Skip to content

<

Shelob

A cache by AM Team Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 04/06/2015
Difficulty:
5 out of 5
Terrain:
3.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:




Shelob


'Mas ela ainda lá estava, aquela que já lá estava antes de Sauron, e antes da primeira pedra de Barad-Dûr; e ela servia a ninguém a não ser a ela mesma, bebendo o sangue de Elfos e Homens, inchada e gorda dos seus intermináveis festins, tecendo teias de sombras; porque todas as coisas vivas eram o seu alimento, e o seu vómito a escuridão.'
- As Duas Torres



Shelob era uma Grande Aranha. Ela foi a maior das filhas de Ungoliant. Durante a Terceira Era ela viveu em Mordor e era conhecida por se alimentar indiscriminadamente, caçando orcs, homens, elfos e anões. Surgiu no caminho de Frodo Baggins e Samwise Gamgee durante a sua odisseia para destruir O Anel.

As origens de Shelob são completamente desconhecidas, excepto que se assume que nasceu em Ered Gorgoroth durante o início da Primeira Era. Durante a Segunda Era ela muitas vezes alimentava-se com as suas próprias crias. Depois da sua fuga de Beleriand, mas muito antes de Sauron ter tomado a terra de Mordor e antes mesmo da primeira pedra de Barad-dûr ter sido colocada, ela teceu um negro covil em Ephel Duath (Mountains of Shadow), perto de Cirith Ungol, nos desfiladeiros acima de Minas Morgul.

Durante centenas de anos, ela viveu nestas regiões montanhosas, construindo um labirinto de teias dentro de uma rede de tuneis para melhor capturar as suas presas - todas as criaturas, fossem elas pequenas ou grandes. Ela alimentava-se principalmente com aqueles que caiam nas suas teias, mas, se alguma presa particularmente gorda e sumarenta se aproximava, ela perseguia-a e matava-a.

No inicio, tinha Shelob ainda nem um ano, a sua natureza rapidamente a destacou de entre as suas muitas irmãs e irmãos. Quem sabe, já motivada pelos seus instintos predatórios insaciáveis, rapidamente começou a afastar-se e a explorar o que na altura era o seu mundo inteiro, Ered Gorgoroth. Sozinha no vazio imenso da gigantesca caverna, com os seus vários pares de olhos capazes de penetrar a escuridão mais negra, de vislumbrar os pormenores mais ínfimos, por fim Shelob encontrou algo de diferente. No extremo nordeste, no recanto mais afastado e sombrio, ela finalmente encontrou-o!

Madden Pelix Path, o Caminho dos Malditos. Ela encontrou escavados na parede de rocha, uns minúsculos degraus, tão estreitos que até as finas patas de uma aranha tinham de se esforçar para encontrar apoio. Fila após fila, vinte e um lanços de vinte e um degraus, sobrepostos como um baralho de cartas, ziguezagueavam vertiginosamente pela parede acima até onde a vista alcançava.
E Shoelob sentiu pela primeira vez na sua curta vida um doce odor, uma quente e ténue fragância que descia pelo Madden Pelix transportada por uma ligeira brisa.
Não hesitou. O seu destino chamava-a. Conquistou o Caminho com uma ânsia no seu âmago que a surpreendia. No fim da infindável escadaria, o Madden Pelix vencido, transpôs a boca da caverna e surgiu sob as estrelas de uma noite de verão.
Os seus olhos que até então só conheciam a escuridão ficaram cegos com a luz. Ofuscada, oprimida por aquele brilho nojento, nauseabundo, recuou.. hesitou...

Mas aquele perfume, aquela doce sugestão de excessos, de luxúria, pairava lá fora, cheia de promessas. E ela era paciente, ela tinha tempo, ela aguardou....

E tu? Atreves-te?

A cache.
Pequeno contentor. Não tem material de escrita.




This page was generated by Geocaching Portugal Listing Generator

Additional Hints (Decrypt)

Ab trbpurpx...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.