fixou primeiramente a população, vindo a mudar-se, alguns séculos mais tarde para junto do castelo.
De igual importância foi a ocupação árabe que com o seu carácter produtor tornaram estas terras áridas um centro produtivo de agro-pecuária.
Depois da ocupação árabe deu-se a reconquista cristã deste território no século XI e passou a ser uma zona castelhana.

Há discordância quanto às datas das mudanças de mão que sofreu na fase obscura da Reconquista. Sem qualquer dúvida histórica é a tomada da povoação por D. Dinis, no ano de 1296, após várias lutas. Encontrando-a muito danificada o monarca resolveu deslocar a praça para o sítio actual, fazendo novo castelo, povoando-o e dando-lhe o primeiro foral, obtendo a confirmação da posse pelo Tratado de Alcanizes no ano seguinte (1297).

Castelo de Almeida

Este localiza-se na vila, freguesia e concelho que lhe dá o nome, no distrito da Guarda, em Portugal. Integrante da chamada Linha do Tejo, fronteira do reino de Portugal ao se encerrar o século XIII, tinha como função o povoamento e defesa das terras de Ribacôa. Atualmente os remanescentes do castelo medieval integram as defesas da Praça-forte de Almeida, povoação que goza do estatuto de Aldeia Histórica.

A sua forma

É após 1640 que começam as obras de fortificação moderna de traçado abaluartado, segundo concepção de Antoine Deville.
Durante a guerra da Restauração foi considerada a verdadeira chave de segurança da província da Beira, sem que nunca o inimigo a conseguisse tomar. E a partir da batalha de 2 de Junho de 1663 passou a ser o grande baluarte português da defesa fronteiriça.
Como não há bem que dure para sempre, foi perdida durante a Guerra dos Sete Anos e só regressou à lusa pátria em 1763.

Durante as invasões francesas, Almeida foi ocupada várias vezes.
Em 26 de Agosto de 1810, as tropas francesas de Massena apoderaram-se da fortaleza, depois de um cerco, durante o qual o castelo explodiu devido à imprevidência de um soldado português que fez o paiol ir pelos ares.
No decurso da guerra civil, Almeida transitou entre absolutistas e liberais, servindo as Casamatas de prisão.
Em 1927, a praça perdeu definitivamente a actividade militar, com a partida do último esquadrão de cavalaria.

Hoje em dia Almeida e as suas muralhas são classificadas como monumento nacional e as três portas em forma de túnel e abobadadas de acesso à praça encontram-se abertas, sendo a de S. Francisco uma obra-prima de bom gosto.
Admirável é também o antigo quartel de artilharia e cadeia, edifício setecentista em estilo joanino, onde está instalada a Câmara Municipal, a Igreja da Misericórdia, sendo este um edifício seiscentista, com um belo portal clássico e a igreja matriz, com três naves e diversos altares.
Verdadeiramente notável é todo o seu conjunto.

Additional Hints (Decrypt)

Rager bf frhf...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

391 Logged Visits

Found it 379     Didn't find it 10     Write note 1     Publish Listing 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 96 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated: on 5/22/2017 10:40:09 AM Pacific Daylight Time (5:40 PM GMT)
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum