Skip to content

Bairro de Santos - R. Francisco de Holanda Traditional Geocache

This cache has been archived.

Equipa Ringalim: Foi roubada! E não voltará ao activo...

More
Hidden : 03/20/2010
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Esta cache leva-o a conhecer a Rua Fracisco de Holanda no Bairo de Santos em Lisboa. É uma cache nano e magnética. (Traga material de escrita, se faz favor)

Francisco d'Olanda

Francisco de Holanda, mais correctamente Francisco d'Olanda, (Lisboa, c. 1517 - Lisboa, 1585), humanista e pintor português.

Considerado um dos mais importantes vultos do renascimento em Portugal, também foi ensaísta , arquitecto e historiador.

Francisco de Holanda começou a sua carreira como iluminurista, na sequência daquela que era já a carreira de seu pai, António d'Holanda, iluminador régio.

Estudou na Itália entre 1538 e 1547, época em que frequentou o grupo de Vitória Colonna, personagem notável do renascimento italiano, o que lhe proporcionou o convívio com grandes artistas do seu tempo, como Parmigianino, Giambologna e, principalmente Miguel Ângelo, que nele despertou o fervor pelo classicismo.

A ceia do Senhor. Museu Nacional de Belas Artes

A ceia do Senhor.

Museu Nacional de Belas Artes

Regressando a Portugal, obteve vários auxílios da parte do cardeal-arcebispo de Évora e dos reis D.João III (1521-1557) e de D. Sebastião (1568-1578).

O ideal estéctico renascentista exprimiu-se acentuadamente neste artista, que afirmava que o objectivo primordial era o de incentivar a sua íntima originalidade, e depois seguir a lição da natureza (puro espelho do criador) e a lição dos antigos, mestres imortais da grandeza, simetria, perfeição e decoro.

Dotado de uma grande versatilidade intelectual, Francisco de Holanda distinguiu-se pelos seus desenhos da série "Antiguidades de Itália" (1540-1547), pelo seu contributo como instrumento de estudo na reconstituição do património arqueológico dos Romanos e da arte italiana na primeira metade do século XVI. Foi também autor do projecto da fachada da Igreja da Nossa Senhora da Graça, em Évora.

A paixão pelo classicismo reflectiu-se no seu tratado "Da Pintura Antiga", que divulga o essencial da obra de Miguel Ângelo e do movimento artístico em Roma na segunda metade do século XVI.

Escreveu também o primeiro ensaio sobre urbanismo na península Ibérica, com o título "Da fabrica que falece a cidade de Lisboa", e alguns livros de desenhos como "De Aetatibus Mundi Imagines" e "Antigualhas".

Adaptado de: pt.wikipedia.org

free counters

Additional Hints (Decrypt)

Ab fvany qr geâafvgb qr rfgnpvbanzragb.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)