Skip to content

<

Duna consolidada do Magoito

A cache by team_emds Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 02/20/2018
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


A Praia do Magoito está inserida no Parque Natural de Sintra-Cascais. Esta praia é muito apreciada, devido ao seu cenário natural de rochas e areia fina, sendo considerada uma das mais impressionantes praias de Portugal.

É uma praia grande, ostentando areias douradas (areia é um material granular de ocorrência natural composto de rocha finamente dividida e partículas minerais) e águas azul-turquesa, que são muito ricas em iodo (iodo é um elemento químico com símbolo I e número atómico 53). É considerada a praia mais rica em iodo de Portugal. Da areia, pontilhada com inúmeras rochas, pode olhar-se diretamente para o sul e ver o Cabo da Roca à distância. O Cabo Roca era conhecido pelos romanos como Promontorium Magnumis. É o ponto mais ocidental do continente europeu.

Na Praia do Magoito existe uma duna fóssil, que é considerada monumento geológico. Um geomonumento é uma ocorrência geológica natural de valor excepcional ou único, não renovável e, por causa de sua raridade inerente, representa um tesouro que deve ser bem preservado e respeitado. A duna consolidada de Magoito é um dos elementos geológicos mais interessantes da região.

Na geografia física, uma duna é um monte de areia formado por processos eólicos. As dunas podem ter diferentes formas e tamanhos, de acordo com a acção do vento.

São necessárias três coisas para a formação de dunas: uma grande quantidade de areia, vento capaz de movê-la e um local ideal para sua acumulação.

A Duna Fóssil do Magoito é uma duna costeira formada pela acumulação de areia gerada pela ação conjugada do mar e do vento.

Na duna consolidada do Magoito podem observar-se laminações oblíquas, que permitem determinar qual a direção em que sopravam os ventos aquando da formação da duna.

Esta Duna corresponde a um estado de duna fóssil de evolução de areia solta para a rocha de arenito, um processo que leva milhões de anos. A duna consolidada de Magoito foi formada ao longo de um período de aproximadamente 10 mil anos, pois a areia solta tornou-se em arenito endurecido - O arenito é composto de grãos minerais (comumente quartzo) ligados por sílica, óxido de ferro ou carbonato de cálcio.

Contribuindo para as cores da zona de maré encontramos espécies de algas verdes, incluindo alface e algas vermelhas. Existem quatro zonas de maré distintas, definidas com base na exposição durante os períodos de maré, na ação das ondas e nas características da linha de costa. A presença ou ausência de água, a temperatura, a ação das ondas, a variação na salinidade (salinidade), a exposição à luz e outros factores determinam as espécies capazes de viver felizes em cada zona.

As arribas que se desenvolvem para sul do Magoito mostram uma sucessão de camadas quase horizontais de calcários argilosos cinzentos e margas, rochas sedimentares formadas há muitos milhões de anos, quando o nível do mar se encontrava muito acima do atual. Marga é rocha sedimentar, calcária e argilosa, em  que a argila e o calcário entram em proporções quase iguais. Lodo é um tipo de solo ou material da terra. A argila é um material natural formado principalmente de sílica, alumina e água. Fácil de modelar, a argila pode ser moldada em muitos produtos úteis.

O calcário é uma rocha sedimentar, composta principalmente por fragmentos de esqueletos de organismos marinhos, como corais, moluscos, entre outros. Os seus principais componentes são a calcite e a aragonite, que são diferentes formas cristalinas do carbonato de cálcio (CaCO3).

A Praia do Magoito é um deslumbre para os apaixonados por paisagens selvagens, praias e geologia. Um lugar a não perder!

 

Depois de ler as informações acima, responda às perguntas que se seguem e envie-as uma mensagem ou por email para:

geocachingportugalerasmus@gmail.com

 

Para registar esta cache tem que visitar a área e observar a duna com cuidado.

 

1. Um monumento geológico:

A) é resultado da ação humana;

B) é renovável, por isso pode ser destruído e será substituído pela natureza

C) é um evento geológico natural de valor excepcional ou único, não renovável, que deve ser bem preservado e respeitado.

 

2. Uma duna é:

A) uma pilha de areia

B) um monte de areia

C) um monte de pedras

 

3. A formação da Duna implica:

A) Uma grande quantidade de areia, água e vento forte;

B) Uma grande quantidade de areia, vento forte e um local ideal para a acumulação de areia;

C) Ambas as respostas estão corretas.

 

4. As falésias da Praia do Magoito mostram que:

A) o sol está quente;

B) muitas pedras desceram a colina;

C) o nível atual do mar é mais baixo do que antigamente.

 

5. A acumulação de areia na duna Fossa do Magoito deve-se a dois elementos:

A) areia e fumo;

B) atividade eólica e humana;

C) vento e mar.

 

6. Observe as laminações oblíquas na Duna e indique a direção do vento no processo de formação da Duna:

A) norte;

B) sul;

C) este.

 

Uma vez validadas as suas respostas, pode fazer o seu "found" online!

Queremos agradecer o apoio do Parque Natural Sintra-Cascais e ao Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas.   

                                   

Divirta-se!

Se gostou, tire uma foto com algo que o identifique como um geocacher no local e partilhe connosco no seu log.

 

Esta Earth Cache foi desenvolvida pelos alunos da Escola Básica e Secundária Mestre Domingos Saraiva do Agrupamento de Escolas do Algueirão.

Esta cache integra-se no projeto pedagógico europeu Erasmus+ «Geocaching in and dout of the classroom -  Minds on the Move». Estão envolvidos neste projeto alunos e professores de 7 países europeus (Espanha, França, Grécia, Itália, Lituânia, Polónia e Portugal).

 

Additional Hints (No hints available.)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.