Skip to Content

<

Nas curvas do Paiva - Janarde [Arouca]

A cache by Daraopedal Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 8/25/2008
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


NAS CURVAS DO PAIVA - JANARDE
Capela
Casa_Xisto Praia_fluvial
Esta cache vai levá-los a descobrir uma pequena aldeia pitoresca perdida entre as serras e o rio Paiva: a aldeia de Janarde. Janarde é também uma freguesia do concelho de Arouca, com 17,46 km² de área e 159 habitantes (2001). Densidade: 9,1 hab/km². Tem uma área cerca de 1746 hectares, dista cerca de 20 Km da sede do Município, situa-se na bacia do Rio Paiva, com território numa e noutra das suas margens. A criação desta freguesia foi confirmada em 10 de Dezembro de 1803, por acórdão do Tribunal da Santa Igreja Patriarcal, na sequência da oposição dos moradores dos lugares de Carvoeiro, Telhe, Silveiras, Póvoa, Bacelo, Meitriz e Janarde à continuação da sua inserção na freguesia de Alvarenga.
Durante a 2.ª Guerra Mundial, foram exploradas na área desta freguesia 13 minas de volfrâmio. Permanecem visíveis por toda essa área sinais de exploração do minério.

Atracções:
Não deixe de visitar a aldeia e a sua bonita capela branca com telhado de xisto. Para além da beleza das paisagens e características pitorescas das suas casas, a aldeia de Janarde tem uma pequena praia fluvial (sem qualquer infra-estrutura) bastante apreciada pelas pessoas do concelho nos dias em que o calor aperta. Existe ainda o Percurso Pedestre 5 (PR5 – Rota das tormentas) que se inicia/termina neste local.

O rio Paiva.
O Rio Paiva banha o vale estreito das zonas mais fundas da freguesia de Janarde, delimitando-a, em grande parte, da de Alvarenga. Há porém uma pequena parte da freguesia que se situa na margem direita do Rio Paiva, encravada entre o Rio e a freguesia de Alvarenga, cuja ligação com os demais lugares da freguesia de Janarde, na outra margem do Rio, até algumas décadas atrás, quando o caudal do Rio permitia se fazia por barco. Quando faltava o barco ou o Rio ia mais cheio as populações do lugar ou lugares de cada uma das margens, para chegar à outra, tinham de percorrer muitas dezenas de quilómetros. Desde há cerca de 5 anos as duas margens do Rio encontram-se ligadas por uma ponte nova, que encurtou a distância entre as respectivas povoações para algumas centenas de metros.
O Paiva já foi conhecido como o rio menos poluído da Europa, é totalmente português: nasce a sul de Moimenta da Beira e desagua no Douro, junto à Ilha dos Amores.
É um típico rio de montanha. As suas águas correm bravas, quase sempre no fundo de desfiladeiros de vertentes abruptas. Uma ou outra vez, faz uma pausa na sua correria para a foz e delicia-nos com a tranquilidade das suas águas, nas praias fluviais da Paradinha, Areinho, Janarde, Meitriz, Vau e Espiunca. As margens guardam, em alguns locais, uma vegetação esplendorosa, com espécies originárias e muitas delas raras. A sua fauna é igualmente muito rica e diversificada.
O Rio Paiva é também tido como uma das melhores pistas da Europa para a prática de canoagem e de rafting.

A cache:
A cache vai levá-los a um pequeno promontório que domina a aldeia de Janarde e proporciona uma fantástica vista sobre a mesma e o leito do rio Paiva. Coloque tudo tal como o encontrou e procure não dar muito nas vistas, pois o local é bastante exposto, podem ser observados a partir da aldeia e levantar suspeitas.
Cruz_Pedra Vista_Aldeia Percurso_pedestre

Additional Hints (No hints available.)



 

Find...

65 Logged Visits

Found it 61     Temporarily Disable Listing 1     Enable Listing 1     Publish Listing 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 21 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.