Skip to content

This cache has been archived.

D. Afonso I: devido aos incêndios que ocorreram nesta zona, deixou de ter sentido a respectiva cache.

More
<

Moinho da Roda

A cache by D. Afonso I Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 11/18/2015
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


MOINHO DA RODA

O termo “moinho” deriva do latim molinum, de molo, que significa moer, triturar cereais ou dar à mó. O moinho de água apareceu no século II d. C. com os gregos e os romanos. A introdução do moinho de água na Península Ibérica, enquanto inovação tecnológica, deve-se à ocupação romana. Na década de 60, do século XX, existiriam, em Portugal, cerca de 10 000 moinhos em laboração, sendo que, 7000 seriam moinhos de água e 3000 moinhos de vento.  

No atual território português são diversas as alusões à presença de moinhos na documentação medieval. O moinho era um importante pilar da economia de subsistência.

Junto á Ribeira do Piódão, encontra se o “moinho da roda” (Foto). Seu rodízio exterior era inicialmente em madeira, tendo sido mais tarde substituído pelo actual em ferro, dai o seu nome. 

Durante vários anos fez a moagem de milho e outros produtos, não só das gentes de Vide, mas de outras aldeias á volta. 

Actualmente encontra se parado, devido á falta de grão.

Associada ao moinho, está a actividade de moleiro, que podia ser o proprietário ou então um trabalhador assalariado que trabalhava para o proprietário do moinho. A actividade económica do moleiro era complementada por outras tarefas, pois este conciliava o trabalho no moinho com o cultivo de pequenas parcelas agrícolas junto ao terreno do moinho. 

Quando os moinhos se localizavam nas margens de grandes cursos de água dedicava-se também à pesca como meio de subsistência. A actividade laboral, num moinho de água, possuía alguns períodos “mortos”, pois, a falta de água, durante o período estival, ou o seu excesso durante o inverno (cheias) podiam levar o moinho a cessar a actividade temporariamente, o que levava muitos moleiros a procurar outro tipo de trabalhos tais como agricultura ou pesca entre outros serviços que estivessem ao dispor das suas capacidades.

A Cache: Para se encontrar a cache terão de fazer um pequeno percurso para poder aceder a ela, encontra-se marcada no waypoint o inicio do caminho e a foto mostra o caminho que devem seguir.

Additional Hints (No hints available.)