Skip to Content

<

# 02 PT DAS FLORES - MALMEQUER

A cache by Os Melados Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 10/19/2014
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size: regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


A margarida, flor cujo nome científico é Chrysanthemum leucanthemum, é uma flor que também é conhecida como malmequer, crisântemo, bem-me-quer, bonina, margarita, margarita-maior, malmequer-maior, malmequer-bravo, e olho-de-boi.
O nome desta flor vem do latim margarita, que significa “pérola”. Já em inglês, esta flor tem o nome de "Daisy", uma aparente alteração da expressão "day's eye" que significa "olho do dia", o que parece ser uma alusão ao fato desta flor se fechar durante a noite e abrir outra vez quando o sol nasce. Apesar de ser uma flor tão frágil, ela se adapta a várias tipos de solo e segundo consta, existe há mais de mil anos.
As pétalas das margaridas são alargadas e delgadas, rodeando botão central que é dourado ou amarelo. As suas folhas são ovais e seus caules compridos e delgados, podendo chegar a um metro de altura. Existem várias classes de margaridas e este nome não é dado para uma só flor, porque há uma grande variedade de "Chrysanthemum". Muitas flores que são parecidas receberam o mesmo nome, mas as mais populares entre elas são as margaridas brancas e as margaridas amarelas.


Antigamente, a margarida era considerada a flor das donzelas, e ainda hoje simboliza a juventude, virgindade, o amor inocente e a sensibilidade. Esta delicada flor também representa a pureza, a paz, a bondade e afeto. É uma flor que combina muito bem com outras, e por isso é comum vê-la juntamente com outras em arranjos florais, transmitindo uma sensação de jovialidade.
A margarida faz parte da infância de muitas pessoas, já que a brincadeira "bem-me-quer, mal-me-quer" é feita com esta flor.
Em tempos antigos, acreditava-se que remédios à base da margarida poderiam curar doenças nos olhos. Na Inglaterra, era usada como remédio, mas só era realmente eficiente se algumas palavras mágicas fossem ditas, ou se fosse adicionada água benta ao remédio. Os Assírios acreditavam que uma loção feita com margaridas esmagadas tinha o poder de devolver a cor aos cabelos brancos. Por volta do século XIII, a margarida era utilizada para limpar ferimentos, e para tratar a febre e gota.
É uma flor que muitas vezes é recriada em trabalhos manuais, como é o caso da margarida em crochê.

Informação do trilho do Agrião


O trilho começa na Estrada Regional entre as Furnas e a Povoação, perto da Lomba do Cavaleiro, termina na Ribeira Quente e tem a duração total de cerca de 1h30m. Inicia-se descendo por um caminho, primeiro em terra batida entre pastos e depois em pé posto, que desce sempre até chegar a uma ribeira. Deve atravessar a ribeira e continuar, subindo por uma mata de incenso (Pittosporum undulatum), acácia (Acacia sp.) e vinháticas (Persea indica). A seguir chegará a uma bifurcação, já num caminho mais largo de terra batida. Nesse local, deve virar à esquerda, seguindo a sinalética, até encontrar, um pouco mais tarde, novo atalho à esquerda, que o/a levará a uma ponte de madeira. Depois de passar esta ponte, deve virar novamente à esquerda e continuar por um caminho de terra batida ao longo de uma ribeira, até chegar, à Ribeira Quente, onde o trilho termina.

Additional Hints (Decrypt)

Crqen

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

127 Logged Visits

Found it 126     Publish Listing 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 7 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.