Skip to content

Relógio de sol vs Forno de cal Multi-Cache

This cache has been archived.

zekarlos: A ponte onde se encontra o ponto final está em risco de ruína. Não existe alternativa perto do moinho.
Foi bom enquanto existiu.

More
Hidden : 04/18/2010
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Esta cache é dedicada aos ESCUTEIROS.

Pertenci ao AGRUPAMENTO 297 de Algés do CNE.



O primeiro ponto é, à primeira vista, sem interesse. Vão dar a um relógio de sol que fica no meio da Urbanização da Quinta de Fitares. Procurem aí as coordenadas que vos levarão ao ponto final.


PODEM DAR A VOLTA MAS ACONSELHO VIVAMENTE O CAMINHO PELA MATA DE FITARES VÃO VER CAVALOS Á SOLTA MAS SÃO MUITO MANSOS (ESPECIALMENTE SE LEVAREM CENOURAS E A SUA GOLUSEIMA PREFERIDA - PÃO)


A PONTE MEDIEVAL DA RINCHOA:




(Um dos pontos de passagem - fica junto à entrada da estação de comboio). A Área Metroplitana de Lisboa, em muitos dos seus aglomerados urbanos, possui património que não é conhecido e, por isso mesmo, deve ser divulgado. No Concelho de Sintra, a Rinchoa, que é "bombo" da festa de muitos "analistas" que por falta de humildade, falam do que não sabem. Não fazem ideia de que muitos dos sítios que apontam como sendo descaracterizados, sem alma nem história, têm afinal um patrimonio interessante e valioso, como é o caso da NOSSA TERRA. Na Rinchoa, ao fundo da Avenida dos Carvalhos, limite da freguesia de Rio de Mouro com a de Belas, na confluência da "regeira" da Tala com a Ribeira da Jarda, existe uma secular, e interessante ponte de pedra que servia de passagem entre os concelhos de Sintra e Belas. A Rinchoa foi durante séculos um cruzamento de caminhos, característica que se mantém ainda hoje. Esta ponte que é sem dúvida medieval está ao abandono, felizmente encontra-se em bom estado de conservação, merece que seja limpa das ervas e silvas que a rodeiam e assinalada como património de interesse público.

Aqui, no coração do concelho de Sintra, é possivel observar uma vestuta ponte, com pormenores construtivos, já difíceis de encontrar em monumentos do mesmo tipo noutros locais de Portugal. Esta ponte, por incúria, serve de suporte a uns inestéticos canos e cabos de plástico que devem ser retirados, para que possa ser admirada na pureza das suas linhas originais. A ponte da Rinchoa para a Tala, deve ser classificada como imóvel de interesse público, para que todos a conheçam e admirem. É uma estrutura que durante muitos anos, permitiu aos moradores, almocreves e viajantes atravessar a Ribeira da Jarda, para se dirigirem ao Recoveiro e Meleças.

O DESTINO: A Quinta Grande é uma propriedade situada no lugar de Meleças, no concelho de Sintra. Era uma exploração agrícola de que se conhecem referências em documentos muito antigos. As suas terras produziam com abundância por serem férteis e disporem de água para regadio proporcionada pela Ribeira da Jarda que a atravessa. A quinta foi urbanizada, restando da sua antiga função uma estreita faixa junto ao curso de água. Nesta zona são visíveis as ruínas dum forno destinado ao fabrico de cal (Contactado o Sr. Julio Cortez Fernandes este referiu o seguinte: "Quanto à questão que referiu e citada em epígrafe, as ruínas não se reportam a um poço mas a um forno para o fabrico de cal, aproveitando a matéria prima abundante na zona. Segundo apuramos deve ter sido construído no século XIX, em 1858).Tem uma história interessante. Para a cozedura do calcário o forno teria de ser aquecido com a queima de lenha, possivelmente obtida nas proximidades. No local ainda se detectam vistosos sobreiros e carvalhos negrais de pequeno porte.

PARA QUEM QUISER SABER MAIS COISAS SOBRE A LOCALIDADE LIGUE-SE A : http://tudodenovoaocidente.blogs.sapo.pt/

ATENÇÃO: Todos estes locais são públicos, podem passear na mata e quinta á vontade.


free counters



Additional Hints (Decrypt)

1º Cbagb: Ab eryótvb 2º Cbagb: Cbagr

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)