Skip to Content

<

#30 Arco da Memória

A cache by flipXplorer Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 01/28/2017
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Translation
N 39° 29.550 W 008° 52.578

 

O Arco da Memória está localizado no topo da Serra dos Candeeiros, na União de Freguesias de Arrimal e Mendiga e foi mandado construir pelos Monges de Cister para delimitar os Coutos doados por D. Afonso Henriques. Este possui afinidades com o Arco da Memória do Casal do Rei, perto de Alvorninha, Concelho de Caldas da Rainha, que também delimitava os mesmos Coutos.

Este pequeno monumento foi várias vezes a concurso para ser classificado como imóvel de interesse público municipal, mas o resultado poderá estar para breve.

Trata se de um arco monumental dobrado e reentrante, com tratamento idêntico nas duas faces, sobre imposta simples, assenta o arco de volta perfeita, terminando em friso sem decoração.

Nas ilhargas uma inscrição em latim e outra em português, documentam o motivo da construção e o restauro deste arco triunfal.

A inscrição em Latim composta por Fr. Bernardo de Brito no principio do séc. XVII a pedido do Abade do Mosteiro de Alcobaça e geral da congregação, Rmo. Fr. Francisco de S. Clara, para se saber a causa do monumento e se não perder a lembrança do que ali acontecera.

1 - ''HIC, SCALABIM EXPVGNATVRVS, ALFÕSUS PRIMUS PORT./ REX, VOTV XPO VOVIT DATVRV SE ORDINI CISTERCIENS / CVNCTA QUAE OCVLIS CERNERE POSSET. DECVRREN- / TIBVS AQVIS IN MARE SI MERITIS D. P. BERNARDI FRETVS / VRBEM CEPISSET. QVOD DV PATER SANCTUS. SVIS / SVORVQ. ORATIONIBUS OBTINET. REX PROMISSA ADIM- / PLET. SVRGIT ALCOBATIAE REGALE COENOBIVM CVIVS / PRINCIPATVS HIC INITIV. IN ORIS MARITIMIS TERMINV / HABET. GESTA. S. HAEC OMNIA. ANNO DNI. MCXXXXVII. / XIII. IDVS MAI.''

''Indo o rei D. Afonso o primeiro de Portugal para ganhar Santarém, fez neste próprio lugar um voto a Cristo de dar tudo quanto via com os olhos até ao mar à Ordem de Cister, se ajudado com os merecimentos de N. P. S. Bernardo ganhasse a vila. E alcançando-lhe o Santo o que pedia cumpriu o voto o rei de onde resultou a fundação do real mosteiro de Alcobaça; o senhorio do qual, começa deste lugar e se acaba na praia do mar. Aconteceram estas coisas todas, no ano do Senhor de mil cento e quarenta e sete a treze de Maio em uma quinta-feira.''

2 - ''REEDIFICADO POR MANDADO / DO MVITO ALTO E PODEROZO / REI O SENHOR D. MIGVEL PRIMEIRO NO ANNO DE 1830. TERCEIRO DO SEU FELIS REINADO.''

Segundo reza a lenda, aquando da passagem de D. Afonso Henriques para Santarém, ao pretenderem acampar, o monarca mandou escolher o melhor sítio para pernoitar, onde é hoje a localidade do Arrimal, ordenando às suas tropas para ''arrimar'' que significa (acampar/pousar), armas e animais, daí a origem ao nome Arrimal. 

Durante a sua estadia em Arrimal, crê se que o rei subiu ao alto da serra, ao Sítio da Memória, também conhecido por Cabeço do Rei, em 1147 e prometeu doar aos frades da Ordem de Cister toda a terra que dali se descobrisse até ao Oceano Atlântico, caso ganhasse a cidade de Santarém aos Mouros.

Actualmente o Arco serve de limite administrativo dos Concelhos de Porto de Mós com Alcobaça e das freguesias de Arrimal/Mendiga, Évora de Alcobaça e Aljubarrota.

Esta cache faz parte de um PT de trinta caches espalhadas pela área oeste da União de Freguesias de Arrimal e Mendiga, mais precisamente no Percurso Pedestre assinalado e designado como Rota da Memória.

Por opção, o PT segue no sentido oposto ao que indica o percurso pedestre, ou seja começa pelo fim, tem na sua totalidade 9.5Km e apresenta se como um percurso circular.

Sejam especialmente cuidadosos no terreno em dias de chuva, pois as pedras da serra tornam se muito escorregadias.

Desfrutem deste bonito passeio pela Serra dos Candeeiros e aproveitem a maravilhosa vista que se estende até ao Oceano Atlântico, às Ilhas Berlengas, à Serra de Montejunto, à Serra da Boa Viagem e por grande parte da Região Oeste. Além do emblemático Arco da Memória é um percurso que passa por antigos moinhos de vento, pelo um parque eólico, um vértice geodésico, por igrejas e por uma densa floresta de carvalhos.

Podem estacionar os vossos veículos no espaçoso parque de estacionamento da Igreja de Santo António (N 39º 29.480 W 008º  52.651), ou junto à Lagoa Pequena, logo ali perto onde começa e termina o percurso pedestre (N  39º 29.501 W 008º 52.603).



This page was generated by Geocaching Portugal Listing Generator

 

 

 

Additional Hints (Decrypt)

Crarqbf !

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

158 Logged Visits

Found it 145     Didn't find it 4     Write note 6     Temporarily Disable Listing 1     Enable Listing 1     Publish Listing 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 98 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.