Skip to Content

Traditional Geocache

CIPS#86-CDR

A cache by Quintas&Ricardo Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 12/31/2012
In Viseu, Portugal
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


CAMINHO PORTUGUÊS INTERIOR DE SANTIAGO


Desde o século IX, com a descoberta do túmulo do Apóstolo Tiago, muitos são os Peregrinos que se sentem impelidos a percorrer os Caminhos de Santiago, espalhados por toda a Europa, com especial incidência na Península Ibérica.

Ainda que a tradição da Peregrinação remonte ao século IX, o Caminho de Santiago atingiu o máximo esplendor nos séculos XI e XII, tendo sofrido um período de estagnação na Idade Média, e após a Contra Reforma; no início do século XVII, por Portugal, retomou o período de esplendor. Desde o século XIX, o Caminho de Santiago tem recuperado grande protagonismo, tendo sido classificado como Primeiro Itinerário Cultural Europeu, em 1987, e Património da Humanidade, em 1993 (Espanha) e em 1998 (França), além de outras atribuições significativas. Na última década, o Caminho de Santiago ganhou um grande impulso, fruto do trabalho das autoridades espanholas e também de particulares que promovem o Caminho e tudo aquilo que pode ser oferecido ao Peregrino, como por exemplo os albergues, áreas de restauração, património cultural e natural, entre outras valências.

Em Portugal, a rede de Caminhos de Santiago é relativamente vasta, destacando-se duas principais vias: a do litoral e a do Interior. No primeiro caso, o Caminho encontra-se devidamente sinalizado, desde 2006, de Lisboa a Santiago de Compostela, que entra em Espanha por Tui; no segundo caso, o Caminho só agora se encontra sinalizado e divulgado. Segundo alguns estudos e publicações, o Caminho Português Interior de Santiago liga Viseu a Chaves, atravessando o território dos Municípios de Viseu, Castro Daire, Lamego, Peso da Régua, Santa Marta de Penaguião, Vila Real, Vila Pouca de Aguiar e Chaves, sendo que neste último Município o trilho cruza a fronteira, ligando à Via da Prata (percurso que se inicia em Sevilha), em direção a Santiago de Compostela.

Pelo Caminho Português Interior, o Peregrino percorre cerca de 385km entre Viseu e Santiago de Compostela, dos quais 205km em solo português, designadamente pelos Municípios de Viseu (35,5km), Castro Daire (36,6km), Lamego (28,8km), Peso da Régua (3,7km), Santa Marta de Penaguião (15,3km), Vila Real (22,9km), Vila Pouca de Aguiar (24,8km) e Chaves (38,2km). Para apoio do Peregrino, que segue orientado pelas setas amarelas, estão já assinalados 10 albergues, dos quais seis são definitivos. A lotação dos mesmos vai de 10 a 60 pessoas e dispõem de quartos, casa de banho, chuveiros, lavandaria e outras valias.

A perfazer o caminho lusitano, e tendo por base o site “Caminho Português Interior de Santiago”, resultante da parceria das diversas Câmaras Municipais por onde passa o caminho, sugerem-se ONZE jornadas ao longo de caminhos tradicionais:

1ª Jornada - FARMINHÃO - FONTELO - 17.00 Km

2ª Jornada - FONTELO - ALMARGEM - 16.70 Km

3ª Jornada - ALMARGEM – RIBOLHOS - 23.6 Km

4ª Jornada - RIBOLHOS – BIGORNE - 19.7 Km

5ª Jornada - BIGORNE – PENUDE - 12,5 Km

6ª Jornada - PENUDE – BERTELO - 28.6 Km

7ª Jornada - BERTELO – VILA REAL - 11 Km

8ª Jornada - VILA REAL – PARADA DE AGUIAR - 26.8 Km

9ª Jornada - PARADA DE AGUIAR – VIDAGO - 22.6 Km

10ª Jornada - VIDAGO – CHAVES - 19.7 Km

11ª Jornada - CHAVES – VERÍN (Espanha) - 26.1 Km

Ampliar a rede internacional de Caminhos de Santiago e aumentar os visitantes no Interior são alguns dos objetivos deste projeto intermunicipal de marcação e dinamização do Caminho Português Interior de Santiago. O percurso delineado aproxima-se do traçado original, em que não foi descurada a segurança e o conforto dos Peregrinos, associados a uma ruralidade pró-ativa em valorizar o contacto com as gentes e com o património envolvente, tais como igrejas, alminhas, pontes e vias ancestrais, entre outros elementos identitários.
O traçado tem ainda utilização, no sentido inverso, como Caminho de Peregrinação a Fátima (setas azuis).

Estando já todo o Caminho Português Interior de Santiago sinalizado e funcional compete a cada um de nós salvaguardar a sinalização e estruturas de apoio, por forma a garantir que os Peregrinos e Caminhantes possam usufruir de agradáveis trilhos, no nosso território e no espanhol, sem se perderem e que o possam usufruir em segurança e com comodidade.


Additional Hints (Decrypt)

Anf crqenf nb ynqb qb gnyrsr

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

53 Logged Visits

Found it 51     Write note 1     Publish Listing 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 9 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated: on 7/10/2017 3:30:56 AM Pacific Daylight Time (10:30 AM GMT)
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page