Skip to content

<

Agromuseu

A cache by mafilll Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 10/16/2009
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
1 out of 5

Size: Size:   other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


A historia


A «Casa Agrícola Pereira Alves de Matos Carreira» de Maria Leonilde Pereira Alves Carreira (“Julinha”) constituiu uma importante casa agrícola da Região de Leiria, tendo sido edificada na segunda metade do século XIX para o casamento de seus avós maternos, José Joaquim Pereira e Clemência Alves de Matos.
Domingos Fernandes Carreira foi o administrador desta grande casa na qualidade de procurador de sua filha Maria Leonilde, a legitima herdeira da mesma com apenas nove meses, por via do falecimento de seus avós e de sua mãe. Sendo D. Maria Júlia da Conceição Pereira Alves de Matos Carreira conhecida pelo diminutivo “Julinha” eis a razão porque D. Maria Leonilde, de seu nome, ficou a ser igulmente conhecida por “Julinha”, em memória de sua mãe.
Situada nas proximidades das histórias Terras ou Reguengos de Ulmar (os férteis Campos do Lis), nela se desenvolvia uma intensa actividade agrícola, florestal e pecuária, sobretudo na área da vitivinicultura, cultura de cereais e do azeite.
Era servida por grandes extensões de pinhais e propriedades agrícolas nas freguesias de Amor, Monte Real, Souto da Carpalhosa e Ortigosa, especialmente nos lugares dos Conqueiros, Moita da Roda, Charneca do Nicho, Souto, Picoto, Várzeas, Casal, Ameixoeira, Ortigosa (evidentemente aqui, com maiores extensões), Lagoa, Ruivaqueira, Mato d´Eira, Riba d´Aves, Lameira, entre outros. Explorava-se ainda uma saibreira, uma gesseira e uma pedreira, e o sal para as salgadeiras e para venda ao alqueire era oriundo das salinas de Lavos (Figueira da Foz).
Desempenhou um importante papel social e de desenvolvimento económico e cultural a nível local. No tempo dos fundadores, com uma enorme labuta agrícola, social e religiosa complementada pela «Casa das Barbas ou Casa do Adro», espécie d clínica de saúde da época e de apoio à Capela de Santo Amaro, situada no adro daquele templo. Mais tarde, tudo isto foi continuado e acrescido com a Farmácia e a Loja de Domingos Fernandes Carreira, que englobava outros serviços públicos.

O museu


Com a doação, em Junho de 2002, de parte dos bens constituídos da «Casa Agrícola Pereira Alves de Matos Carreira», por D. Maria Leonilde Pereira Alves Carreira (“Julinha”), ao Município de Leiria, a Câmara Municipal de Leiria, com o apoio do Programa de Iniciativa Comunitária LEADER+, através da ADAE – Associação de Desenvolvimento da Alta Estremadura, procedeu à recuperação e adaptação dos edifícios agrícolas e anexos, com a vista à sua preservação e constituição de um circuito museológico interpretativo e interactivo.
O Agromuseu Municipal Dona Julinha é uma instituição de natureza permanente, com fins não lucrativos, criada para o interesse colectivo.
Hierarquicamente depende da Divisão de Museus e Património do Departamento de Cultura, Desporto e Juventude da Câmara Municipal de Leiria, tem por vocação fundamental a recolha, investigação, conservação e inventariação, divulgação, salvaguarda e valorização dos testemunhos materiais e intangíveis da cultura rural da «Casa Agrícola Pereira Alves de Matos Carreira», permitindo através da exposição permanente e da organização d exposições temporárias e produções culturais, a acessibilidade dos seus conteúdos.
Espaço calmo e aprazível, ao mesmo tempo dinâmico e em diálogo permanente com a comunidade onde se insere e com o seu público, assume como objectivo primordial a recuperação e transmissão dos valores e tradições de uma grande casa agrícola oitocentista da região leiriense, colocando em evidência os seus espaços e memórias, colecções de objectivos associados (alfaias agrícolas, transportes tradicionais, utensílios do quotidiano rural), modos de produção, usos e costumes locais em torno da exploração agro-pecuária e silvícola, com uma forte componente educativa na área patrimonial e ambiental. 

Horário de Abertura ao Público

Terça a Sexta-feira das 14h00 às 18h00.
Sábados e domingos contactar previamente os serviços do Museu,ver na net contacto do Museu
Encerra à Segunda-Feira

 

Additional Hints (Decrypt)

Cbfgr ryrgevpb

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.