Skip to content

This cache has been archived.

SerafimSaudade: Esta cache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou
adequada perante as situações relatadas. Relembro a secção das
guidelines sobre a manutenção
http://support.groundspeak.com/index.php?pg=kb.page&id=307#maint :

[quote]
You are responsible for occasional visits to your cache to maintain
proper working order, especially when someone reports a problem with
the cache (missing, damaged, wet, etc.). You may temporarily disable
your cache to let others know not to search for it until you have a
chance to fix the problem. This feature is to allow you a reasonable
amount of time – normally a few weeks – in which to check on your
cache. If a cache is not being maintained, or has been temporarily
disabled for an unreasonable length of time, we may archive the
listing.

Because of the effort required to maintain a geocache, we ask that you
place physical caches in your usual caching area and not while on a
vacation or business trip. It is best when you live within a
manageable distance from the cache placements to allow for return
visits. Geocaches placed during travel may not be published unless you
are able to demonstrate an acceptable maintenance plan, which must
allow for a quick response to reported problems. An acceptable
maintenance plan might include the username of a local geocacher who
will handle maintenance issues in your absence.[/quote]

Como owner, se tiver planos para recolocar a cache, por favor,
contacte-me por
[url=http://www.geocaching.com/email/?u=serafimsaudade]e-mail[/url].

Lembro que a eventual reactivação desta cache passará pelo mesmo
processo de análise como se fosse uma nova cache, com todas as
implicações que as guidelines actuais indicam.

Se no local existe algum container, por favor recolha-o a fim de
evitar que se torne lixo (geolitter).

Obrigado

[b] SerafimSaudade [/b]
Geocaching.com Volunteer Cache Reviewer

More
<

TOP 10/150 FTFs

A cache by manelov Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 07/07/2010
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

free counters

POR

  Apesar de a grande maioria dizer que não liga aos FTFs, a verdade é que quando "sai" uma cache nova há quase sempre uma corrida na sua direcção. Cada um terá os seus motivos, quanto a nós, gostamos de procurar uma cache em que a incerteza do que vamos encontrar nos provoca um pouco de adrenalina. Embora isso não aconteça só nos FTFs, o que é um facto é que nessas “corridas” temos quase de certeza emoção garantida.

  As tentativas de FTF, por vezes levam a algumas frustrações e, quem os tenta tem de saber encaixar alguns dissabores, como sejam:

 Chegar à cache 10 minutos após a publicação e a dita já ter ½ dúzias de logs;

 A cache não estar ainda colocada;

 As coordenadas estarem erradas;

 Um DNF puro e simples, etc.

 Mas, se não fossem os contratempos, que valor teriam os sucessos?

 Embora ultimamente não tenhamos andado muito activos nesta vertente do geocaching, continuamos a achar que, de vez em quando um FTF dá um sabor diferente e, por isso, resolvemos colocar esta cache no dia em que fizemos 150 FTFs, para dar oportunidade a alguém de saborear um.

 Se for daqueles que não gostam, espere que lá vá alguém primeiro e... vá depois.

De entre os 150+2 FTFs, seleccionámos estes 10 que, são o nosso Top 10.
Lopes Graça
 
Quando começámos, fazer um FTF era para nós era algo que parecia inalcançável, até que um dia ao vermos esta cache, fizemos um raid a Tomar e... lá conseguimos o nosso 1º FTF.
Cobras, lagartos & cobrões [VVRodão]

 Esta cache já estava publicada há mais de um mês e, desde essa altura que nos andava a fazer "comichão", mas, a dificuldade do terreno fez-nos hesitar, até que um dia lá nos resolvemos a atacar esta excelente cache que, valeu cada estrelinha de dificuldade.
TP44 - Monstro de Ness [Dornes]

 Quando esta cache foi publicada, pareceu-nos que era daquelas que nunca íriamos fazer, mas, de tanto pensarmos nisso, um dia metemos o barco insuflavel no porta bagagens e... aí fomos ao seu encontro. Esta deixou-nos extenuados, principalmente devido ao vento, mas valeu cada gota de suor. 
Rappel na Ponte [Ponte de Sor]
 Esta foi das caches mais trabalhosas que já fizemos. Devido à dificuldade de interpretação do texto e da obtenção das coordenadas finais, só a encontrámos depois de várias horas de busca. Entretanto, andámos a procurar em sitios que nada tinham a ver com o local da cache e depois de saber onde ela estava, ainda tivemos de encontrar uma solução para a retirar, já perto da 1/2 noite.
Á Beira da Falésia

 Uma cache que até nem foi muito trabalhosa, mas, para nós foi inesquecivel, por nos ter mostrado aquela paisagem deslumbrante que não conhecíamos. Uma cache que todos deviam visitar.
Forno das Feiticeiras [Outão - Setúbal]

 Esta foi uma daqueles caches que tivemos a sorte de encontrar no dia das bruxas e exactamente da forma que o autor tinha planeado. Para o RIPER7, esta é a "sua cache". Foi uma cachada espectacular, só desejamos que todos a encontrem da forma que nós encontrámos. E mais não digo.
ARRIFE Total
 Culminando uma série de 6+1 caches, foram dois dias de aventura por "caminhos" com grandes paisagens e boa companhia. No final, as pernas para além de cansadas estavam cobertas de arranhões, mas, aquela cachada tormou-se inesquecivel.
Convento de Monfurado

 Não sabíamos ao que vinhamos, mas, ao transpor a entrada, fomos surpreendidos por um cenário digno de Indiana Jones. Explorámos o convento de uma ponta à outra. Este é um lugar onde podemos dar asas à imaginação. Apressem-se a visitá-lo enquanto ainda for possivel.
Ilha Paraíso - Albufeira Castelo do Bode

 Já tinhamos estado na ilha aquando de outra cachada na zona, mas, este FTF tornou-se especial pela forma como foi feito. Como não tinhamos maneira de levar um barco até à água, resolvemos fazer a travessia a nado, levando o GPS a boiar dentro de um saco de plástico cheio de ar e atado na ponta. Ainda por cima naquele final de Setembro a água estava uma maravilha.
Marvão - Porto Roque

 Conhecíamos este afloramento rochoso por termos passado algumas vezes na fronteira ali perto, mas, nunca nos tinha passado pela cabeça ir lá acima. Quando a cache foi publicada tirámos-lhe logo as medidas e, à primeira oportunidade seguimos viagem. Esta é uma cache imperdivel, com uma paisagem espectacular onde até se pode ver os abutres pelas costas.
  O LOCAL
  As ruínas são de uma antiga fábrica de óleo de eucalipto. Construída em 1974, cessou a sua actividade em 1992 e, desde então encontra-se abandonada.
  O óleo de eucalipto era obtido pela destilação das folhas de diversas espécies de eucalipto de forma a obter um líquido de cor levemente amarelada, de cheiro muito intenso e de sabor refrescante. Este óleo é usado na indústria farmacêutica para tratamento de bronquites, gangrena pulmonar, paludismo, cólera, etc.. Também é usado na indústria alimentar, na indústria de cosméticos e como repelente de insectos.
 A extracção do óleo era feita colocando grandes quantidades de folha de eucalipto em enormes caldeiras (que ainda se podem observar no local), por onde se fazia passar vapor que depois seguia para um condensador, obtendo assim o precioso óleo.
A CACHE
 A cache é small e encontra-se no interior das ruínas. O local é perigoso e não é recomendável a crianças. Não vá sózinho
ENG
THE CACHE
 This cache is inside the ruins. This place is dangerous and is not recommended for kids. Don't go alone.

Additional Hints (Decrypt)

C:
B ybpny é crevtbfb r aãb é erpbzraqáiry n pevnaçnf. Aãb iá fómvaub
Qvpn: Shzb

R:
Guvf cynpr vf qnatrebhf naq vf abg erpbzzraqrq sbe xvqf. Qba'g tb nybar.
Uvag: Fzbxr

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)