Skip to Content

This cache has been archived.

SUp3rFM: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada. Relembro a secção das guidelines sobre a manutenção http://www.geocaching.com/about/guidelines.aspx#maint :

[quote]As the cache owner, you are also responsible for physically checking your cache periodically, and especially when someone reports a problem with the cache (missing, damaged, wet, etc.). You may temporarily disable your cache to let others know not to hunt for it until you have a chance to fix the problem. This feature is to allow you a reasonable time - [b]normally a few weeks[/b] - in which to arrange a visit to your cache. In the event that a cache is not being properly maintained, or [b]has been temporarily disabled for an extended period of time, we may archive the listing[/b].

It may be difficult to fulfill your maintenance obligations if you place a cache while traveling on vacation or otherwise outside of your normal caching area. These caches may not be published unless you are able to demonstrate an acceptable maintenance plan. It is not uncommon for caches to go missing, areas to be cleared, trails to be blocked or closed, objects used for multi-cache or puzzles to be moved or removed, etc. [b]Your maintenance plan must allow for a quick response to reported problems.[/b][/quote]

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor, contacte-me.

Lembro que o "desarquivamento" de uma cache, e a sua eventual consequente reactivação, passa pelo mesmo processo de análise como se fosse uma nova cache, com todas as implicações que as guidelines indicam.

Se no local existe algum container, por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Abraço e obrigado,

SUp3rFM
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer para Portugal.

More
<

Bairro da Lapa (Rota das Embaixadas e Palacetes)

A cache by MakoShark2 Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 9/23/2007
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: not chosen (not chosen)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Lapa, Lisboa, Lisboa.

 

Bairo da Lapa (Rota das Embaixadas e Palacetes)

Introdução

O nome de Lapa teve a sua origem, segundo documentação consultada, numa rocha denominada Lapa da Moura, que se encontrava junto à Pampulha, fora dos limites actuais da freguesia. Esta designação foi-se estendendo para Norte e Nascente e que oralmente foi perdendo o acessório "da Moura". O plano de divisão das freguesias firmou-lhe o território que foi destacado da freguesia de Santos-o-Velho e parte da extinta freguesia do Senhor Jesus da Boa Morte. O desenvolvimento da Lapa deu-se após o terremoto de 1755, pelo aforamento dos terrenos adjacentes ao Convento das Trinas, iniciando-se por quitação de um terreno a Nicolau Possolo e que originou, para além do aforo, a demolição de um Moinho de Vento, criando ruas e travessas que actualmente se denominam, Moinho de Vento e Possolo, sofrendo a malha urbanística e as edificações de orientação pombalina.

No princípio do século XVIII, ainda antes da Lapa fazer parte dos limites administrativos da cidade, três vias importantes atravessavam o local, onde, em seu redor, se foram implantando o Convento S. Bento da Saúde (actual Palácio de São Bento, sede da Assembleia da República), o Convento de Nossa Senhora da Estrela (onde a partir de 1837 se encontra instalado o Hospital Militar) e outros edifícios.

Informação recolhida em www.jl-lapa.pt

Freguesias da Lapa, Prazeres e Santos-O-Velho

Esta multi-cache propõe dar a conhecer esta aristocrática, popular e diplomática zona da cidadde através de um agradável passeio na área das três freguesias que limitam o bairro.

A cache é composta por seis pontos inermédios com as tradicionais contagens afim de apurar o ponto final.

Dada a grande concentração de embaixadas, consulados e residências de embaixadores foram escolhidas para os pontos intermédios cinco edifícios consulares de nações distintas. A selecção destes pontos deve-se exclusivamente à localização dos mesmo num percurso definido que julgamos (se o seguirem) demonstra algums dos pontos mais agradáveis do bairro.
Verdadeiramente e seguindo o percurso proposto não será necessário recorrer ao GPS excepto para o ponto final. Mesmo assim será possível percorrer os pontos por qualquer ordem, uma vez que são dadas as coordenadas absolutas dos mesmos.

 

Ponto Inicial. (Largo Dr. José de Figueiredo) - Chafariz das Janelas Verdes

Datado do Século 18, este chafariz público nasce pelas mãos do arquitecto Reinaldo Manuel dos Santos.

Rematado por uma figura graciosa feminina (posivelmente Anfitrite ou Vénus) é hoje em dia um dos poucos chafarizes de Lisboa de estátua cimeira, restando apenas mais dois, o chafariz da Armada e o do Lumiar. A pedra de Liós que compõe a estátua foi trazida em 1783 de Pero Pinheiro, dando lhe forma o escultor António Machado.

No largo onde o chafariz se encontra, quantos bancos de pedra consegue contar? Este número corresponderá à letra A.

Teatro Casa da Comédia (Rua São Francisco de Borja, nº24).

De autor desconhecido e arquitectura civil oitecentista, o edifício terá sido contruído no Século 19 ou 20, sabendo-se que funcionou aí - em 1928 - uma carvoaria e armazém de venda de vinhos. Foi apenas na segunda metade da década de 50 que o imóvel foi arrendado ao Clube de Teatro da Casa da Comédia, sendo em 1963 pela mão de Almada Negreiros transformado em sede oficial da Casa da Comédia. Ganhou o estatuto de Zona Especial de Protecção em 1980, por despacho da Secretaria de Estado da Cultura.

Ponto 2. (Palacete da Condessa de Tabueira, Rua da Arriaga, nº9) - N38º 42.348 W009º 9.802

Deverá ser sem dúvida uma das embaixadas mais bem guardadas na zona - recomenda-se discrição.

Construído no Século 19, foi morada da primeira Condessa de Tabueira até sua morte em 1945. Após ter passado de mão em mão, foi adquirido em 1981 para embaixada, sendo hoje território consular.

Aqui deverão contar o nº de esferas que ornamentam o topo dos pilares das portadas da embaixada. Este valor corresponderá à letra B.

St. Andrew’s Church of Scotland (Rua da Arriaga, nº13).

Trata-se da única representação da Church of Scotland em Portugal. Esta congração estabeleceu-se em 1866 tendo sido edificada esta bonita igreja em 1899.

Todos os serviços religiosos são em inglês, mas o edificio também serve a congregação Metodista Portuguesa, estando aberto a todos.

Ponto 3. (Rua São Caetano, nº5) - N38º 42.566 W009º 9.813

Está perante a representação consular de um dos nobres (Conde) mais temidos no mundo inteiro.

Olhando para o portão principal do edifício, qual o número de pontas de seta (picos) que no topo deste figura? Este número corresponderá à letra C.

Palacete dos Viscondes de Sacavém (Rua do Sacramento à Lapa, nº22-28).

Seu proprietário, o 2º Visconde de Sacavém - de nome José Joaquim Pinto da Silva e apelido adoptado do título conferido - dedicou parte da sua vida ao trabalho de ceramista, sendo que os seus trabalhos de cerâmica decorativa se inscrevem perfeitamente na linha de Bordalo Pinheiro (do qual era amigo), representando temáticas naturalistas. Ainda que como mero amador, foi nas suas instalações fabrís das Caldas da Raínha e nas muflas que possuía no estúdio do palacete, que o Visconde se distinguiu por esmaltar, vidrar e colorir cerâmica. Exemplo disso é a fachada do palacete, forrada a cerâmica decorativa com motivos que evocam a natureza e a utilização de inúmeras representações faciais humanas.

Palacete do Conde de Agrolongo (Rua do Sacramento à Lapa, nº34-36).

Foi edificado no inicio do Século XX pela mão do arquitecto Arnaldo Redondo Adães Bermudes, da qual recebe em 1909 a menção honrosa do prémio de Valmor. Foi propriedade e residência de José Francisco Correia (primeiro e único Conde de Agrolongo), ilustre filantropo, mecenas e fotógrafo. Nascido em Guimarãoes foi industrial de sucesso no Brasil dedicando-se à produção de tabasco, sendo também reconhecido pelas suas qualidades altruístas. Apoiou e financiou a construção de escolas,  asilos e, igrejas. Faleceu em 1929 e encontra-se sepultado no Convento de Salvador em Braga. Em época posterior o palecete conhece obras que alteram, pelo menos com grande significado, a fachada principal.

Ponto 4. (Rua Sacramento à Lapa, nº31) - N38º 42.477 W009º 9.820

No número indicado situa-se a pequena mas nobre capela Ortodoxa de S. Ivan Rilsk dependente do Patriarcado de Constantinopla, e que dá apoio ao edifício consular anexo. A capela pertenceu à realeza daquele país que viveu no exílio no Estoril, desde 1963. A 26 de Fevereiro de 2000 e após a morte da rainha, a família real doou o templo à embaixada para receber os inúmeros fiéis que vivem em Portugal. Contudo, as únicas cerimónias ali realizadas são no Natal, Páscoa e em ocasiões especiais.

No pequeno painel que figura na entrada, este é composto por quantos azulejos? Este valor corresponderá à letra D.

Ponto 5. (Palacete dos Viscondes dos Olivais e Penha-Longa, Rua do Pau de Bandeira, nº2) - N38º 42.434 W009º 9.870

 

Edificado na segunda metade do século XIX pelo 1º conde e 2º visconde dos Olivais, foi pertença da família durante menos de um século, sendo convertido em 1926 na Embaixada da Alemanha. Com o fim da segunda grande guerra os Estados Unido tomam o edifício e convertem-no em embaixada oficial. Foi abandonado mais tarde e adquirido pela polémica impresa Euroamer onde aí estabeleceu a sua sede, antes de ser cedido ao governo da Républica Popular da China que o transformou num edifício consular. Está classificado pelo IPPAR como edíficio de interesse público.

A partir do exterior é possível vislumbrar na entrada do palácio algumas figuras populares denominadas por "Fu Dogs". Qual o número de figuras? Este número corresponderá à letra E.
 

Palacete da Lapa (Hotel Lapa Palace, Rua do Pau da Bandeira, nº11, 13).

A origem do edifício remonta à sua construção em 1870 naquele lugar, pela mão do primeiro Barão de Porto Covo, de uma bela casa oferecida a um dos seus filhos. Em 1883 a casa é vendida aos Condes de Valença que decidem transformá-la em palácio, ym dos artistas que participa na conversão é o próprio Rafael Bordalo Pinheiro e Columbano que criou a pedido peças de mobiliário e azulejos. Para além disso, o próprio artista pintou as paredes e tecto da sala de baile (hoje a sala Columbano). O palácio permaneceu uma casa de família até 1992, ano em que a família do Conde o vendeu à família Simões de Almeida, que a transformou em hotel - Hotel Lapa Palace.
Em 1998 foi adquirido pela cadeia Orient-Express que o ampliou e redecorou. O palácio conta com 21 quartos e uma suite - suite do Conde de Valença. Ganhou o estatuto de Zona Especial de Protecção em 1980, por despacho da Secretaria de Estado da Cultura.

Ponto 6. (Rua das Janelas Verdes, nº43) - N38º 42.348 W009º 9.605

Este bonito edifício representa oficialmente um Grão Ducado bem conhecido do nossa comunidade portuguesa.

De frente para o prédio, quantas janelas é possível contar? (todas as janelas contam, fachada e águas furtadas). Este valor corresponderá à letra F.

O "Ramalhete" de "Os Maias" (Rua das Janelas Verdes, nº47).

Uma das possíveis localizações do famoso "Ramalhete" que terá inspirado Eça no seu romance "Os Maias" poderá ter sido o palacete das Janelas Verdes (hoje "Heritage Janelas Verdes") datado do final de setecentos.
Eça de Queirós poderá ter aqui vivido e adaptado este palacete no famoso e mágico "Ramalhete", cenário de uma das suas maiores obras.

Estilo Art Nouveau (Rua das Janelas Verdes, nº70-78)

Foi edificado a mando de Miguel José Sequeira e pela mão do arquitecto Artur José Nobre. Trata-se de um prédio de quatro pisos cuja fachada se encontra toda enriquecida por séries de azulejos arte-nova, que definem formas geométricas e elementos vegetais. É um bom exemplo da execelente qualidade arquitectónica que se pode encontrar nalgumas zonas residenciais mais nobres, sendo hoje em dia um dos poucos (e melhores) edifícios de arte-nova portugueses. Está classificado pelo IPPAR como edíficio de interesse público.

Ponto Final.

Para obter o ponto final, deve-se multiplicar as letras A x B x C x D x E x F para obter o valor que corresponde à letra Z.

Obtem-se a coordenada final, somando o valor de Z aos seguintes valores:

N 3638105+Z / W 8805149+Z

Isto é, sendo por exemplo, Z = 204219, teríamos N (3638105 + 204219) =3842324 / W (8805149 + 204219) = 9009368, o ponto final estaria portanto em N 38º42,324 / W9º 009,368

A cache só está disponível entre as 9h30 e 19h30 (todos os dias).

Percurso sugerido pelo bairro:

 

Actualizações

  • 26/09/2007 - Actualização de layout e aplicação de background.
  • 2/10/2007 - Actualização do ponto 6 (pergunta mais explícita).
  • 5/10/2007 - Acréscimo de tradução automática e hint em inglês.
  • 13/10/2007 - Acréscimo do logo e alteração de background.

Additional Hints (Decrypt)

Erdhre nythzn qrfgermn cnen aãb vahgvyvmne n pnpur! - Erdhverf fbzr novyvgl va beqre gb xrrc gur pnpur
hfnoyr!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

87 Logged Visits

Found it 71     Write note 8     Archive 1     Temporarily Disable Listing 2     Enable Listing 1     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     Owner Maintenance 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 36 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.