Skip to content

A Cache do Natal Traditional Cache

This cache has been archived.

Blue_Trekkers: A cache desapareceu pouco depois do Natal e não temos nenhum container do género do anterior para lá colocar, sem isso é apenas mais uma cache no meio do mato como as outras que foram despejadas nas redondezas.

Como ainda faltam uns meses até voltar a haver items natalícios, a cache tem que ser arquivada. Obrigada a todos os geocachers que procuraram, e um obrigado especial aos que participaram no evento de natal do qual fez parte a cache e aos que gostaram do conceito.

More
Hidden : 12/09/2007
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:



A Cache do Natal



Pequena história do Natal

Celebrações durante o inverno já eram comuns muito antes do Natal ser celebrado no dia 25 de Dezembro.
Antes do nascimento de Jesus, a história do Natal tem início com os europeus, que já celebravam a chegada da luz e dos dias mais longos ao fim do inverno. Tratava-se de uma comemoração pagã do “Retorno do Sol”.

Na verdade, no início esta era uma festividade sem data fixa celebrada em dias diversos em cada parte do mundo. No século 4 AC, o então Papa Julius I muda para sempre a história do Natal escolhendo o dia 25 de Dezembro como data fixa para a celebração das festividades. A ideia era substituir os rituais pagãos que aconteciam no Solstício de Inverno por uma festa cristã.

No ano de 1752, quando os cristãos abandonaram o calendário Juliano para adoptar o Gregoriano, a data da celebração do Natal foi adiantada em 11 dias para compensar esta mudança no calendário. Alguns sectores da Igreja Católica, os chamados “calendaristas”, ainda festejam o Natal na sua data original, antes da mudança do calendário cristão, no dia 7 de Janeiro.


A Árvore de Natal

A árvore de natal, um dos principais símbolos natalícios é mais antiga que o próprio sentido do Natal. Aproximadamente dois milénios antes do nascimento de Cristo, os povos indo-europeus já utilizavam árvores com um fim religioso, pois acreditavam que elas eram uma expressão da energia de fertilidade da Mãe Natureza.

Algumas tribos pagãs da Alemanha consideravam os carvalhos como árvores santas, inclusive realizavam sacrifícios debaixo dessas árvores oferecidos ao deus Odin. Uma das histórias diz que São Bonifácio, tentando acabar com esse costume pagão, cortou um carvalho. O carvalho quando caiu fez cair todas as árvores em seu redor, com excepção de um pequeno pinheiro. Assim, havia acontecido um milagre, pois o pinheiro simbolizava o menino Jesus.

Quando a árvore de natal tinha um carácter pagão, as pessoas enfeitavam as árvores para que os espíritos das árvores voltassem depois da queda das folhas no inverno. Da mesma forma os cristãos passaram a ter o mesmo costume, no entanto essas decorações passaram a ter um carácter cristão, significando alegria, bondade, amor, a bênção de Cristo, etc.

A partir do século XVI, várias famílias alemãs passaram a decorar seus pinheiros, resultando num costume que passou por várias gerações. A partir do século XIX, a tradição chegou a Inglaterra, França e Estados Unidos. No século XX passou também a ser tradição em Portugal e Espanha, chegando até aos países que não possuem um clima frio, causando assim o surgimento das árvores artificiais.


O Pai Natal no mundo
  • Na Alemanha é denominado Kriss Kringle, a Criança do Cristo.
  • Pere Noel na França
  • Papa Noel em muitos países de língua espanhola
  • Santa Claus no Estados Unidos e Canadá
  • Em Inglaterra, é chamado Father Christmas, tendo ainda o casaco e barba mais longos.
  • Na Costa Rica, Colômbia e partes do México é chamado El Nino Jesus.
  • Em Porto Rico, as crianças recebem presentes no dia 6 de janeiro, dos Três Reis Magos(Melchior, Gaspar e Baltasar)
  • Na Suécia é Jultomten.
  • Na Holanda, é chamado Kerstman.
  • Na Finlândia, Joulupukki.
  • Na Rússia, é chamado Grandfather Frost or Baboushka.
  • Em Itália,Belfana ou Babbo Natal.
  • No Japão, é conhecido como Jizo.
  • Na Dinamarca, Juliman.
  • No Brasil, Papai Noel


A Cache

Esta cache foi colocada para o evento It's GeoChristmas Time!, que se realizou no dia 9 de Dezembro de 2007.
Nesse dia os participantes foram levados até ao interior da floresta onde encontraram o arbusto decorado a preceito e o sonho de qualquer criança na noite de Natal, muitas prendinhas - aka TBs e geocoins :)

Agora o arbusto já não está (tão) decorado mas para que a cache dure vários Natais tenham o máximo de descrição e que deixem tudo tal como encontraram.

Esta é uma cache no trade, obrigado

Additional Hints (Decrypt)

ragenaqb ab gevyub qb zrvb qbf neohfgbf, hz rasrvgr qb neohfgb qb Angny

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)