Skip to Content

Traditional Geocache

Portela da Anta II [Arouca]

A cache by musa Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 5/3/2008
In Aveiro, Portugal
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Objectivo: dar a conhecer uma linda Mamoa localizada na Serra da Freita, concelho de Arouca. Para lá chegar, necessita de caminhar um pouco pela antiga Via Romana que ligava o Porto a Viseu.


PORTELA DA ANTA

Vista a partir de nascente

Vista a partir de poente

Descrição

Em pleno coração da Freita, a grande mamoa da Portela da Anta, de planta sub-elíptica e com cerca de 35 metros de diâmetro e uma potente carapaça de blocos graníticos que a impõem na paisagem, envolve os restos ainda monumentais de um dólmen de corredor de planta poligonal, com cerca de oito metros de comprimento, de que se vêm cerca de duas dezenas de esteios, muitos dos quais implantados no local original, enquanto os restos de algumas coberturas permanecem ainda nas proximidades.

Trabalhos arqueológicos recentes revelaram que o grande dólmen hoje visível sucedeu a uma outra câmara funerária, de planta poligonal. Um curioso círculo lítico, de função provavelmente ritual, adossa-se à mamoa no lado oposto ao da câmara sepulcral, evidenciando ainda a grande colina funerária outros aspectos arquitectónicos notáveis, designadamente um átrio que se abria frente à entrada do corredor, delimitado por um murete e igualmente de carácter cerimonial.

Construída provavelmente em pleno período Neolítico, a grande mamoa da Portela da Anta continuaria num processo de necropolização e monumentalização durante cerca de 2000 anos, sendo a reutilização do corredor do dólmen na Idade do Bronze o momento final dessa tradição funerária, segundo confirma uma data radiocarbónica obtida para o monumento e que forneceu a cronologia de 3400 +/- 100 anos BP (o que aponta para c. de 1400 a.C.). Aliás, essa tradição funerária teria ainda continuidade mais tardia... tendo em conta que na mesma mamoa se implantou uma sepultura de incineração em época romana.

Fonte: Memórias da Terra - Uma viagem ao passado de Arouca

Trabalhos no local

Foram desenvolvidos alguns trabalhos de escavação neste local entre 1990 e 1994, no âmbito do estudo do Megalitismo a sul do Rio Douro pelo arqueólogo responsável Dr. Fernando Augusto Pereira da Silva. Entre as investigações, procedeu-se:

  • ao estudo da Mamoa
  • às decapagens sectoriais da mamoa
  • à abertura de nova sanja de escavação
  • à colocação do esteio lateral da câmara
  • ao alargamento das áreas a decapar
  • à abertura de nova sanja de escavação
  • construção do murete de protecção
  • estudo da estrutura sub-circular localizado no extremo oeste da mamoa
  • etc...
Os resultados obtidos constam de vários relatórios e resumem-se ao seguinte:
  • confirmou-se a existência de duas estruturas pétreas , uma de cada lado da mamoa, idênticas às que se conhecem para alguns monumentos da Europa Atlântica, designados comunemente de "antenas"
  • recolheu-se alguns fragmentos cerâmicos com vestígios de utilização de roda de oleiro, nas decapagens do sector 2
  • definiu-se a existência do átrio e murete respectivo, defronte da entrada do corredor do Dolmen 1 da mamoa
  • esclareceu-se definitivamente a não existência de estruturas funerárias "secundárias", como se tratando de "cistas"
  • a área exterior à mamoa é posterior a todo o conjunto
  • verificou-se a implantação de uma sepultura em época histórica
  • procedeu-se à recolha de abundantes carvões ao nível do solo antigo e um total de 73 peças distribuidas por material metálico, vítreo, cerâmico e lítico
  • a sepultura, anteriormente interpretada como tal, parecia antes tratar-se de um "fundo de cabana", ligado a práticas rituais

Fonte

Cache: Trata-se de um contentor pequeno com:

  • logbook,
  • stashnote,
  • lápis,
  • 2 berlindes,
  • chave de umbraco,
  • alfinete,
  • clip.
As coordenadas indicadas levam-no até ao local da cache, bem próximo deste valioso monumento.

Por favor, voltem a colocar a cache como estava, e bem escondida. Procurem respeitar este valioso monumento arqueológico de valor incalculavel.

Esperemos que se divirtam nesta cachada e que gostem do local. Obrigado pela visita.

Additional Hints (Decrypt)

Whagb à crqen pvephyne, pbz n znepn qbf K-zra teninqn :-Q (Ercnerz orz an znepn, cbvf zny fr iê)

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

328 Logged Visits

Found it 293     Didn't find it 8     Write note 11     Temporarily Disable Listing 1     Enable Listing 1     Publish Listing 1     Needs Maintenance 8     Owner Maintenance 3     Update Coordinates 2     

View Logbook | View the Image Gallery of 131 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated: on 7/18/2017 3:32:57 AM Pacific Daylight Time (10:32 AM GMT)
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page