Skip to content

Ver o cache por um canudo [Arouca] Multi-cache

This cache has been archived.

daraopedal: A situação denunciada pelo colega Geopepe confirma-se: o monóculo desapareceu. Por isso, é com muita pena que informo que a vai ser arquivada. Acho que desapareceram todos os monóculos existentes na Serra da Freita. É lamentável a falta de civismo das pessoas. Perante situações dessas não apetece fazer nada em prol do "próximo", até aposto que quem roubou isso, são as mesmas que se queixam que nunca se faz nada de jeito no nosso país... Enfim.
Fica no entanto a promessa de colocar mais uma ou duas caches na Serra da Freita para que não fique mais pobre.
Espero que todos os que fizeram esta cache tenham gostado da ideia e das paisagens.
Boas caches
Daraopedal

More
Hidden : 09/20/2007
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Related Web Page

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


"Ver o cache por um canudo" - Serra da Freita - Arouca


Pelo nome, este cache podia ser em Braga, mas não é! Situa-se na Serra da Freita em Arouca e o seu nome deve-se ao facto de terem sido recentemente colocado por toda a serra, uma série de monóculos que permitem avistar o que à olho nu não é possível ver. Desde a Serra da Freita, dependendo da direcção, é possível ver toda a costa desde a zona da Ria de Aveiro até à zona do Porto ou então a zona de Lafões e até a massa escura da Serra da Estrela.
Vista para a Ria de Aveiro

A utilização desses monóculos é gratuita. A ideia deste cache é mesmo sugerir a quem visite a Freita uma vista e olhos pelos monóculos disponíveis e apreciar a beleza da nossa paisagem.

Então porque não aproveitar os mesmos monóculos para encontrar um cache?
Devem ir ao local indicado pelas coordenadas dadas (ATENÇÃO: o cache não está nesse local) e aí encontrarão um monóculo.
Na estrutura do monóculo, existem indicações sobre a sua utilização em várias línguas. No entanto, curiosamente, falta uma língua que, quanto a mim, deveria lá estar também.
 
Se a língua que faltar for o inglês, a posição final do cache é N40º51.602 - W008º16.582
Se a língua que faltar for o português , a posição final do cache é N40º51.610 - W008º16.102
Se a língua que faltar for o francês , a posição final do cache é N40º51.297 - W008º15.571

Uma outro sugestão para encontrar o cache vendo-o realmente por um canudo é a seguinte: o monóculo está colocado numa base de cimento e, como qualquer outro monóculo, gira em torno de um eixo que permite uma rotação de 360º. No monóculo existe uma escala graduada com 838 posições em função da direcção para onde está apontado. Devem colocar o indicador na posição 566. Nessa linha de orientação, no cimo do monte, conseguirão ver um objecto construído pelo homem. Deve deslocar-se até lá e procurar nas proximidades o cache.


IMPORTANTE: Com mau tempo é possível que a zona final do cache esteja coberta pelo nevoeiro ou nuvens. Nessas condições atmosféricas o cache poderá não ser visível pelo canudo.

Barco no mar

Additional Hints (No hints available.)