Skip to content

Reserva Botânica de Loendros Cambarinho- Miradouro Traditional Geocache

Hidden : 03/07/2011
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:




O LOENDRO


“O Rhododentron Ponticumm, vulgo loendro, é um arbusto de crescimento espontâneo na Península Ibérica. Apresenta as folhas alongadas e flores vermelho-violáceas de rara beleza. Prefere as zonas húmidas onde emoldura ribeiros e regatos como acontece em Cambarinho onde, nos meses de Maio e Junho, os olhos dos visitantes se podem maravilhar com um magnífico espectáculo de cor pela sua floração.

Esta comunidade de loendros, a mais importante do nosso país, encontra-se protegida pelo Decreto-Lei nº 364/ 71, de 25 de Agosto que criou a Reserva Botânica de Cambarinho que determina a protecção desta espécie e de outras, para além da fauna existente nos seus 24 hectares de extensão. Sendo uma planta venenosa foi perseguida, através dos tempos, como planta indesejável nas matas e nos campos de cultivo por parte dos proprietários do gado, pois por vezes o gado ingere as folhas, originando graves perturbações nos animais e que podem levar à morte. Devido à sua rara beleza, o seu corte serve para enfeitar as ruas, edifícios e andores na altura das procissões religiosas. Servem também para a construção das “sebes” dos carros de vacas, dada a maleabilidade das suas varas para o trabalho de encanastrar. Não fora esta utilidade e a sua extrema beleza e, talvez, fosse impossível o encanto que, hoje nos proporciona e que obriga todos os amantes da Natureza a uma visita à Reserva Botânica de Cambarinho.”


A RESERVA BOTÂNICA DE CAMBARINHO


“Na Reserva Botânica de Cambarinho situa-se a maior concentração de Loendros (Rhododendron Ponticum) de Europa, que cobre de roxo 24 hectares. Torna-se palco de um exuberante espectáculo de cor, com os loendros floridos, uma das raras espécies de crescimento espontâneo sobreviventes da flora do período geológico do Terciário.

Embora sejam arbustos venenosos, vale a pena visitar entre Maio e Junho, altura do seu florescimento. Predominam áreas de mato, permanecendo no entanto zonas de pinhal, manchas de carvalhal, áreas agrícolas e lameiros.

A Reserva Botânica de Cambarinho fica situada na povoação de Cambarinho, freguesia de Campia, concelho de Vouzela, distrito de Viseu, na vertente norte da Serra do Caramulo.

Esta reserva foi criada em 1971 e está sob a tutela do Instituto da Conservação da Natureza.”




A cache:

A cache é um pequeno container que deve ser aberto com algum cuidado e não á base da força.
Para visitar esta cache, e as anteriores, dentro do mesmo tema, devem deixar a viatura na zona onde começa a Reserva e avançar pelos percursos, observando e escutando a natureza.
Poderão também aproveitar para fazer um pouco de exercicio fisico no circuito de manutenção que ali existe.
Tenham um bom passeio!


Lembrem-se que a vegetação não tem pés para andar e as pedras são marcos do tempo.

Protejam a natureza!

 





Sejam discretos, se possível façam o CITO.
Divirtam-se, tirem fotos e publiquem.

BY


Enjoy

Additional Hints (Decrypt)

Phvqnqb, rfgáf rz pvzn qr zvz !

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)