Skip to content

<

Fidelidade "1958"

A cache by caXadores & Lucky☆Dog Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 12/17/2014
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   large (large)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


This page was generated by Geocaching Portugal Listing Generator

Homenagem a Old Drum - 1958

Fidelidade

“ Cães não precisam de carros luxuosos, casas grandes ou de roupas chiques. Água e alimento já são o suficiente. Um cão não se importa se você é rico ou pobre, se é esperto ou não, se é inteligente ou não. Entregue o seu coração e ele dará o dele. De quantas pessoas podemos dizer o mesmo? Quantas pessoas fazem você se sentir raro, puro e especial? Quantas pessoas nos fazem sentir extraordinários? ” (John Grogan)

                           ___________________________________________________________

 

O americano George Graham Vest (1830-1904) foi Senador entre 1879 e 1903, mas ficou mais conhecido pelo discurso que fez durante um pequeno julgamento em Missouri, ainda quando era advogado, em 23 de Setembro de 1870. O processo que o fez famoso tratava da morte de Old Drum (Velho Tambor), o melhor cão de caça de um fazendeiro local. Um vizinho, desconfiado que o animal andava a matar as suas ovelhas, deu ordem para que atirassem no cão se ele voltasse a aparecer em suas terras. Quando Old Drum foi encontrado morto perto da casa dele, seu proprietário resolveu processá-lo, pedindo uma indemnização de 50 dólares; o júri concedeu 25 dólares, mas o vizinho apelou da sentença. O dono do cão conseguiu um novo julgamento e contratou dois advogados, um deles George Vest – que, com seu discurso, arrancou lágrimas dos jurados e cunhou a célebre frase “O cão é o melhor amigo do homem”.

 

Em 1958 a cidade de Warrensburg, onde tudo aconteceu, homenageou Old Drum com uma estátua de bronze.

 

 

“ O mais altruísta dos amigos que o homem pode ter neste mundo egoísta, aquele que nunca o abandona e nunca mostra ingratidão ou deslealdade, é o cão”

 

“Senhores jurados, o cão permanece com seu dono na prosperidade e na pobreza, na saúde e na doença. Ele dormirá no chão frio, onde os ventos invernais sopram e a neve se lança impetuosamente se lá seu dono estiver.

Quando somente ele estiver ao lado do seu dono, ele beijará a mão que não tem alimento a oferecer, ele lamberá as feridas e as dores que resultam dos encontros com a violência do mundo. Ele guarda o sono do seu pobre dono como se fosse um príncipe. Quando todos os amigos o abandonarem, o cão permanecerá.

 

Quando a riqueza desaparece e a reputação se despedaça, ele é constante em seu amor como constante é o sol em sua viagem através do firmamento. Se a fortuna arrasta o dono para o exílio o desamparo e o desabrigo, o cão fiel perde o privilégio maior de acompanhá-lo, para protegê-lo contra o perigo e para lutar contra os seus inimigos. E quando a última cena se apresenta, a morte o leva em seus braços e seu corpo é deixado na lage fria, não importa que todos amigos sigam o seu caminho: Lá, ao lado de sua sepultura, se encontrará seu nobre cão, a cabeça entre as patas, os olhos tristes mas em atenta observação, fé e confiança, mesmo à morte”.

 

 

Este tributo foi apresentado a um júri pelo ex-Senador George Graham Vest (então advogado), que representou o proprietário de um cão morto a tiros, propositadamente, pelo vizinho. O facto ocorreu há um século na cidade de Warrensburg, Missouri, USA. O Senador ganhou a causa e ainda hoje existe uma estátua do cão na cidade e seu discurso está escrito na entrada do tribunal de justiça.  


Additional Hints (Decrypt)

Cnen ybtne, an punir iãb gre qr npregne:
Fvzhygnarnzragr ,
b Nab qn Qngn qn Ubzrantrz n "BYQ QEHZ"
Cbe Snibe, aãb pbybdhrz dhnydhre gvcb qr bowrpgb ab vagrevbe qb pbagnvare.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.